Monthly Archives: dezembro, 2016

¬†Antes Mateus era um “dem√īnio”, agora virou “santo”.

De repente o grupo Mateus passou de sonegador, mafioso,  a parceiro? Pode isso?

S√≥ pode ser milagre. O empres√°rio Ilson Mateus, de repente, como num milagre de natal, deixou de ser “mafioso” para ser “parceiro” do governo nas festas de natal e ano novo, bem como patrocinador de espet√°culos e eventos do governo.

Qual foi a mágica? 

Definitivamente n√£o d√° para entender como aconteceu para que, de repente, ¬†o grupo Mateus, segundo as ag√™ncias oficiais e “extraoficiais” de noticias do governo do Maranh√£o, que at√© pouco tempo estava sendo anunciado com estardalha√ßos de ser grande beneficiado “pelo esquema da M√°fia da Sefaz”, no governo passado, que trouxe preju√≠zos milion√°rios, cerca R$ 153.905.456,57 , se torne, agora, nas festas de final de ano, um “parceiro” do governo comunista, que tanto estardalha√ßos fez contra seu grupo.

Ter√° sido o aumento do ICMS?

Na lógica fiscal, o Mateus, grande atacadista de mercadorias, que faz grande movimentação de rendas, que paga altíssima carga tributária deveria estar bufando de raiva com os aumentos de impostos, que incidirão sem pena sobre seus negócios já no inicio de 2017.

Mas, o santo Mateus, pelo visto, parece ¬†muito contente. Observe seu sorriso na foto ao lado dos representantes do governador comunista. Qual foi o “milagre”?

Abaixo, o an√ļncio da m√°fia fiscal retirada dos blogues alinhados ao governador:

Antes:

Foto: print do blog Marrap√°

Depois…

 

 

 

¬†O salvador da p√°tria lulopetista…

Bem no final do ano de 2016, ¬†uma “reportagem” plantada num jornal europeu com as digitais do secret√°rio de Comunica√ß√£o, M√°rcio Jerry (presidente estadual da legenda comunista), demostrou a ¬†inseguran√ßa dos comunistas para 2018, ano eleitoral.

Um passo al√©m das pernas…

Com a possibilidade do fim da reeleição ser aprovada, o governador comunista deverá dar um passo maior que as pernas, em vez de tentar uma vaga para o senado, Dino, conforme vem anunciando até em jornal europeu, quer ser mesmo é presidente do Brasil.  Para isso um vasto material publicitário está prontinho para ser mostrado em todo o país, inclusive na Europa, mostrando que Flávio Dino acabou (mudou) a situação de pobreza dos maranhenses.

Culto à personalidade:

L√≥gico que √© tudo mentira, mas, onde j√° se viu verdade ganhar elei√ß√£o? Abaixo, uma pequena amostra da publicidade do “salvador da p√°tria”, Fl√°vio Dino, plantada no jornal espanhol El P√°is:

dino-pt-ma

Al√ī, Minist√©rio P√ļblico: Posto de Sa√ļde de Ribamar foi desativado para ser reformado, mas ficou abandonado.

500  obras?

500 obras?

500 obras?

Absurdo foi denunciado pela população do bairro Parque Jair. Após ser denunciado para as equipes de reportagem, prefeito mandou maquiar obras. Pelas imagens da reportagem deu para ver o tamanho do descaso com a população.

Para piorar at√© a equipe de jornalismo da TV Mirante ficou presa num anexo do Posto de Sa√ļde, que, segundo a reportagem, estava abandonado, foi arrombado e saqueado por ¬†v√Ęndalos, que levaram tudo, desde materiais de constru√ß√£o at√© aparelhos de consultas.

“Miguelagem”:

A assessoria do prefeito Gil Cutrim (Cupiim) disse na reportagem “que o m√©dico estava no anexo do Posto de Sa√ļde, mas saiu para fazer uma visita ¬†para um ¬†pacientes no bairro”.

Como assim,  exatamente no momento das filmagens? Confira abaixo:

O mistério dos totens!!!

 Nada mudou: Lembram do tempo que dava vontade de morar na televisão? Pois é, a política atual do Maranhão continua investindo alto com imagem e propaganda, e a população continua querendo morar na propagandas do governo. Mas a coisa parece bem mais séria: lucros altos, novos ricos.

