TV dos comunistas deturpa reportagem da Folha de SP para atacar presidente Bolsonaro no Maranhão…

0

Fascismos, desespero comunista?

Cara de pau: Aliados de Flávio Dino queriam mandar até nos cargos federais?

Pra inicio de conversa, qual o problema de tirar adversários das estruturas do governo federal para colocar gente de confiança, que não se submete aos adversários?

Comunistas sentiram o golpe e passaram a atacar Bolsonaro. Ora, quem ocupa cargos de confiança do governo federal precisa ser aliado do presidente. Qual o problema, então?

Nas emissoras alugadas (ou compradas e pagas, ninguém sabe ao certo) pelos comunistas,  uma nova polêmica foi criada para atacar Bolsonaro: um sobrinho do presidente, segundo uma entrevista da Folha de SP, teria sondado os ocupantes do governo federal, após a saída do ex-presidente Michel Temer.

Cargos de confiança precisam ser ocupados por aliados e não “vira-casacas”.

Duro golpe nos comunistas enrustidos: cargos do governo federal deverão ser de aliados de Bolsonaro e não de “vira casacas”…

E os grampos nos telefones de adversários de Flávio Dino?

Pelo visto a agenda do presidente Jair Bolsonaro no Maranhão, anunciada recentemente, já começou causar desconfortos no chefe do comunismo, que despeja a maquina pública em mídias para aparecer como pré-candidato a presidente.

Nas emissoras do comunismo, fala-se de tudo para atacar os adversários do presidente do Brasil, de filhos, sobrinho, só não se fala, por exemplo, dos “grampos” ilegais praticados pelo governo comunista, segundo delação de delegados, que foram ouvidos na Câmara dos Deputados.

Os comentários estão desativados.