Senado cria Comissão Externa para acompanhar crise no transporte por ferry boat entre São Luís e a Baixada Maranhense

Grupo formado por três senadores e igual número de suplentes terá prazo de 120 dias para concluir os trabalhos.

Agência Senado – A comissão vai acompanhar a situação da travessia de ferry boat que conecta a região ocidental do Maranhão à ilha de São Luís.

O Plenário do Senado aprovou, na noite dessa segunda-feira (13), a criação de uma Comissão Externa para acompanhar a situação da travessia de ferry boat que conecta a região ocidental do Maranhão à ilha de São Luís, capital do estado (REQ 442/2022). A Comissão será composta de três senadores titulares e igual número de suplentes e terá 120 dias de prazo para concluir seus trabalhos.

O requerimento é de autoria do senador Roberto Rocha (PTB-MA). De acordo com o senador, esse sistema de transporte é fundamental para os maranhenses e vem passando por uma crise sem precedentes, que tem impedido os cidadãos de exercer seu direito de ir e vir, colocando “em risco a segurança daqueles que, após enfrentar filas quilométricas, precisam utilizar diariamente as embarcações ainda disponíveis”.

Roberto Rocha informa que a situação precária vem desde o ano de 2015 e que as reclamações têm aumentado nos últimos tempos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.