Ap√≥s as elei√ß√Ķes municipais, a paisagem da cidade foi tomada por totens de propagandas, que a cada dia ganham espa√ßos nas avenidas da cidade. Qual empresa, de quem ser√° o lucro que administrar√° as propagandas?

O estranho √© que ningu√©m na Prefeitura, ou C√Ęmara de Vereadores de S√£o Lu√≠s, consegue explicar ¬†sobre o assunto, mas, pela velocidade que est√£o sendo colocados nos pontos estrat√©gico, os novos empres√°rios rapidinho v√£o estar fazendo os an√ļncios nos totens das avenidas de S√£o Lu√≠s.

Foto 1 –¬†

Pode até não ter semáforo funcionando nem canteiro central de qualidade, mas propaganda tem que ter, e de boa qualidade! 


received_10207524041684478Foto 2

received_10207524075485323

Foto 3received_10207524078285393

 

A verdade √© que nem o Banco do Brasil aguenta ficar no Maranh√£o…

A √ļltima tentativa do Procon-MA de impedir o fechamento de ag√™ncias do Banco do Brasil no Maranh√£o, acabou esbarrando no STJ, que negou o pedido.marcinho1

¬†√Č impressionante o farisa√≠smo do governo comunista, em querer demostrar algo fict√≠cio para posar de bom mo√ßo. Aos contribuintes, sempre no preju√≠zo, resta amargar o sentimento de abandono, que tudo n√£o passou de outra encena√ß√£o para tentar mostrar que o governo comunista tem interesse nas agencias do BB.

Como assim, governador, se nos anos de 2015/2016, mais de 200 agências foram explodidas, assaltadas, quem aguenta? Nem o Banco do Brasil aguentou.

O Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor do Maranhão (Procon-MA) teve negada suspensão de liminar contra decisão que desobrigou o Banco do Brasil a manter todas as atuais agências em funcionamento no estado, sem a possibilidade de transformá-las em postos de atendimento, medida incluída em um plano de reestruturação da empresa.

A decisão foi da presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz.

 

N√£o vale a pena pagar mais ICMS…

VLT abandonado vira destaque nacional pela Rede Globo. Lament√°vel que os gestores da “mudan√ßa” n√£o apresentaram at√© hoje uma solu√ß√£o para o VLT que est√° deteriorado, que custou milh√Ķes do bolso do contribuinte.

screenshot_20161228-043609

Ap√≥s v√°rios anos (e duas elei√ß√Ķes) os “gestores da mudan√ßa” comprovaram que n√£o sabem (ou n√£o querem) dar solu√ß√£o para um trem (VLT) e ad√©qua-lo para a mobilidade urbana de S√£o Lu√≠s.

Em todas as cidades do Brasil tem VLT nas ruas servindo a popula√ß√£o, mas s√≥ o VLT da capital do Maranh√£o est√° parado, enferrujando, sendo alvo da indigna√ß√£o popular pela falta de a√ß√£o dos “gestores da mudan√ßa”.

Que gestão da mudança é essa que copia métodos políticos da oligarquia Sarney e não mostra a que veio?  Cadê a mudança de verdade?

Confira a reportagem da Rede Globo:

Uma boa explicação que mostra o motivo de tantos assaltos a bancos no Maranhão.

img-20151010-wa0046

Viaturas da pol√≠cia sem condi√ß√Ķes de rodar, onde foi parar o dinheiro dos “investimentos” na Seguran√ßa? √Č muito f√°cil bandido assaltar bancos no Maranh√£o. As viaturas da Pol√≠cia, na grande maioria das cidades, nem pneus t√™m.

Uma boa retrospectiva sobre o estado precário que se encontra a Polícia do Maranhão, feita por uma equipe da TV Mirante. Confira abaixo:

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) solicitou, na tribuna da Assembleia Legislativa do Maranh√£o, informa√ß√Ķes sobre a quantidade de viaturas entregues pelo Governo do estado e, ainda, os locais para onde cada viatura foi destinada nos √ļltimos dois anos.5ba2227c-bc06-4a58-8a03-7e36b0a1c758

Ao se pronunciar, Wellington destacou que o seu pronunciamento decorre de vários questionamentos feitos pela população, já que várias viaturas foram adquiridas, mas não se sabe ao certo o seu destino.

