Monthly Archives: Abril, 2018

O Deputado Estadual Zé Inácio (PT) utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão nesta terça-feira 03/04, onde se posicionou sobre a solicitação de filiação do Deputado Federal Waldir Maranhão (Avante) ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Como militante político que visa o fortalecimento da legenda e do partido no Estado, Zé Inácio se mostrou favorável à filiação ao PT. “O Deputado Waldir decide se filiar ao PT no momento em que o país enfrenta uma grave crise econômica, política e social, em que a democracia é ameaçada constantemente e direitos conquistados a duras penas pelo povo são aniquilados por um governo ilegítimo, por um governo golpista. O Deputado Waldir, inclusive, tentou evitar o golpe quando se posicionou contra o impeachment e a favor da Presidenta Dilma quando exercia a presidência da Câmara”, disse.

Zé Inácio também falou sobre a chapa majoritária do governador Flávio Dino (PCdoB). “O Governador tem e terá o meu apoio para concorrer à reeleição, mas não podemos abrir mão desse debate político e dizer que o PT tem força suficiente para contribuir fortemente na sua reeleição, tendo um nome que possa vir a ser o Deputado Waldir Maranhão na chapa majoritária. Com o apoio do governador, com o apoio de Lula ele passa a ser um dos candidatos mais competitivos ao Senado, por isso que talvez que alguns temem a ida dele para o PT”, refletiu.

Por fim, o Deputado Zé Inácio destacou a importância de eleger parlamentares petistas que possam dar sustentação ao Projeto Nacional de fortalecimento da Democracia brasileira e de retomada das conquistas históricas alcançadas nos Governos do PT. “Na luta para que possamos ter um estado de bem estar social como já promoveu o PT nos seus primeiros governos, no governo Lula e no governo Dilma, por meio de programas como Bolsa Família, Prouni, Minha Casa Minha Vida, Ciências sem Fronteiras e tantos outros programas. É importante que haja, na Câmara e no Senado Federal, pessoas comprometidas com esse tipo de projeto, por isso que nós lutamos para ter um senador do PT na chapa de reeleição do Governador Flávio Dino”, concluiu.

Na tarde desta segunda-feira (02), o deputado estadual progressista Wellington do Curso utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa do Maranhão para denunciar mais um provável caso de corrupção na saúde do Maranhão.

Trata-se de contratos firmados com a Secretaria de Saúde do Governo do Maranhão, através do Instituto Acqua, sendo um deles para gerir a Santa Casa de Cururupu; outros relacionando-se ao Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr.º Jackson Lago.

De acordo com as informações que foram encaminhadas ao deputado Wellington, o principal sujeito é o médico Edilson Júnior, que além de possuir vários empregos em hospitais e clínicas, é também o proprietário da empresa S.M.C. – Serviços Médicos de Cururupu, sendo o responsável por contratar-se e pagar a si próprio.

“De acordo com as denúncias que recebemos, é o médico quem assina as requisições de pagamento da sua empresa SMC e, do outro lado do balcão, como Diretor do Hospital de Pinheiro, é quem atesta o pagamento dos serviços de R$356 mil. O diretor do hospital é proprietário de empresa que paga seu próprio salário. Expomos aqui essa denúncia, estaremos encaminhando ao Ministério Público e aguardamos um posicionamento do Governo do Estado do Maranhão, que também responde pelos atos em questão”, disse Wellington.

Antes não tinha despejo de jogadores, hoje tem…

Na propaganda do governo está tudo bonito: dinheiro para o esporte, incentivos para o futebol, mas na vida real(fora das propagandas) atletas estão sendo despejados, sem dinheiro nem para pegar ônibus. A triste fase do futebol maranhense chegou ao seu pior momento. O Moto Clube, time tradicional maranhense de futebol desceu tanto de nível que foi parar na delegacia.

(Informações Bandeira2)

Governador erguendo o troféu na foto com os campeões maranhenses de 2016.

Dirigente partidário com mandato, parlamentar diz que entrada do deputado federal vai fortalecer o partido em todo o Maranhão.

