Monthly Archives: maio, 2020

No Maranhão governado por comunistas, que não têm projetos, nem sabem onde aplicar tantos recursos.

Minhas críticas ao governo do Estado sempre tiveram o ânimo de melhorar, de aperfeiçoar. Democracia é assim.

O comunismo só́ entende o que é democracia quando está́ na oposição.

Observem que não estou criticando a pessoa do governador, mas o modelo de gestão.

Em tudo eles levam para o lado pessoal, até porque sempre confundem o público com o privado.

Quando o próprio governador diz não acompanhar denúncia de um Senador da República, e que não perde tempo com hospitais fechados em plena pandemia, é algo mais grave que a própria denúncia.

Com sua atuação parlamentar voltada para o desenvolvimento do Maranhão, o senador tucano Roberto Rocha respondeu com classe aos agressores, mostrando além de verbas milionárias enviadas para o Maranhão, socorro soas hospitais que estavam sucateados.  o que é pior, o governador não tem projetos, nem sabe onde aplicar tantos recursos.

“Primeiro a gente faz, depois a gente mostra”:

Após ataque de robôs, blogues e emissoras comunistas, senador Roberto Rocha mostra para serve um senador pelo Maranhão e mostra os vários milhões enviados para o governo do Maranhão, que debaixo de uma ditadura comunista, sem projetos, não sabe onde aplicará tantos milhões.

Até na Russia, antiga União Soviética, país comunista, seguiu a orientação de Bolsonaro. Vai ver que lá o STF não toma os espaços dos outros poderes, lá, prefeitos e governadores não usam a desculpa do coronavirus para roubar. 

Fiquem abaixo com a notícia do Conexão Política.

 Russia mantém o uso da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com infecção por coronavírus

O Ministério da Saúde da Rússia publicou uma nota defendendo manter o uso da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com infecção por coronavírus chinês no país.

A nota diz:

Atualmente, não há medicamentos antivirais registrados no mundo que sejam indicados para uso em infecções pelo coronavírus SARS-COV2.

Vários medicamentos são usados ​​para tratar pacientes com COVID-19, cuja capacidade de agir em várias partes do processo de infecção foi demonstrada durante estudos experimentais ou clínicos limitados.

Entre esses medicamentos está a hidroxicloroquina (HCQ), usada há décadas para tratar malária, artrite reumatoide, lúpus eritematoso sistêmico devido ao seu efeito anti-inflamatório e efeito no sistema imunológico.

As recomendações para o uso do HCQ no COVID-19 são baseadas nos resultados de vários estudos estrangeiros que confirmam a eficácia do medicamento contra um agente infeccioso in vitro (no experimento) e, em seguida, durante ensaios clínicos, bem como na opinião de especialistas.

Esses dados, apoiados na experiência do uso da cloroquina (CQ) na prática real em todo o mundo, foram a base para sua inclusão em várias diretrizes clínicas nacionais e internacionais, inclusive em nosso país.

A hidroxicloroquina HCQ tem efeitos colaterais, em particular, dentre os quais a cardiotoxicidade (a capacidade de causar distúrbios do ritmo cardíaco) é um dos mais significativos.

Por esse motivo, as diretrizes temporárias “Prevenção, diagnóstico e tratamento de novas infecções por coronavírus (COVID-19)”, aprovadas em 28/04/2020, fornecem orientações sobre o controle da frequência cardíaca em pacientes que recebem CQ, além de impedir seu uso por pacientes com alto risco de desenvolver arritmias.

Como a CQ, assim como outros medicamentos para o tratamento do COVID-19, não possui indicações registradas para o tratamento da infecção por coronavírus, os pacientes a quem são prescritos dão consentimento informado ao uso desses medicamentos.

De acordo com os resultados do monitoramento da segurança dos medicamentos hidroxicloroquina durante a pandemia de COVID-19 na Federação Russa, não houve resultados fatais associados ao distúrbio do ritmo em pacientes com CQ.

O Ministério da Saúde da Rússia possui todos os dados mais recentes sobre a eficácia e segurança dos medicamentos utilizados no tratamento de COVID-19. Esta informação é usada para atualizar as diretrizes clínicas russas para o tratamento de pacientes com COVID-19.

