Aumento de passagens: antes tinha, agora piorou…

0

Se é verdade que no Maranhão o governo pratica o menor preço de combustíveis, porque não proíbe aumentar os preços das passagens?

Para um político que muito criticou os governantes passados, e que foi eleito com o discurso da mudança, não fica bem cobrar tantos impostos e ainda justificar cobranças exorbitantes.

Exploração e abusos sempre tiveram no Maranhão, era esperado na atualidade que os gestores da “mudança” fizessem diferente. Mas, não!

Após aumentarem as tarifas dos ônibus, passaram a noticiar que o Maranhão tem os preços das tarifas e dos combustíveis mais baixos do Brasil, mas isso, nada tem a ver com a gestão de Flávio Dino, e sim, pela logística portuária que facilita o acesso dos combustíveis aos  postos da capital tornando-os mais baratos.

Segundo uma reportagem, que tudo indica tenha sido “plantada” no jornal da Rede Globo, que foi parar no site do governo do Estado, um dos fatores dos combustíveis serem baratos é por causa “da baixa tributação” e pela intensa fiscalização do Procon, que nos outros estado ao que pareceu, segundo informações governistas, nesses outros estados, diferente do Maranhão não funciona bem.

Pode isso?

Abaixo, o absurdo cobrado pelo governo do estado. Numa nota fiscal  de R$ 50,00, mais de dez por cento é cobrado pelo governo comunista.

Os comentários estão desativados.