Monthly Archives: junho, 2016

Martin Varão – O que tem por trás do apoio do PSDB à candidatura da deputada federal Eliziane Gama(PPS) a Prefeitura de São Luís? Quem vai definir a pergunta será o desfecho do jogo político em torno da eleição para governador de 18. Mas já se ver o rascunho desse desenho.download-1

O senador Roberto Rocha(PSB) é o grande arquiteto dessa engenharia política que tem como objetivo  desidratar o governador Flávio Dino(PCdoB). Sem apoio político, obrigaria o comunista  a disputar uma vaga de senador. Roberto Rocha, bom como jogador, vem dando de goleada. Talvez o Dino quando acordar do berço esplêndido que foi eleito por 63% da população seja tarde demais.

O apoio do PSDB a candidatura de Eliziane fortaleceu a deputada na disputa, aumentando a possibilidade de vitória. Com Eliziane prefeita de São Luís(com o apoio dos tucanos), Roberto usou a suplência como barganha. Eliziane topou a parada  com o compromisso de apoiar Roberto para governador. Sendo eleito, abriria a vaga de senador  para Pinto Itamaraty(PSDB).

Com a prefeitura da Capital(Eliziane PPS) e Ildon Marques(PSB) em imperatriz, Roberto abriria o caminho para  dar um xeque-mate político no comunista.

Nesse cenário de fortalecimento da campanha da Irmã ainda pode vir, de quebra, – o PSB, que tem o vereador Roberto Rocha Júnior(PSB) como presidente municipal.

O presidente e o vice-presidente do Diretório Municipal do PSB, vereador Roberto Rocha Júnior e vereador Estevão Aragão, receberam nesta quarta-feira (1º/06), a visita do presidente Municipal do PMDB, e também vereador de São Luís, Fábio Câmara, para discutirem o cenário eleitoral de 2016 na capital maranhense. O encontro ocorreu no gabinete da presidência, na sede municipal do PSB, localizada na Avenida Beira Mar.945523fc-a1ad-4ce1-823d-42c56bbac620

Ainda que de maneira informal, o encontro – que foi a primeira conversa oficial entre os dirigentes partidários – serviu para abrir a primeira fresta de diálogo entre PMDB e o PSB nesta temporada de articulações sobre as alianças e candidaturas ao Palácio de La Ravardière, sede da Prefeitura de São Luís.

Fábio Câmara disse que o diálogo irá prosseguir, garantindo que, nesta primeira conversa, apenas apresentou a Roberto Rocha Júnior os vários cenários possíveis de alianças para o PMDB, nas eleições deste ano.

— A nossa reunião pode ser resumida em três palavras: unidade na diversidade. O que nos une é um projeto de uma capital metropolitana projetada e gerida com a visão de quem atua sobre as demandas imediatas do ontem e do agora, mas que planeja e encaminha práticas e soluções que repercutirão para o amanhã quantificado em, pelo menos, 15 anos. E a nossa diversidade? Essa não nos separa! Tanto que hoje estamos conversando e vamos conversar mais. Isso é um processo que tem toda uma dinâmica — disse Fábio Câmara.

ENCONTRO COM AVALIAÇÃO POSITIVA

Rocha Júnior fez uma avaliação positiva do encontro. Para ele, foi importante começar a discutir uma política comum e um posicionamento conjunto sobre a cidade, visando o dialogo pelo desenvolvimento de São Luís.

— É uma honra recebermos uma das maiores lideranças políticas do PMDB, para dialogarmos sobre as propostas e projetos das duas siglas, e, assim, somarmos forças em prol do crescimento de nossa cidade. O vereador Fábio Câmara e o PMDB terão, com certeza, grande importância em todo esse processo eleitoral deste ano, e o nosso gabinete sempre estará de portas abertas para recebê-los — declarou.

Além de Fábio Câmara e Roberto Rocha Júnior, participou também do encontro, o pré-candidato a vereador pelo PMDB, Álvaro Pires.

Bacabeira: Socialismo petista deixou maranhenses desempregados, enganados e calados…

Bacabeira no vácuo, a população enganada precisa de respostas e soluções para os problemas causados pela Refinaria eleitoreira do PT.

Reportagem IstoÉ

Na manhã de ontem, as noticias alardeadas pelos sites governistas anunciavam uma “compensação milionária” pelos estragos causados pela Petrobras ao município. Um total de 57 milhões terá que ser repassado pela Petrobras, empresa que sofreu os piores roubos durante os 13 anos do PT.

Enquanto isso, o comunismo esquece-se de falar no caso de corrupção maranhense que ganhou as páginas até de jornais internacionais. Lamentável observar que em mais de 2 anos e meio, até hoje, ninguém do governo comunista comente sobre o buraco da corrupção deixado pelos petistas numa cidade pobre do Maranhão.

Só não podemos nos tornar a “Venezuela brasileira”…

venezuela brasileira

Abaixo, uma imagem retirada do tuíter oficial, mostrando que o rombo deixado por Lula e Dilma ganhou outra nomenclaturara: CRISE GLOBAL, justamente para quem prometeu mudar, mas não consegue ver o óbvio.  Interessante que nosso governador reclame da “crise” sem dar a devida explicação daquilo que causou, ou seja, o Brasil ficou no buraco pelo roubo e corrupção praticados pela gestão “socialista” do PT. Não vão falar de “herança maldita”?

Por outro lado, a façanha comunista é tentar mostrar um “outro lado”, ainda que dando voltas e voltas, para justificar o óbvio, injustificável, que ninguém quer falar, que foram os buracos deixados pela corrupção petista. O certo é que até agora, passados dois anos e meio da gestão comunista, a herança maldita deixada em bacabeira permanece no anonimato.