A decisão da OMS de 26 de maio de 2020 de suspender os ensaios clínicos de CQ no âmbito do programa Solidariedade para avaliar ainda mais sua segurança é baseada em evidências de cardiotoxicidade, que, em pacientes hospitalizados com alta incidência de doenças concomitantes, pode levar a arritmias cardíacas com risco de vida.

Ao mesmo tempo, um corpo significativo de resultados publicados de estudos estrangeiros, bem como experiência doméstica, indica a validade do uso de CQ quando prescrito em certos grupos de pacientes com COVID-19 em doses baixas, em menor grau associado a arritmias cardíacas.

O Ministério da Saúde da Rússia está finalizando a sétima versão das Diretrizes provisórias para o diagnóstico, prevenção e tratamento do COVID-19. Eles incluirão critérios adicionais para o médico avaliar o benefício e o risco de usar o CQ para um paciente em particular para decidir sobre sua consulta, instruções detalhadas para seu uso em pacientes com baixo risco de distúrbios do ritmo, além de medidas para monitorar e prevenir arritmias durante o tratamento.

A questão da eficácia e segurança da hidroxicloroquina, bem como de outros medicamentos usados ​​na Rússia para o tratamento do COVID-19, está sob a supervisão constante do Ministério da Saúde da Rússia e de suas organizações subordinadas.

Com informações, Ministério da Saúde da Rússia.

365 dias de prestação de serviço à sociedade ludovicense. Parece pouco tempo, mas a Procuradoria da Mulher da Câmara Municipal de São Luís tem desenvolvido um trabalho nobre em favor das políticas voltadas ao público feminino.

Neste sábado (30), o setor celebra o seu primeiro ano de fundação, o órgão tem como missão auxiliar as mulheres a saírem do ciclo de violência a que são submetidas no dia a dia.

Durante todo esse ano, a Procuradoria esteve sob o comando da vereadora Bárbara Soeiro (PSC). A parlamentar, na atual legislatura, é uma das três mulheres a ocupar um espaço de poder no Parlamento; além dela, na condição de eleitas pela população, destacam-se as vereadoras, Concita Pinto (PC do B) e Fátima Araújo (PCdoB).

Vale mencionar que a instalação do órgão se tornou viável na gestão do atual presidente da Câmara, o vereador Osmar Filho (PDT).

“A criação e atuação da Procuradoria somam-se neste propósito, de continuar trabalhando em favor de todas as mulheres da nossa cidade. Registro a condução excelente e de muita responsabilidade desenvolvida pela amiga e vereadora Barbára e toda a sua equipe durante esse período. Continuaremos com o objetivo de agilizar cada vez mais o trabalho em defesa da mulher vítima de violência familiar e doméstica’’, disse pedetista.

Soeiro destaca diversas ações realizadas, como a criação da Procuradoria itinerante; o fortalecimento dos laços institucionais com outras entidades e os movimentos sociais que levantam a bandeira dessa luta; ampliação da rede de proteção por meio do atendimento individualizado através do encaminhamento às instituições competentes; além da atuação por meio de palestras nas escolas municipais e demais organizações.

“Sinto-me lisonjeada em estar à frente desse órgão; é de grande importância uma Câmara como a nossa possuir esse tipo de atuação, a Casa está de parabéns quando implantou a Procuradoria com esta consciência em trabalhar a autoestima e políticas voltadas às nossas mulheres’’, celebrou a vereadora.

Sobre o órgão

Foi criado através do Projeto de Resolução Nº 13/2017, que altera e acrescenta dispositivos ao Regimento Interno da Câmara.

Entre as atribuições da Procuradoria estão a de zelar pela defesa dos direitos da mulher; receber, examinar e encaminhar aos órgãos competentes as denúncias de violência e discriminação; promover audiências públicas, pesquisas e estudos sobre violência e discriminação, bem como sobre a participação política das mulheres, no município.

Em época de eleições municipais, é bom não se empolgar com recurso federal, dinheiro vem com brinde da PF…

Foi aprovado pelo Senado Federal, o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (PLP 39/2020), que prestará auxílio financeiro a estados e municípios. O texto voltou à análise da Câmara dos Deputados, cujo presidente adiantou que os valores aprovados pelos senadores devem ser aprovados.

