Covid-19: sobre ambulância que pegou fogo com criança na estrada e deputada que deu entrada em hospital de rico da rede particular de São Luís…

0

Covid-19: sem investimento em saúde, Maranhão obriga seus doentes arriscarem-se nas estradas rumo a capital, alguns foram impedidos de entrar no Piauí…

Deputada esposa de prefeito teve que sair do interior urgente para buscar salvação em hospital da rede particular no mesmo dia que ambulância pega fogo com criança em estrada saindo do interior.

A diferença entre os dois?

Procissão de ambulancias: o constante desafio de doentes nas estradas para serem curados, já que nas 217 cidades não tem investimentos na saúde, os hospitais são poucos e precários.

Uma é rica, tem dinheiro, mandato de parlamentar, o esposo é prefeito de importante cidade em que alguns hospitais estaduais estão fechados, sem condições de cuidar da população, sendo obrigada pegar um avião e ser internanda num hospital particular da capital, talvez pago pelo estado, com dinheiro do contribuinte. E o povo?

Já o outro, uma pobre criança, filho de pais pobres, que tiveram que sair de sua cidade, sua casa, por que nas 217 cidades não existem condições, hospitais, nem nada.

Quero lebrar a dificil vida dos nossos irmãos que estão sendo negadas as condições para que tenham tratamento digno em suas cidades e não enfrentar perigos de viagens dolorosas e distantes, com riscos de acidentes, inclusive de pegar fogo.

Assim como essa criança, muitas outras pessoas têm que sair de suas casas, cidades, para lotarem hospitais precários, muitas vezes ficando num corredor de um hospital sujo, fétido na capital do estado, ou então viajar para outro estado.

Maranheses expulsos do Piauí:

Recentemente o prefeito de Teresina teve que fechar os limites entre duas cidades, Teresina e Timon.

Não quero tirar a razão do prefeito de Teresina de proibir entrada de maranhenses nos hospitais de sua cidade durante a pandemia, lógico que responsabilidade é do governador do Maranhão, que inclusive tinha aplicado “lockdow” no estado naquele momento.

Foi na cidade da deputada que uma doente crônica renal morreu na porta do hospital buscando ser atendida.

Nass redes sociais, governador comunista postando fotos de aviões fretados para buscar doentes, pergunto: não seria melhor ter investido em saúde? Entenda clicando aqui:

A intenção desta postagem é cobrar a classe política, não é explorar o estado de saúde dos que precisam de hospitais, rezo pela restauração da saúde da deputada, como imprensa, acredito que a parlamentar não deverá se ofender por citar seu caso, me acho no dever de cobrar dos deputados, que têm toda condição para serem tratados, curados, inclusive com planos de saúde pagos por todos nós.

Sem agradecer os milhôes enviados pelo Presidente Bolsonaro ao Maranhão, que garantiu amparo neste momento para socorrer a população pobre, o governador comunista ilustra as redes sociais com fotos de avião. Quanta loucura, governador.

Quanto aos pobres maranhenses? Bom, vamos rezar. Deus tenha piedade de todos nós.

Os comentários estão desativados.