Um dos poucos representantes da corrente Construindo um Novo Brasil (CNB) com mandato parlamentar, o deputado estadual Zé Inácio tem saído em defesa da filiação do deputado federal Waldir Maranhão ao PT.

Maranhão entregou semana passada documento pedindo filiação do partido, mas enfrenta resistência dos principais dirigentes petistas.

– Nós, da CNB, acreditamos que a vinda de Waldir Maranhão para o nosso Partido vai ajudar a fortalecer o PT em todo o Estado – declarou Zé Inácio.

Ele defende que Maranhão se comprometa com as centrais sindicais a atuar no Senado em defesa da classe trabalhadora brasileira.

Apenas setores da CNB manifestaram apoio à filiação de Waldir, que tem rejeição dos presidentes municipal e estadual do PT.

O partido tem até o dia 7 de abril para decidir sobre a filiação do deputado federal…

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou da programação do II Fórum de Apicultura do Alto Turí, realizado no último final de semana, no município de Governador Nunes Freire. O evento foi promovido pela Federação dos Apicultores do Estado do Maranhão (FEMAMEL) e contou com a presença de centenas de apicultores da região do Alto Turí e outras localidades do Estado.

O encontro foi realizado no Centro Educacional Professor Hamilton Wernek. Também participaram das discussões representantes do Governo do Estado e instituições financeiras. O objetivo foi dar continuidade aos debates sobre a criação de uma Lei que possa disciplinar a atividade da apicultura migratória no Maranhão.

Júnior Verde representou a Assembleia Legislativa e destacou a importância do momento para a regulamentação e a modernização tecnológica da apicultura, e tudo que envolve a cadeia produtiva do mel de abelha, bem como o fortalecimento de parcerias.

“Na primeira edição do evento, propus que o Fórum fosse realizado todos os anos. Agora, estamos reunidos em mais uma edição, avaliando os avanços que conseguimos e discutindo as ações que vão fortalecer essa importante atividade em toda a região produtora”, garantiu o parlamentar.

Antes não tinha agora tem….

Nesta postagem, o destaque vai para a transparência do ex-governador Zé Reinaldo Tavares, que agiu com clareza e não escondeu a sua intenção de promover uma terceira via no Maranhão. Muito diferente daquilo que fez Flávio Dino, quando embalou ao mesmo tempo, e sem nenhum pudor, seus dois aliados: Elizane Gama e Waldir Maranhão, com promessas sem a menor chance e nenhuma intensão de cumprir.

Antes de tudo, é importante destacar que Zé Reinaldo fez a coisa certa ao decidir-se pelo PSDB, atendendo ao convite do presidente nacional do partido, Geraldo Alckimin, que também é governador do estado de São Paulo. Ao contrário do que fez Flávio Dino, que nunca atendia suas ligações, sem falar das intermináveis horas e chás de cadeiras que o Zé sofreu na recepção do Palácio, tendo que se humilhar para ter uma simples conversa (audiência) com o governador.

O que Flavio Dino não esperava era que, com a saída de Zé Reinaldo de sua base aliada, ele favoreceu não apenas o surgimento da terceira via, mas, também de uma quarta via, que é Eduardo Braide, nas eleições de 2018. Este fato só comprova que, diferente de Flávio Dino, que impede, vinga, e mata no nascedouro, Roberto Rocha e Geraldo Alckim estendem as mãos aos outros políticos.

Zé que o diga. Por falar nele, fecho com a paródia da campanha publicitária do governador: antes não tinha, agora tem autofagia.

Maura Jorge deverá oficializar entrada no partido de Bolsonaro, piorando situação eleitoral dos comunistas no Maranhão…

Ex-prefeita foi convidada oficialmente e já encaminhou, inclusive, vários aliados para concorrer às eleições pela legenda de Jair Bolsonaro, segundo colocado nas pesquisas para presidente do Brasil.  O presidente da legenda no Maranhão, o vereador Chico Carvalho, já liberou sua filiação ao PSL, “só falta ela marcar a data”, disse Chico.