Pelo texto, a União deve destinar R$ 60 bilhões a estados e municípios para o combate à pandemia da covid-19, em quatro parcelas mensais, sendo R$ 10 bilhões exclusivamente para ações de saúde e assistência social (R$ 7 bi para os estados e R$ 3 bi para os municípios) e R$ 50 bilhões para uso livre (R$ 30 bi para os estados e R$ 20 bi para os municípios). Além disso, o Distrito Federal receberá uma cota à parte, de R$ 154,6 milhões, em função de não participar do rateio entre os municípios. Esse valor também será remetido em quatro parcelas.

Além dos repasses, os estados e municípios serão beneficiados com suspensão e renegociação de dívidas, o que amplia o auxílio a um total de R$ 125 bilhões.

Após aprovado no Senador, o texto para o Presidente Jair Bolsonaro, que ontem sancionou a Lei 173, que destinou os recursos aos estados e municípios. Serão R$ 101 milhões para investimentos na saúde pública R$ 496 milhões para livre aplicação.

Veja na tabela abaixo quanto deve ser destinado, com repasses diretos em quatro parcelas, a cada município do Maranhão.

Governo Federal envia R$ 596 milhões para as prefeituras do Maranhão.

Açailândia R$ 9.483.184,65
Afonso Cunha R$ 550.209,41
Água Doce do Maranhão R$ 1.060.190,44
Alcântara R$ 1.863.577,14
Aldeias Altas R$ 2.237.608,21
Altamira do Maranhão R$ 685.484,68
Alto Alegre do Maranhão R$ 2.281.547,3
Alto Alegre do Pindaré R$ 2.691.927,35
Alto Parnaíba R$ 943.722,14
Amapá do Maranhão R$ 587.148,66
Amarante do Maranhão R$ 3.494.470,68
Anajatuba R$ 2.260.463,32
Anapurus R$ 1.326.777,19
Apicum-Açu R$ 1.453.871,85
Araguanã R$ 1.300.970,31
Araioses R$ 3.916.573,39
Arame R$ 2.757.878,26
Arari R$ 2.517.267,07
Axixá R$ 1.022.998,17
Bacabal R$ 8.851.000,45
Bacabeira R$ 1.438.353,99
Bacuri R$ 1.567.135,37
Bacurituba R$ 475.993,54
Balsas R$ 8.002.409,55
Barão de Grajaú R$ 1.587.207,39
Barra do Corda R$ 7.439.465,38
Barreirinhas R$ 5.273.374,27
Bela Vista do Maranhão R$ 945.324,53
Belágua R$ 629.907,12
Benedito Leite R$ 474.981,51
Bequimão R$ 1.794.674,46
Bernardo do Mearim R$ 509.643,69
Boa Vista do Gurupi R$ 783.230,34
Bom Jardim R$ 3.510.916,24
Bom Jesus das Selvas R$ 2.869.792,41
Bom Lugar R$ 1.374.174,14
Brejo R$ 3.069.584,88
Brejo de Areia R$ 774.881,06
Buriti R$ 2.418.593,71
Buriti Bravo R$ 2.014.285,94
Buriticupu R$ 6.102.399,17
Buritirana R$ 1.301.307,65
Cachoeira Grande R$ 795.374,76
Cajapió R$ 942.625,77
Cajari R$ 1.634.351,33
Campestre do Maranhão R$ 1.212.248,62
Cândido Mendes R$ 1.701.735,96
Cantanhede R$ 1.854.974,84
Capinzal do Norte R$ 922.132,07
Carolina R$ 2.051.225,19
Carutapera R$ 2.007.792,05
Caxias R$ 13.905.353,59
Cedral R$ 900.289,00
Central do Maranhão R$ 731.447,91
Centro do Guilherme R$ 1.134.996,66
Centro Novo do Maranhão R$ 1.823.517,44
Chapadinha R$ 6.719.487,19
Cidelândia R$ 1.239.489,21
Codó R$ 10.361.461,89
Coelho Neto R$ 4.169.160,33