Engodo eleitoral:

Uma verdadeiro absurdo, famílias inteiras deixaram suas casas, venderam terras, chegaram ao local com malas e cuias, enganadas por publicidades enganosas de trabalho e riquezas, mas que, passados alguns anos, nada aconteceu como prometido. Sem falar dos prejuízos de quem resolveu investir em hotéis,  restaurantes, cursos auxiliares de refinarias, etc. Será que a população não merece uma explicação do atual governo?

Abaixo, um belo texto do jornalista Cunha Santos:

venezuela brasileira1

Continue lendo aqui: 

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) participou ontem (30) de Audiência Pública, presidida pelo deputado Cabo Campos (DEM), para debater a atual situação dos sub judice do último concurso da PMMA. Na ocasião, Wellington reconheceu que o Legislativo não possui atribuição para efetivar a convocação e defendeu a convocação dos sub judice.wellington-3-1024x682

“Quem tem a competência para convocar é o Executivo, nós do Legislativo propomos, indicamos ao Executivo. Uma dessas coisas que aqui propomos é a convocação dos ‘sub judice’, grupos de pessoas que ingressaram na justiça, ajuizaram ações e através de liminar e conseguiram finalizar o TAF e os exames médicos exigidos. Diante disso, temos aproximadamente 300 sub judice esperando a convocação para o início do Curso de Formação de Soldado. Há a necessidade do estado em priorizar certas coisas e segurança pública tem que ser uma. Por isso, defendo a convocação por entender que a coragem, a determinação de um homem não é medida pela altura. A ampliação do efetivo da polícia e bombeiro militar tem que ser realizada logo. O momento exige isso.”, afirmou.

No transcorrer da audiência, que também contou com a participação do deputado Eduardo Braide (PMN), outras pautas foram discutidas, sendo elas:

– O ingresso de candidatos ao CFO (Curso de Formação de Oficias) que não seja exigido curso especifico de Direito;

– A mudança na idade para entrada na corporação que hoje é de 28 anos passando para 35;

– Redução da altura (1,60m para homem e 1,55m para mulher)

– O ingresso com nível superior;

– Convocação para o TAF (Teste de Aptidão Física) de mais excedentes.

Greve dos professores deverá continuar…

Tribunal de Justiça do Maranhão determinou que a greve dos professores municipais em São Luís seja suspensa e os profissionais retornem imediatamente às salas de aulas, que estão paralisadas desde o inicio da semana passada.

Os grevistas, que reivindicam um reajuste salarial de 11,36% integral com retroativo, ao que tudo indica, deverão dar continuidade à greve ainda que tenham que pagar, conforme liminar do TJ, uma multa diária de R$ 10 mil, caso deem continuidade à greve hoje.

 

Fartura: UPAs de portas fechadas, farta tudo, dipirona, gaze, até esparadrapos…

UPA do Vinhais desativada.bc4a07e9-c253-4da2-a7ac-b3eeadbc3409

Imagens (videos e fotos) enviados pelos grupos de whatsapp mostrando a UPA do Vinhais de portas fechadas. Mesmo com a grande movimentação das informações, até agora, a Comunicação estatal comunista não enviou nota à imprensa negando a paralisação.

Mês de boi…

Enquanto os pandeirões e matracas de bumba meu boi começam a “troar” nos terreiros, estão sendo aguardados os números da violência, que comprovam que, apesar dos esforços, a insegurança continua com índices altíssimos no Maranhão da mudança. Os números do mês de maio deverão mostrar que o gráfico da violência continua alarmante…

Caema quebrando a cidade, Edivaldo no prejuízo…

Com a desculpa de “trabalhar” pelo povo, Caema destrói a cidade.

São muitas as imagens que mostram os buracos feitos pela companhia de agia e esgotos do Estado, que, ninguém entende como ou porque,vem cavando a cidade e deixando  vários buracos a céu aberto, sem a devida preocupação de tampá-los. Pior para o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, que tem se esforçado para asfaltar e deixar a cidade sem buracos.

Abaixo, imagem de uma obra que já está sendo feita (refeita) por mais de 6 vezes no bairro da Cohama.

a870908b-b02a-4729-806d-96bdc1b088d5

Na próxima semana, o deputado federal Aluisio Mendes (PTN) deixará a liderança da bancada do Partido Trabalhista Nacional (PTN), na Câmara Federal. A decisão foi anunciada pelo parlamentar em suas redes sociais, após avaliar que não seria possível exercer a função com a dedicação necessária nos próximos meses, devido ao apoio e tempo a seus pré-candidatos nos municípios do Maranhão, o que demandará mais a sua presença no Estado.0adb2ff7-9db1-432b-970d-bd1a381a06bd

Desde o seu primeiro ano de mandato, Aluisio tem mostrado força e articulação política ao formar um bloco na Câmara Federal com oito partidos – PSDC, PTN, PRP, PTdoB, PSL, PRTB, PTC e PMN – totalizando 18 deputados federais, o que o levou a ser escolhido para liderar o bloco, além de ser um dos articuladores do crescimento da bancada do PTN na Câmara Federal, que aumentou de quatro para 13 parlamentares.

“Assumi a função de líder por 15 meses, exercendo a função com prazer e muito orgulho, pois nas duas vezes em que fui escolhido foi por unanimidade das bancadas. Mas a liderança demanda muito tempo e dedicação, e não seria justo com meus pares não estar 100% focado nas atividades de líder, já que preciso estar mais livre para apoiar meus pré-candidatos nas eleições municipais”, declarou o deputado. Ele ressaltou, ainda, que sua decisão foi discutida com os demais membros do partido e todos entenderam sua posição. Com seu afastamento, a liderança do PTN na Câmara Federal será exercida pela atual presidente nacional da sigla, a deputada federal Renata Abreu. (Isadora Alves)

1 10 11 12