Monthly Archives: agosto, 2019

Inocente alma?

Sobre a delação do ex-ministro de Lula, Antônio  Palocci.

O Antagonista fala dos escalabros praticados pela esquerda que grita que Lula é inocente, que culpam os juízes que julgaram e condenaram através das leis, o ex-presidente, tentando anular calhamaços de provas, intermináveis horas de investigações, para soltar bandidos que foram condenados e cumprem pena na cadeia por crimes de lesa-pátria.

Momento Antagonista com Cláudio Dantas:

 

O pseudo jornalista Glenn Greenwald, silenciosamente, tentou obter um Habeas Corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal (STF).

O pedido foi ajuizado pela advogada Ana Maria Rodrigues Mello. O pedido foi negado pelo ministro Luiz Fux.

STF nega HC para Greenwald e MP pede a quebra do sigilo do “marido” deputado

Paralelamente, o Ministério Público acaba de requerer a quebra do sigilo bancário de seu marido, o deputado David Miranda.

A investigação do MP é atinente ao período em que Miranda era vereador no Rio.

Os dois reveses da dupla ocorrem praticamente ao mesmo tempo, simultaneamente.Mera coincidência, pois o caso de Miranda é na Justiça estadual do Rio de Janeiro.

Todavia, os resultados certamente serão surpreendentes.

Chegou a hora do casal viver o seu inferno astral. (Da Redação do Cidade Online)

Por Daniel Matos

Desde que circulou um vídeo nas redes sociais onde a gestora Léa Paixão aparece cercada de alunos menores de idade do IEMA de Axixá, consumindo bebidas alcoólicas em um bar da cidade, ela iniciou uma caça às bruxas, implantado o terror dentro da instituição, chantageando servidores, ameaçando e mandando demitir funcionários e pressionando os pais e alunos envolvidos na farra.

Léa Paixão, gestora acusada de oferecer bebida alcoólica a alunos menores de idade

A matéria foi denunciada por blogs da capital e teve ampla repercussão no estado. Mesmo assim, a gestora nega o envolvimento e afirma que tudo não passa de um fake news.

Ora, amigos, o vídeo é claro e comprova os fatos. A exemplo disso, destaca-se a linha de pensamento do Ministério Público da comarca de Icatu, que, atendendo a uma denúncia do Conselho Tutelar da cidade de Axixá, está executando uma força-tarefa, com o apoio de outras autoridades competentes, para apurar os fatos. As investigações já iniciaram e, segundo apurou o blog, diversos artigos do ECA foram desrespeitados.

APOIO DO GOVERNO FLÁVIO DINO E DA PREFEITA DA CIDADE

Ao contrário do que a comunidade escolar e a cidade de Axixá esperava, Léa paixão afirma, em bom tom, que tem total apoio do governador Flávio Dino (PCdoB) e do reitor do Iema, Jhonata Almada. Com base nessa suposta proteção, a gestora já começou a sua vingança, pois conseguiu junto ao reitor a demissão da gestora pedagógica da instituição, a professora Célia, uma das denunciantes do caso em que se encontra a instituição, ou seja, para o governador, quem denuncia deve ser demitido e quem deveria ser investigado é premiado.

E na contramão do que prega o Governo do Estado, o reitor do IEMA contratou o filho da gestora, Victor Paixão, para o cargo de recepcionista do IEMA, como prêmio para sua impunidade, o brinde é o nepotismo.

Léa Paixão é professora do Município de Axixá e recebe seus vencimentos religiosamente todos os meses, sem colocar os pés na sala de aula da rede municipal de ensino. Além disso, emplacou seu filho, Léo Paixão, como uma espécie de faz tudo da Secretaria Municipal de Educação. Ou seja, é muito prestígio e impunidade junto às autoridades.