Colinas R$ 3.472.796,28
Conceição do Lago-Açu R$ 1.369.366,97
Coroatá R$ 5.506.816,89
Cururupu R$ 2.757.372,24
Davinópolis R$ 1.088.611,74
Dom Pedro R$ 1.969.250,40
Duque Bacelar R$ 957.131,60
Esperantinópolis R$ 1.454.040,52
Estreito R$ 3.537.566,48
Feira Nova do Maranhão R$ 717.195,09
Fernando Falcão R$ 873.723,09
Formosa da Serra Negra R$ 1.609.893,83
Fortaleza dos Nogueiras R$ 1.065.250,61
Fortuna R$ 1.311.596,67
Godofredo Viana R$ 996.769,61
Gonçalves Dias R$ 1.512.485,51
Governador Archer R$ 914.204,47
Governador Edison Lobão R$ 1.543.015,22
Governador Eugênio Barros R$ 1.419.209,67
Governador Luiz Rocha R$ 658.412,76
Governador Newton Bello R$ 858.542,57
Governador Nunes Freire R$ 2.157.067,13
Graça Aranha R$ 528.113,32
Grajaú R$ 5.863.643,37
Guimarães R$ 1.014.564,55
Humberto de Campos R$ 2.421.882,82
Icatu R$ 2.286.607,54
Igarapé do Meio R$ 1.195.634,39
Igarapé Grande R$ 954.685,85
Imperatriz R$ 21.816.258,36
Itaipava do Grajaú R$ 1.354.186,45
Itapecuru Mirim R$ 5.751.982,24
Itinga do Maranhão R$ 2.192.741,35
Jatobá R$ 856.265,50
Jenipapo dos Vieiras R$ 1.392.812,44
João Lisboa R$ 1.993.033,21
Joselândia R$ 1.363.547,77
Junco do Maranhão R$ 289.441,86
Lago da Pedra R$ 4.239.243,71
Lago do Junco R$ 914.204,47
Lago dos Rodrigues R$ 748.315,15
Lago Verde R$ 1.371.053,70
Lagoa do Mato R$ 948.782,31
Lagoa Grande do Maranhão R$ 960.926,73
Lajeado Novo R$ 636.738,35
Lima Campos R$ 1.003.010,49
Loreto R$ 1.025.275,25
Luís Domingues R$ 586.220,97
Magalhães de Almeida R$ 1.672.049,61
Maracaçumé R$ 1.804.373,12
Marajá do Sena R$ 657.147,71
Maranhãozinho R$ 1.371.728,39
Mata Roma R$ 1.419.294,01
Matinha R$ 1.970.937,13
Matões R$ 2.849.045,70
Matões do Norte R$ 1.412.209,76
Milagres do Maranhão R$ 713.821,64
Mirador R$ 1.772.325,36
Miranda do Norte R$ 2.393.545,85
Mirinzal R$ 1.261.838,31
Monção R$ 2.819.696,70
Montes Altos R$ 772.519,64
Morros R$ 1.638.905,49
Nina Rodrigues R$ 1.218.995,52
Nova Colinas R$ 454.066,13
Nova Iorque R$ 394.946,45
Nova Olinda do Maranhão R$ 1.764.988,11
Olho d’Água das Cunhãs R$ 1.644.977,69
Olinda Nova do Maranhão R$ 1.239.826,56
Paço do Lumiar R$ 10.305.631,33
Palmeirândia R$ 1.663.278,65
Paraibano R$ 1.803.614,09
Parnarama R$ 2.943.923,93
Passagem Franca R$ 1.603.990,30
Pastos Bons R$ 1.642.194,60
Paulino Neves R$ 1.352.331,06
Paulo Ramos R$ 1.774.433,77
Pedreiras R$ 3.308.425,01
Pedro do Rosário R$ 2.120.549,56
Penalva R$ 3.244.413,83
Peri Mirim R$ 1.207.525,79
Peritoró R$ 1.956.262,63
Pindaré-Mirim R$ 2.778.118,95
Pinheiro R$ 7.032.543,18
Pio XII R$ 1.811.963,38
Pirapemas R$ 1.570.761,83
Poção de Pedras R$ 1.507.341,00
Porto Franco R$ 2.014.370,27
Porto Rico do Maranhão R$ 503.908,83
Presidente Dutra R$ 4.031.607,98
Presidente Juscelino R$ 1.073.937,24
Presidente Médici R$ 591.618,48
Presidente Sarney R$ 1.595.472,34
Presidente Vargas R$ 943.975,15
Primeira Cruz R$ 1.291.608,99

