Impunidade suprema: Presidente do Congresso, vulgo “botafogo” acena para STF soltar bandidos perigosos…

0

Tudo pronto para outra manobra em favor da impunidade. Quem sofrerá as consequências da libertação de Lula serão os eleitores, que Rodrigo Maia disse recentemente que ” o Congresso não é obrigado ouvir o povo”. Assim segue o calhorda fazendo.

O Antagonista

Maia diz que Câmara não pode partir para o “enfrentamento com o STF”

Na véspera da sessão do STF em que o tema da prisão após condenação em segunda instância será analisado pelos ministros, Rodrigo Maia afirmou que a Câmara não pode entrar em confronto com a Corte.

Perguntado sobre a tramitação, na Casa, da proposta que institui a prisão após condenação em duas instâncias — cuja admissibilidade consta do parecer apresentado pela deputada Caroline de Toni, do PSL, na CCJ –, Maia respondeu:

“Eu não posso colocar matérias que caminhem para o enfrentamento com o STF. Nós vamos esperar o caminho que o Supremo vai tomar, se vai manter a posição atual. Se mudar, qual caminho vai tomar? Acho que o nosso papel é sempre gerar equilíbrio e harmonia.”

No fundo, todo mundo em Brasília já imagina “qual caminho” o STF vai tomar amanhã.

Os comentários estão desativados.