SUMIÇO DE DOCUMENTOS E OUTROS FATOS

Desde sua implantação do IEMA na cidade de Axixá, a gestão da instituição tem sido marcada por vários episódios negativos, a exemplo do uso de entorpecentes, assédios sexuais, festas regadas a bebidas alcoólicas, chegando até à prisão de um professor no prédio da escola, acusado de estelionato, fato sobre o qual o Conselho Tutelar já fez várias intervenções e denúncias junto ao Ministério Público. Acontece que, misteriosamente, a sede do Conselho Tutelar foi arrombada pelo telhado neste mês de agosto, embora nada de valor tenha sido roubado, a não ser documentos, entre os quais os papéis que fazem referências aos problemas do IEMA.

Contra Léa Paixão também pesa a questão de estar se beneficiando como bolsista de um curso de mestrado ministrado no prédio do IEMA de Axixá.

Com a palavra as autoridades citadas.

Saudosismo do super secretário… 

Dizem nos bastidores que partiu dele a distribuição da foto antiga. Bons tempos, hein, cumpanheiro?

Saudosismo: tempos de gente simples!

Olha aí, o Márcio Jerry posando de galã nas redes. Vou dar uma colher de chá ao “bunito” e postar de primeira sua antiga foto ao lado do então advogado dos banqueiros, Flávio Dino, também “bunitão”.

Para não dizerem que estou sendo áspero com o ex-secretário da Comunicação, Articulação Política e assuntos de pré-candidaturas, o deputado federal Márcio Jerry, que foi eleito como o terceiro mais votado em todo o Maranhão, com grandes derrames em 2018, sua bela e antiga fotografia vai ganhar o desta do blog.

Quando Eliziane Gama não vai, manda o secretário, que faz anúncio de verbas federais para prefeito do PCdoB:

Pode isso?

A senadora dos crentes mandando seu esposo representá-la em evento oficial dum prefeito do PCdoB ao lado do governador comunista Flávio Dino. Segundo a nota distribuída pela imprensa local,  o esposo da senadora teria anunciado dinheiro para ser derramado em obras, mas o MP, TJ, TRE, todo mundo ficou caladinho se fingindo de mortos.

Confira a imagem abaixo:

Filho de poderoso agindo na calada?

Por falar em TJ, um deputado sortudo, diferente dos demais que não tem direito a verbas, conseguiu mandar dinheiro para obras . Parabéns, “meu filho”.

O deputado novato Pará Figueredo, que quase não fala na Assembleia Legislativa, resolveu aparecer mostrando obras. Que bom que o governador atendeu o novato Pará Figueredo. Só faltam os outros 41 deputado receberem dinheiro de suas emendas.

 

Mudança…

O grande feito do comunismo atual  está sendo transformar uma antiga rixa em amizade.

No mesmo ínterim que a Marrom fica vermelha, Sarney Filho estrebucha contra Bolsonaro,enquanto Hildon Rocha pula do MDB.

A homenagem teria sido pela defesa que Alcione fez ao Nordeste, mas não será espanto ver sarneysistas históricos rezando na cartilha vermelha, cultuando a divindade Dinista.

Na base esfacelada do grupo Sarney, o filho, Zequinha,  atacando Bolsonaro, enquanto o deputado Hildo Rocha pula do barco mdebista.

Como diz no linguajar comum, tanto brigaram, se insultaram, pra depois ficarem “juntos e misturados”.

Bom mesmo é ver que os ferozes rivais da “oligarquia que empobreceu e roubou o Maranhão por 40 anos” sorrindo de alegria com os novos aliados no mesmo palco da Marrom, quiçá no mesmo palanque em 2022. Dinistas querem o poder.

O evento da Assembleia Legislativa não foi cultural, foi político, e como tudo, também, eleitoral. Pra quem não lembra, a cantora homenageada foi quem falou grosso contra Bolsonaro após ter chamado dois governadores de “paraíbas”. Alcione alegou que estava saindo em defesa do Nordeste.