Riachão R$ 1.703.169,67
Ribamar Fiquene R$ 657.063,38
Rosário R$ 3.604.529,43
Sambaíba R$ 478.270,62
Santa Filomena do Maranhão R$ 655.545,33
Santa Helena R$ 3.553.084,35
Santa Inês R$ 7.509.633,10
Santa Luzia R$ 6.128.459,06
Santa Luzia do Paruá R$ 2.129.826,54
Santa Quitéria do Maranhão R$ 2.162.548,99
Santa Rita R$ 3.192.547,07
Santana do Maranhão R$ 1.128.924,45
Santo Amaro do Maranhão R$ 1.336.391,52
Santo Antônio dos Lopes R$ 1.225.236,40
São Benedito do Rio Preto R$ 1.573.966,61
São Bento R$ 3.812.924,20
São Bernardo R$ 2.404.172,22
São Domingos do Azeitão R$ 623.413,23
São Domingos do Maranhão R$ 2.899.141,41
São Félix de Balsas R$ 386.681,50
São Francisco do Brejão R$ 994.998,55
São Francisco do Maranhão R$ 1.029.745,07
São João Batista R$ 1.742.807,69
São João do Carú R$ 1.333.186,74
São João do Paraíso R$ 942.625,77
São João do Soter R$ 1.563.846,26
São João dos Patos R$ 2.186.753,48
São José de Ribamar R$ 14.985.447,38
São José dos Basílios R$ 644.412,95
São Luís R$ 92.928.715,66
São Luís Gonzaga do Maranhão R$ 1.590.243,49
São Mateus do Maranhão R$ 3.502.398,29
São Pedro da Água Branca R$ 1.070.226,45
São Pedro dos Crentes R$ 393.681,41
São Raimundo das Mangabeiras R$ 1.591.255,53
São Raimundo do Doca Bezerra R$ 441.668,71
São Roberto R$ 566.654,97
São Vicente Ferrer R$ 1.876.227,57
Satubinha R$ 1.173.453,97
Senador Alexandre Costa R$ 939.589,67
Senador La Rocque R$ 1.205.417,39
Serrano do Maranhão R$ 864.699,12
Sítio Novo R$ 1.524.882,93
Sucupira do Norte R$ 896.999,88
Sucupira do Riachão R$ 477.342,92
Tasso Fragoso R$ 718.628,81
Timbiras R$ 2.456.207,65
Timon R$ 14.261.842,73
Trizidela do Vale R$ 1.855.227,85
Tufilândia R$ 492.523,44
Tuntum R$ 3.527.952,16
Turiaçu R$ 3.002.706,27
Turilândia R$ 2.160.609,25
Tutóia R$ 4.964.029,07
Urbano Santos R$ 2.793.383,80
Vargem Grande R$ 4.765.838,98
Viana R$ 4.422.674,96
Vila Nova dos Martírios R$ 1.129.430,47
Vitória do Mearim R$ 2.763.191,44
Vitorino Freire R$ 2.658.530,21
Zé Doca R$ 4.361.362,54

SUBTOTAL R$ 596.693.920,07

Fonte: Agência Senado

Senador lamenta que em plena pandemia hospitais estejam fechados e disse que Flávio Dino debochou do povo doente e pobre do Maranhão. Governador que não cuida do povo quer brigar com Bolsonaro e dar entrevistas na Globo!

“E só não vê quem não quer ver, mas a obra tá alí. E quem não quer ver nào tem jeito! Vá compra óculos para poder ver”.

Povo pobre e enganado

Até hoje ninguem viu nada e ficou por isso mesmo.

Esse já é o segundo hospital prometido para ficar pronto em pleno ano eleitoral de 2018.

Em plena pandemia do covid-19, essas estruturas públicas deveriam estar sendo utilizadas, mas adivinhem, com tamtos hospitais inutilizados, o governador comunista prefere gastar os milhões enviados pelo presidente Bolsonaro em alugueis de prédios.

