Mico de Forasteiro: Jota Pinto convida para receber título que não foi aprovado por vereadores

0

O blogueiro Neto Cruz, noutra furada inédita sobre os bastidores da cidade balneária, São José de Ribamar, fala sobre a rejeição de Jota Pinto.

Orientado por “assessores” neófitos na política, o pré-candidato a prefeito de São José de Ribamar, Jota Pinto, mais conhecido como “Forasteiro”, não cansa de pagar mico.

Na ânsia de “virar ribamarense” a qualquer custo, recorreu à batida estratagema, usada por político de interior, para tornar algum forasteiro “cidadão” de alguma localidade: o famigerado título de cidadão.

Mas ele e seus assessores só esqueceram de combinar com os russos, ou melhor, com os vereadores ribamarenses, os mesmo de “outros carnavais”.

A proposição encontrada nos arquivos da Câmara Municipal de São José de Ribamar não passou de “proposição”, pois nunca foi aprovada pelos vereadores da legislatura da época em que o título foi apresentado, conforme revelou o blogueiro NC.

Justiça seja feita, o mico não deve ficar só na conta do Pinto, e assessores. O presidente da Câmara, Beto das Vilas, tem parte efetiva na micagem por não ter se dado ao trabalho de pelo menos averiguar a matéria.

Confira mais sobre o mico lendo aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.