Mesmo sendo cobrada pelos ferozes rivais da “oligarquia que empobreceu e roubou o Maranhão por 40 anos”, como quem vive fora do Maranhão, mas tem residência distante do seu estado, vive no Sul do Brasil, fazendo defesas dos interesses do seu grupo. Confira aqui:

Flávio Dino, que se diz “melhor governador do Brasil”, que vive se lançando pré-candidato a presidente, pode até não ter votos para isso, mas tem conseguido seguidores do alto clero maranhense, até da antiga oligarquia.

Aliás, do jeito que falou ontem na presidência da Assembleia, o governador parece que já tem seguidores suficientes para lotar um templo da nova seita do Maranhão, sob a égide do Dinismo.

É sempre um show ver a Marrom cantando, ainda que na cartilha vermelha do Dinismo.

Roberto Rocha já é ministro de Bolsonaro:

Em Brasilia o clima não se alterou com os ares de nossa cidade. Por falar em clima, ares de queimadas, onde há fumaça há fogo. Nesste sentido quero deixar todos bem tranquilos, que o senador RR está sim, de boa com o PR Bolsonaro, nem precisa “oficializar” sua ida para a chefia de uma pasta federal.

Pra que? Se o homem é apreciado pelo nosso presidento e sempre está lá do ladinho…

Roberto Rocha já é ministro de Bolsonaro I :

Histórico de indicações: desde 2010 que ouço falar que Roberto Rocha tem indicação para ser ministro.

É bem verdade que o nome do tucano, Roberto Rocha, sempre foi cotado para uma possível pasta para ocupar o cargo de ministro dos candidatos do PSDB, desde a campanha de José Serra em 2010, passando por Aécio Neves em 2014,  até as eleições do ano passado, 2018, quando o governador de SP, Geraldo Alckmin, foi surpreendido pelo fenômeno Bolsonaro (B-17). A grande verdade é que a indicação no campo centro-direita, liberal, vem sendo anunciada.

Portanto, soa redundante dizer que o senador Roberto Rocha estaria deixando seu cargo de senador, neste importante momento em que cumpre uma missão no senado.

Independe de nomeações, o tucano tem livre acesso aos níveis altos do comando nacional.

Roberto Rocha já é ministro de Bolsonaro II:

Vem de Brasilia esse bafafá. Ouvi no inicio do mês essa conversa no seu escritório político do Calhau, onde a “nomeação” é tida por todos como óbvia, aliás, esse tipo de noticia só faz pegar incautos, se, de fato, o senador RR fosse sair, deixaria um “traíra” em seu lugar  para conduzir as “missões nacionais” e outras “confidencias” dadas por Bolsonaro?

Roberto Rocha já é ministro de Bolsonaro III:

Rocha nos EUA com Bolsonaro e Trump: Na tripulação brasileira com Bolsonaro, o senador maranhense foi um dos poucos políticos ao encontro de lideranças mundiais.

A total confiança do presidente brasileiro no tucano RR só o credencia para novas tarefas, ou missões.  Confira a foto que deixou muita gente de queixo caído:

Volta por cima:
Após sofrer derrota da máquina em 2018, RR foi um dos poucos senadores que estiveram no voo do B-17 no encontro com o presidente dos EUA

PSL de Bolsonaro fortalecido no Maranhão:

Da série, 17, dia de filiação no PSL: Através do convite de Francisco Carvalho, o PSL poderá ganhar mais um deputado em sua bancada, trata-de do deputado federal Hildon Rocha.

Em Brasilia, vereador de São Luís, Francisco Carvalho vem se credenciando como liderança estadual no PSL de Bolsonaro.

Após sucesso da campanha de filiação no PSL, que aconteceu no dia 17 de agosto, a legenda do presidente Jair Messias Bolsonaro deverá ter adesão do deputado Hildon Rocha, que estaria deixando o MDB. Lideranças do PSL fizeram gosto.

Confira no vídeo a mensagem do presidente do PSL nacional sobre  Chico Carvalho:

Sabem o ex-juiz federal que prometeu acabar com a corrupção? 

Essa breve análise não é sobre a falta cometida pelo ex-juiz da Lava Jato, mas do governador comunista que atacava Moro e percebeu que sua estratégia não deu resultados.