Talvez seja por isso que a turma dos bajuladores comunistas estejam loucos de raiva e passam o dia inteiro criando “fakenews” contra o senador Roberto Rocha do PSDB.

Até hoje os aliados de Flávio Dino, que foi reeleito com derrames da máquina pública como nunca antes no Maranhão se viu, se referem ao senador como tendo baixa votação, apenas 2%. Já do lado comunista, não faltavam recursos para Flávio Dino e seus aliados fossem eleitos com folga de votos, como nos tempos das antigas oligarquias.

Quem perde é o povo, que elegeu representantes que fecham hospitais na cara do povo carente. Que lástima!

Confira no vídeo a nova denúncia de Roberto Rocha:

A PGR (Procuradoria-Geral da República) está investigando a gestão de oito governadores por suspeitas de irregularidades em contratos firmados durante a crise do novo coronavírus.

A coluna apurou que estão sendo investigadas as gestões de João Doria (PSDB-SP), Wilson Miranda Lima (PSC-AM), Helder Barbalho (MDB-PA), João Azevedo (PSB-PB) e Wilson Witzel (PSC-RJ), além de outros três mandatários que não tiveram os nomes revelados.

De acordo com pessoas familiarizadas com as investigações, a PGR já fez avaliação preliminar sobre cada acusação contra as gestões estaduais e está encaminhando ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) pedido de autorização para a abertura de inquérito. Alguns requerimentos já estão no tribunal.

Governadores têm prerrogativa de foro e só podem ser investigados depois de autorização da corte.

As investigações mais avançadas seriam as dos estados do Rio de Janeiro e do Pará.

Na quarta (27), o STJ autorizou operação de busca e apreensão na residência oficial do governador Witzel e da primeira-dama do Rio, Helena Witzel.

O governador nega qualquer envolvimento em irregularidades e diz que sofre retaliações por ser oposição a Jair Bolsonaro. Ele chegou a afirmar que o filho do presidente, o senador Flávio Bolsonaro, já deveria estar preso.

A operação contra Witzel teve alto impacto no universo político. Ela coincidiu com alterações no comando da PF no Rio depois que o ex-ministro Sergio Moro afirmou que Bolsonaro queria interferir politicamente na corporação.

Um dia antes da operação no Rio, a deputada federal Carla Zambelli (PSL-RJ), aliada do presidente Jair Bolsonaro, afirmou em uma entrevista que várias operações contra governadores estavam para ser deflagradas, no que seria um escândalo nacional que poderá ser apelidado de “Covidão”.

(Coluna Painel, Folha Online)

A relação dos candidatos com chances reais de  ocupar uma cadeira na Câmara Municipal de São Luís traz os mais atuantes da atualidade, que renovarão seus manados, e outros bem cotados que deverão causar surpresa na abertura das urnas.

Abaixo, a lista de nomes mais cotados para preencherem as 31 cadeiras de vereadores na legislatura municipal de 2021.

DEM(4) – Marquinhos, Gaguinho, Ricardo Diniz, Estevão, Josué Pinheiro, Armando, Rômulo Franco, Paulo Maluf, Armando Costa

PDT (4) – Osmar, Pavão, Penha, Fábio Câmara, Ivaldo Rodrigues, Nato, Canide,  Carlinhos, Laska,

PTB (3) – Casé Fernandes, Joãosinho Freitas , Pé no chão, Fátima Sales. Bruno

PCdoB (4) – Astro, Marcelo poeta, Paulo Vitor, Concita Pinto, Fátima Araujo, Julinho da Vila Palmeira, Romeo, Julio Pinheiro, Isaías

DC (2) – Rejanny Braga , Basileu, Juca/Severino, Antônieta, Juarez Sousa, André Martins, Marcos Paulo

PT – (1)Honorato, Osvaldo Muller, Chocolate, Creuzamar

CIDADANIA – Rose Sales, Arrupiado, Parta ( mulher dele)

PP (2)- DiDi do PP, Professor Cavalcante

PL (2) – Aldi, Melk, Gorete, Eidmar, Foca, Tiririca, (Sérgio frota ou mulher), Samuel Santos, Anibal Lins, Mateus beiju, (sobrinho de Josemar)