A entrada de Maura Jorge no PSL já havia sido definida há duas semanas, quando ela se reuniu com o deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), candidato da legenda a presidente. Mesmo com a filiação ao PSL, a pré-candidata deverá manter o apoio do Podemos ao seu projeto de candidatura ao governo.

Ela já teve convite oficial do partido e já filiou vários de seus aliados, faltando apenas definir sua própria entrada. (Informações blog do Marco Deça)

 

O deputado estadual progressista Wellington do Curso realizará na próxima segunda-feira, dia 02 de abril, audiência pública para discutir sobre impactos sociais da implantação da Resex de Tauá-Mirim e, assim, articular ações que garantam a defesa dos direitos dos moradores do Cajueiro.

Ao fazer o convite para participação na audiência , o deputado Wellington destacou que o Parlamento Estadual não pode ficar inerte diante dos impactos sociais causados ao povoado do Cajueiro.

“Há um processo em tramitação no Judiciário que, inclusive, obriga o Estado do Maranhão a cumprir determinação de não deslocar as comunidades tradicionais na região mediante a desapropriação de qualquer ato que consista em retirar os moradores para instalar indústrias não relacionadas à atividade rural. Sabemos dos impactos sociais, da iminência de violação de direitos e é por isso que estamos nessa discussão. Enquanto membros do Parlamento Estadual, não podemos permitir que os moradores do povoado Cajueiro sofram com isso. Portanto, convidamos todos para essa discussão e esperamos encontrar meios que garantam os direitos dos maranhenses”, afirmou Wellington, que é presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa.

A audiência acontecerá na segunda-feira, a partir das 14h, no auditório Plenarinho da Assembleia. Devem estar presentes membros do Ministério Público, Judiciário, líderes comunitários, Comissão de Direitos Humanos da OAB, moradores do Cajueiro entre outros.

Promessas vazias:

Flávio Dino prometeu assim que eleito, que seus auxiliares não iam disputar eleições. Passados quatro anos, ele se prepara para exonerar seus secretários nesta segunda-feira, 02 de abril, para que todos, no total: sete secretários possam disputar as eleições deste ano.

Vai tarde, Jerry…

O governador bolivariano Flávio Dino, que é apoiador da ditadura bolivariana na Venezuela, fez tudo ao contrário, por fim, terá que exonerar seus auxiliares para contemplá-los com cargos eleitorais.

Dizem por estas terras que “se o Jerry passasse mais um ano mandando no governo comunista o Maranhão ia à falência” (se é que não já foi). O secretário de comunicação, que por “coincidência” recebeu também a incrementação de fazer a articulação política (eleitoral?) Márcio Jerry, dizem seus bajuladores, que já é considerado um deputado federal eleito com mais de 300 mil votos.

Dá para acreditar, que a principal mudança que era não usar o governo como trampolim eleitoral, como fez Sarney por décadas, Flávio Dino foi incapaz de cumprir em apenas três anos?

O mais cotado para ser eleito deputado federal é nada manos que o presidente do PCdoB do Maranhão, Márcio Jerry, que em três anos fez a legenda avançar como nunca antes na história do Maranhão. Bastou ter máquina pública que o PCdoB cresceu vertiginosamente, inclusive, depois que Flávio Dino, com o uso da máquina foi feito “poderoso” sua legenda ganhou expressão nacional.

Coincidência?

Talvez não. Pesa sobre Márcio Jerry a peraltice de ter gasto somas milionárias em propagandas em território nacional e no exterior, confira aqui:

E assim, o pobre Maranhão, depois de quase quatro anos de gestão politica-ideológica está no vermelho (fundo do poço) quase quebrado. O comunismo faz isso, o Maranhão não seria diferente de Cuba nem da Venezuela.  Despertem, conterrâneos.

Abaixo, trecho do blog Atual 7 sobre a “articulação” promovida pelo governo político-ideológico do maranhão:

 

1 3 4 5 6