A imprensa do Maranhão fez vários registros dos constantes ataques ao juiz da Lava Jato…

Site Antagonista mostra que os ataques contra o ministro da Justiça do Brasil não se sustentam. O então juiz da Lava Jato foi correto e fez tudo como mandam as leis, diante dessa realidade ficaram sem sustentações as afirmações dos defensores dos corruptos, entre eles, o comunista Flávio Dino, que cresceu em popularidade prometendo “mudar” e combater a corrupção no Maranhão, que segundo o ex-juiz federal seria a causa da pobreza do gigantesco estado.

Dino mudou da água para o vinho, ou do vinho para água, o milagre não surtiu efeito aos pobres e roubados maranhenses, que ficaram mais pobres, tudo indica que pela falta de gestão, pois Flávio Dino manteve-se focado, como antes, na politicagem e nas eleições para fazer seu grupo continuar no poder.

O trágico disso é que Dino, que alegava que a pobreza era fruto da corrupção no governo do Maranhão (roubo do erário) é o mesmo que, enquanto não ataca o ministro Sérgio Moro, e o presidente Bolsonaro, vive defendendo Lula, Haddad e outros corruptos ou condenados. O comunista continua sem foco. O povo cada vez mais pobre descendo a ladeira em direção a Venezuela.

“Nenhuma prova solicitada pela defesa foi recusada por Sergio Moro”

Os chamados garantistas acusam a Lava Jato de “cerceamento do direito de defesa”. Carlos Alberto Sardenberg desmontou mais essa mentira:

“Os garantistas argumentam que os métodos de investigação, acusação e julgamento da Lava Jato impedem a ação efetiva dos advogados de defesa. Ou, de outro modo, não garantem o direito dos réus de um julgamento, digamos, justo.

Foi a defesa de Lula que começou com isso logo no primeiro processo do ex-presidente em Curitiba, referente ao tríplex do Guarujá — e a tese se generalizou na medida em que a operação apanhou membros de todos os partidos. O que era uma operação contra Lula tornou-se, nessa visão, uma operação contra os políticos.

Mas, tomando como exemplo o caso do tríplex, nenhuma prova solicitada pela defesa foi recusada pelo então juiz Sergio Moro. Ele também topou ouvir nada menos que 86 testemunhas, quando o normal seriam apenas oito.

Na verdade, neste caso como em outros, os garantistas (advogados, juízes e juristas) se incomodam com a celeridade dos processos em Curitiba.” (O Antagonista)

Não tenho medo de falar.

A 2ª Turma do STF cometeu um ATENTADO CONTRA O ESTADO DE DIREITO, ao deixar de seguir a ordem constitucional vigente e anular o processo criminal do Aldemir Bendine por algo inexistente na lei.

Gilmar Mendes cometeu CRIMES DE CALÚNIA E DIFAMAÇÃO contra magistrados e procuradores, ao ofendê-los e chamá-los de corruptos ao vivo, no julgamento.

A jogada é, à medida que os casos criminais forem chegando ao STF em grau recursal, como esse do Bendine, julgado nesta terça-feira (27), anular o processo, pela inobservância de alguma filigrana jurídica, para desmoralizar Sérgio Moro para o país inteiro.

O STF é uma instituição da República que atenta contra a estabilidade da própria República.

E não tem nada que possa ser feito para mudar isso.

O Presidente do Senado não fará nada para mudar isso, pois é parte do problema; o Presidente da Câmara dos Deputados não fará nada para mudar isso, pois é parte do problema; e o Presidente da República não fará nada para mudar, pois é refém do problema.

As Forças Armadas jamais mandarão ”o cabo e o soldado” fazerem alguma coisa, pois só obedecem ao Presidente da República, que, repito, não fará nada porque é refém do problema.