AVANTE (3) – Beto Castro, Anderson Martins, Paulo Celular, Alan kardeck, Minard, Dra. Sonia, Henrique Marinho, George da Cia, Augusto Fernandes, Dr Manoel

PATRIOTAS (2) – Batista, Vieira Lima Missionário Amorim, Cabo Campos, Sérgio, Kênia, kenaz Cristian, Alencar, Jr Nazaré. Pepeu. Claudinha

PODEMOS (4) – Marcial lima, Chaguinhas, Sá Marques, Domingos paz, Dr Ubirajara, Alex Paiva, Kátia Lobão, Dr Cosmo, Beto do comércio, Pastor Fábio. Octávio Soeiro, Barbosa Lages

PMN (2) – Álvaro pires, Tiagão assan, Rocasa, Neto ribeiro, Saul Silva do Turú.

PSC – 1 Gutemberg, Marlon Garcia, Ciro Nolasco, Samuel serra, Manoel Rêgo

PSD – César Bombeiro

PRB – 2 Bispo (mulher), Pintinho, Victor Duarte, Genival Alves

PSL (3) – Pereirinha, Chico Carvalho, Sebastião Albuquerque, Macinho da Pesca, Uchôa, Mourão, Fernanda (Viúva do ex vereador Edmilson Jansen), Cristóvam, Dr Ricardo, Dr Cosmo Ferraz

PV (1) – Jean Mary, Sebastião Santos, Juninho Lugan, Gonzaga

REDE (1) – Augusto Caldas,

PMB – (1)Silvino Abreu, Augusto dos correios, Rosa Carneiro, Flaezio, Jonas Carvalho. Filha Conchita pinto. Mano Cleber. Pinguim

MDB (1) – André Campos

PRTB (3) – Umbelino Jr, Jairzinho Filho, Aldo Rogério

PSB – Nelsinho, Luso, Carioca

PROS –

SDD – Afonso Manoel .Erinaldo

PTC – Antônio Garcês. Wilson Maranhão, Isabelle Passinho

PSDB – Vem forte com a presença do pré-candidato a vereador Filipe Arnon, que lançou nome para prefeito pela UDM, mas fechou chapa com Wellington do Curso. Filipe Arnon vem com a turma de Bolsonaro e Roberto Rocha pela Direita. (Informações Veja Agora)

Nesta quinta-feira, 28, o governador Flavio Dino se reuniu com a deputada estadual Mical Damasceno e algumas lideranças religiosas para tratar sobre a reabertura dos templos religiosos no Estado do Maranhão.

A deputada estadual Mical Damasceno, no mês de abril, através de Projeto de Lei e Indicação, solicitou que as atividades das Igrejas e templos religiosos de qualquer culto fossem consideradas como atividades essenciais do Estado para que assim algumas atividades pudessem retornar, observando todas as recomendações de segurança da OMS.

Com o projeto pendente de aprovação na Assembleia Legislativa, recentemente a Deputada conseguiu reunir diversas convenções e denominações de Igrejas distintas para assinarem um termo de compromisso solicitando a análise de sua indicação ao Governador de reabertura dos templos.

“Agradeço ao governador por reconhecer publicamente nossa luta pessoal em prol da reabertura das atividades religiosas, sobretudo, no reconhecimento da essencialidade das igrejas para o equilíbrio do estado especialmente para vencermos essa batalha contra o coronavírus. Isso é prova de que nosso mandato está sempre a disposição para servir a igreja e o estado do Maranhão”, destacou a parlamentar ao fim da reunião.

Trabalhadora perde a paciência e fala a realidade: Diga não ao comunismo de Flávio Dino.

Povo do Maranhão cansou de ser besta, está despertando. Comunismo não consegue mais enganar o pobre trabalhador, explorado, escravizado pelos governantes que ficaram gordos  com nossos impostos.

Na Rua Grande, maior centro comercial da capital maranhense, mulher abre o verbo e fala sobre tudo de errado que estamos vendo acontecer e ninguém faz nada contra a política do atraso imposta pela ditadura Dino.

1 2 3 10