Quem mentiu? Manu, candidata do PCdoB que, segundo IBOPE estava na frente, perdeu eleição após falar de Flávio Dino num debate em Porto Alegre…

0

A verdade sobre Manu D’Àvila: números não bateram com a realidade do IBGE, nem do IBOPE.

Candidata sustentada por Flávio Dino em 2018 foi sua pior derrota em 2020.

Engana-se quem pensa que a pior derrota de Flávio Dino foi Rubens Junior, candidato a prefeito de São Luís (capital do Maranhão) pelo PCdoB.

IBOPE dava como certa a vitória de Manu Dávila candidata do PCdoB em Porto Alegre, mas depois do debate perdeu feio…

A pior derrota do PCdoB não foi no Maranhão, foi em Porto Alegre, depois que a candidata a prefeita tentou falar de Flávio Dino como a redenção do estado pobre, destruído, durante um importante debate na televisão. A candidata tentou mostrar que O PCdoB fez melhor que o MDB. Uma mentira repetida pela candidata, aliás, Roseana Sarney do MDB deixou muito dinheiro em caixa, mas que sumiram no decorrer da gestão comunista, cujos cofres públicos encontram-se no buraco. 

Um dia antes de sua derrota, a candidata a prefeita pelo PCdoB da cidade de Porto Alegre – RS, falou de Flávio Dino durante um debate na televisão do RS, destacando o governo do Maranhão (veja no vídeo) dizendo que o paupérrimo e atrasado estado (último lugar), conseguindo na atualidade ficar atrás do Piauí, estava vivendo uma prosperidade como nunca antes na história do Maranhão.

Lógico que o eleitor gaúcho não é besta como alguns “comunistas” tentam fazer, através de mentiras.

O Maranhão é o estado mais atrasado do Brasil na atualidade, entrou na extrema pobreza, segundo os números do IBGE.

Quem não sabe em todo o Brasil que o Maranhão está piorado durante a gestão de Flávio Dino?

Não foi dessa vez, Manu. O povo do Rio Grande do Sul, diferente do Maranhão, demostrou que sabe votar e que não aceita a mentira.

A mentira de Manu, que foi a candidato de Flávio Dino, nome sustentado por ele para compor a chapa de  vice-presidente pelo PT nas eleições em 2018, como vice de Fernando Haddad, mas perderam para Bolsonaro.

Sobre as inverdades da comunista sobre o Maranhão, uma simples busca no google, pode comprovar que o Maranhão, diferente das propagandas enganosas, pagas ao preço de ouro nas mídias nacionais, são fakes. Parece que o eleitor gaúcho não caiu nessa.

Pela segunda vez no segundo turno, Manu não conseguiu ganhar. Culpa da mentira?

Quem mentiu, Manu: o IBGE ou IBOPE?

E não adianta falar da “margem de erro” dos institutos de pesquisas, dos números do IBOPE favoráveis que davam vitória à candidata do PCdoB antes da eleição no segundo turno, mas, depois de falar de Flávio Dino no debate, acabou descendo ao pior nível, ao ao nível da derrota.

Sobre as escolas públicas do Maranhão, confira algumas aqui:  

aqui: 

Se a comunista desse um “google” antes de falar do Maranhão num debate, talvez estivesse eleita.

Os comentários estão desativados.