Nós, o povo, temos duas opções:

1) aceitar, com o conformismo por perceber que “o que não tem remédio, remediado está”, e tocar a vida sem pensar nisso;

2) não aceitar, e ficar em casa se rasgando de ódio por dentro ou reclamando na internet, até desenvolver algum problema psicossomático. (Jornal da Cidade Online)

Cadê o asfalto?

Uma parte está asfaltada e a outra?

Uma parte está asfaltada e a outra?

Pequenos detalhes podem fazer uma grande diferença. Lendo as noticias boas, vejo que a Sinfra, Secretaria de Infraestrutura do Estado do Maranhão, pelo visto, não tem mostrado o valor de uma importante obra, conforme release publicado num importante órgão da imprensa local,  quer sequer diz, entre tantas loas aos governos Estadual e municipal, a extensão dessa importante e volumosa obra.

Além de omitir a quilometragem do serviço entregue ainda comete a barbeiragem de mostrar que a outra parte da via ficou sem asfalto.

O deputado estadual Fábio Macedo (PDT) esteve em Brasília, nesta terça-feira (27), defendendo a bandeira de combate à depressão no Congresso Nacional. Durante a visita, o parlamentar pedetista foi recebido pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, aos quais apresentou a lei de sua autoria que estabelece o Dia Estadual de Combate à Depressão no Maranhão.

Na ocasião, o pedetista entregou um projeto que estabelece o dia 13 de setembro como Dia Nacional de Combate à Depressão ao deputado federal Gil Cutrim (PDT), que dará entrada na Câmara Federal para apreciação e aprovação.

“A nossa campanha de combate à depressão ganhou projeção nacional. Na última terça-feira, estive reunido com Davi Alcolumbre, acompanhado dos senadores maranhenses Weverton e Eliziane Gama, e também com Rodrigo Maia, levando a nossa bandeira contra a depressão e buscando esse apoio para que o dia 13 de setembro seja também estabelecido como Dia Nacional de Combate a essa doença, que tem atingido grande parte dos brasileiros. O deputado Gil Cutrim vai apresentar o nosso projeto na Câmara Federal para que isso se torne realidade, com o apoio da deputada federal Tabata Amaral. Hoje, saio feliz, porque tanto o presidente do Senado quanto o da Câmara manifestaram apoio irrestrito ao nosso projeto”, disse Fábio Macedo.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, destacou o pioneirismo do projeto. “O Maranhão dá exemplo para o Brasil, aprovando em sua Assembleia Legislativa uma lei estadual, fazendo menção a esta doença que tem vitimado as famílias brasileiras, inclusive levando muitos a tirarem a própria vida. Como presidente do Senado e do Congresso Nacional, manifesto meu apoio irrestrito a essa tese que é de grande importância para o país”, afirmou.

Já Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, chamou atenção para o papel do Parlamento diante da depressão. “A iniciativa do deputado no âmbito estadual é muito boa e agora será apresentada aqui no Congresso pelo deputado Gil Cutrim e tenho certeza de que tramitará rapidamente e será aprovada nesta Casa. É uma temática que passou a ser um dos grandes problemas da família brasileira e cabe ao Parlamento vocalizar e dar clareza ao assunto para que a população possa entender e, assim, conseguirmos reduzir os casos de depressão”, disse.

Presentes na visita ao Congresso Nacional, os senadores Weverton Rocha e Eliziane Gama falaram sobre a importância do projeto e elogiaram atuação de Fábio Macedo.

“É um debate fundamental para este século. Na verdade, é um enfrentamento que todos deviam fazer e o Maranhão é pioneiro ao termos um dia especial para a reflexão e da criação de novos marcos regulatórios. O deputado Fábio Macedo e toda Assembleia Legislativa do Maranhão estão de parabéns por uma iniciativa tão importante para as famílias brasileiras” afirmou Eliziane Gama.

“Tenho me orgulhado muito da atuação do deputado Fábio Macedo, que é de luta, superação e, acima de tudo, humildade. Fábio é um parlamentar que tem enfrentado de perto essa temática, levando essa bandeira e dialogando com as famílias.” disse Weverton Rocha.

1 2 3 10