Em pleno natal, Flávio Dino estrebucha derrota diante da reeleição garantida de Bolsonaro…

4

Os números da esperança: esquerdistas cada vez mais distantes do poder em 2022:

Para terror da esquerda, Lula só aparece quando as leis são mexidas para favorecer corruptos, nada de provar sua inocência. Pior que isso foram os números do PoderData, mostrando que o presidente Bolsonaro tem reeleição garantida, e Flávio Dino, mesmo gastando horrores do dinheiro dos pobres quase não aparece.

Desesperado, Flávio Dino teve que mostrar quem realmente é, um boca suja.

Estrebuchou o derrotado:

Em pleno natal, Bolsonaro tirou Flávio Dino do sério, tudo indica, por ter sua aprovação e reeleição garantidas.

SatanDino: Segundo a bíblia, o maligno veio para Roubar, Matar, e Destruir; práticas constantes que o povo do Maranhão esperam sentados que deixem de acontecer no empobrecido e explorado Maranhão…

O pretenso candidato a presidente do Brasil em 2022, que vem gastando tudo para aparecer no cenário nacional, acabou perdendo as estribeiras após saber que seu nome quase não aparece de forma positiva no cenário eleitoral de 2022, com 1%, mesmo gastando absurdos de dinheiro público para aparecer, só conseguiu fazer cócegas no presidente, que segue calado nem ligando para o desespero dos comunistas.

Diferente de Flávio Dino, Bolsonaro segue liderando sem ao menos ligar para os xingamentos de seus adversários, com suas baixarias diárias, fakenews plantadas, mesmo com todos derrames de dinheiro público na tentativa inútil de sujar a imagem do presidente que vem trabalhando para tirar o Brasil do atraso, que neste caso do Maranhão, parece seguir na direção contrária do progresso.

O comunista que saiu derrotado das eleições de 2020, negou apoio recentemente ao PT de Recife, ajudando (com derrames?) o candidato do PSB, na tentativa de sair candidato pela legenda do filho de Eduardo Campos, João Campos, prefeito eleito.

Os Petistas garantiram que não vão esquecer a traição de Dino em 2020, prometem dar o ter troco 2022, para tanto, já estão dispostos a entregarem os cargos do governo do Maranhão, trocados por apoios pelo patrão Flávio Dino.

Derrotado nas eleições de 2020, Dino se viu rejeitado antes se ser candidato a presidente.

Governador que fala uma coisa e faz outra totalmente diferente, vem favorecendo a soltura da bandidagem, ajudando a aumentar os números da violência, assaltos, roubos e mortes de trabalhadores e gente de bem, passou a atacar  presidente e todos seus apoiadores na maior prova de antidemocrática, após saber que nunca será presidente do Brasil.

Ao comunista derrotado, só nos resta falar o óbvio: Por que não te calas, Dino: limpa tua boca pra falar de Bolsonaro.

 

4 respostas para “Em pleno natal, Flávio Dino estrebucha derrota diante da reeleição garantida de Bolsonaro…”

  1. No Maranhão, o que aumentou mesmo, foi os impostos e pobreza. Às Estradas estão uma Calamidade. Me refiro às M.A que nós proprietário de veículos trafegamos com muita dificuldade. Um comunista ‘filho da Puta’.

    • O Maranhão está piorado, mas como seria diferente com políticos eleitos a toque de caixa em 2018, com mentalidade atrasada e escrotos da pior espécie da escória humana?

    • M A. de grajau a Formosa da Serra negra todas as vésperas de eleições ele vem aqui prometer querendo eleger alguem que ele apoia. Nem a quem ele apoia ganha e nem a estrada sai do papel mais a hora dele tá chegando