Após rasteira de Gil em Glalbert, irmãos vão à igreja agradecer pelos pouquíssimos votos em Ribamar

0

Logo após as eleições, o blog começou a desmistificar as mentiras que aliados de Gil Cutrim espalhavam pelo Maranhão, alegando vitórias nas urnas ribamarenses.

Aproveitando o embalo do deputado federal Weverton Rocha, senador eleito com apoio do governador (reeleito) Flavio Dino, os irmãos Cutrim organizaram uma visita de agradecimento à São José de Ribamar.

O que mais chama atenção nesse estranho movimento cupiniano é que Glalbert Cutrim teve pouco mais de 900 votos na cidade, muito abaixo do que ele esperava e do que ele teve em 2014, quando foi eleito a primeira vez, mas não mandou um centavo para Ribamar.

Segundo uma fonte próxima ao ex-prefeito, a visita é para provar que os irmãos não estão brigados por causa da “passada de perna” que Gil deu em Glalbert, quando pediu para as pessoas votarem somente nele em Ribamar, porque sua eleição era prioridade.

Nem o santo padroeiro vai escapar! Eles pretendem ir à Igreja Matriz de São José de Ribamar para realizar o ato. O blog, parafraseando Roberto Carlos, aconselha: não adianta ir à Igreja rezar e fazer tudo errado.

O que o blog não entendeu ainda é o porquê de eles usarem o termo “agradecimento”, quando poderiam usar “decepção”, uma vez que não há um ribamarense sequer grato aos irmãos Cutrim e eles, por sua vez, detestam nossa gente.

É só lembrar-se de como São José de Ribamar era na época da gestão de Gil Cutrim: insegurança, saúde na UTI, educação de péssima qualidade, infraestrutura em caos, ou seja, muita destruição.

A visita deles mais parece uma despedida.

Quando Gil era prefeito vivia viajando pela Europa, postando foto nos estádios de futebol, foto com Neymar e muito ostentação e o que menos se via era sua cara na cidade, imaginem agora que ele não terá a obrigação de permanecer um dia sequer em São José de Ribamar.

Tudo indica que o plano de destruir Ribamar ainda não terminou.

Os Cutrim tentarão prejudicar os ribamarenses todos os dias a partir de 01 de janeiro de 2019, mas, certamente, não conseguirão impedir o novo momento da cidade.

(Do Blog do Seu Riba)

Os comentários estão desativados.