‚ÄúNosso pronunciamento aqui feito √© uma consequ√™ncia dos questionamentos da pr√≥pria popula√ß√£o. Sabemos que v√°rias viaturas foram adquiridas. A popula√ß√£o ficou ciente disso. No entanto, o que se quer saber √© a quantidade exata e o destino de tais viaturas. Mais do que adquirir a nossa preocupa√ß√£o √© efetivar a seguran√ßa. A popula√ß√£o precisa n√£o s√≥ sentir-se segura, mas ter seguran√ßa de verdade.”, afirmou Wellington.

Ao complementar o pronunciamento, Wellington ainda relembrou uma reportagem que saiu na imprensa nacional e mostrou a situação precária da segurança no Maranhão.

“Ao analisarmos a previs√£o or√ßament√°ria de 2016, percebemos que houve um investimento de mais de R$ 198 milh√Ķes, se comparado a 2015. Apesar disso, ainda nos deparamos com munic√≠pios que possuem apenas uma viatura e muitos casos essas viaturas est√£o em situa√ß√£o prec√°ria e necessitando de manuten√ß√£o. √Č lament√°vel ver que a inseguran√ßa ainda predomina em nosso estado. S√£o dados revelados pela imprensa e √© por isso que h√° o questionamento da popula√ß√£o: para onde est√£o indo as viaturas adquiridas? N√£o basta apenas adquirir. √Č preciso garantir a seguran√ßa de verdade.”, concluiu Wellington.

Caiu a m√°scara¬†do ditador…

De como o poder transforma amigos em inimigos, partidários em traidores. Nessa política atual, praticada no Maranhão, não foram apenas os políticos que foram traídos. Os jornalistas e blogueiros que ousam questionar os lideres do governo são perseguidos. Disse isto no inicio, assim que me posicionei como oposição. Está ai a prova, outro jornalista e blogueiro que não se sujeita ao ridículo papel de ser teleguiado, manipulado, amordaçado.

Abaixo, relato natalino sobre ofensas proferidas contra o jornalista Diego Emir:

Confira na integra clicando aqui:

diego-emir

 

Antes decapita√ß√Ķes aconteciam apenas dentro dos muras de Pedrinhas, hoje em dia, no ‚ÄúMaranh√£o da mudan√ßa‚ÄĚ,acontecem dentro das casas….

Bandidagem fazendo festa enquanto a os governos ficam se desculpando. A população presa sem poder sair de casa para não morrer.  Mudou para pior. Sem direitos básicos, como direito de ir e vir, população fica refém de bandidos em todo o Maranhão que antes (coisa de dez anos atrás) era lugar bom de morar.

Imagem de Pamela Barros Nogueira 19 anos, conhecida como menina Diabo foi atingida por dois tiros, n√£o resistiu e morreu no local.

Imagem da v√≠tima: ¬†Pamela Barros Nogueira de19 anos, conhecida como “menina diabo”, foi atingida por dois tiros, n√£o resistiu e morreu no local.

Dois crimes chamam a atenção para a barbárie das ruas: o primeiro, um crime com requintes de crueldades, a decapitação  de um homem foi encontrado dentro de uma quitinete, na manhã deste sábado (24), na Avenida Edison Lobão, no bairro da Vila Janaína, em São Luís.

Este caso do homem que teve cabeça arrancada do corpo e lavada em plena ceia do natal continua sem solução. Até agora as autoridades não conseguiram dar uma resposta para a população.

Tamb√©m a execu√ß√£o de uma jovem em S√£o Jos√© de Ribamar, os dois crimes, comentam-se nos bastidores, t√™m rela√ß√£o com acertos de conta e guerra entre fac√ß√Ķes do crime organizado.

Coincid√™ncias √† parte, depois da soltura de mais de 510 presos de Pedrinhas, em S√£o Lu√≠s, no √ļltimo dia 21 de dezembro para passarem o natal em fam√≠lia. Como era esperado, os assaltos, crimes, assassinatos triplicaram neste per√≠odo.

TJ esperando sentado que bandidos retornem…

A Justiça ainda espera que todos os presos retornem até às 18h de hoje (27), data marcada para o retorno ao Complexo de pedrinhas.

 

1 2 3 4 14