Vitima de preconceito da esquerda, o palhaço Bozo que fez sucesso no programa matinal da garotada no SBT manda recado para o presidente Bolsonaro…

0

A intenção era “lacrar” mas a “ofensa” tronou-se honra.

Parece que não adiantou gastar milhões dos pobres para alegorias de carnavais. Abaixo, trecho do Jornal Correio Brasiliense sobre homenagem do palhaço Bozo.

Palhaço Bozo diz a Bolsonaro que esquerda o elogia quando compara os dois

Em vídeo compartilhado pelo presidente, o ator que interpreta o personagem afirma que apelido deve ser motivo de orgulho.

“Resolvi gravar esse vídeo por causa dessas coisas que estão acontecendo nesse carnaval e já há muito tempo, que as pessoas vêm chamando o presidente da República de palhaço Bozo. Eu sou o primeiro palhaço Bozo do Brasil, fiz todo aquele sucesso nos anos 80, conquistei cinco troféus imprensa, conquistei três discos de ouro e três de platina. Fui embaixador da Boa Vontade da Unesco nos EUA. O meu nome foi parar na calçada da fama, em Los Angeles, porque fui considerado o maior palhaço do mundo. Não foi o maior palhaço de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo. Não, foi o maior palhaço do mundo. Eu fui o maior palhaço do mundo. Portanto, a esquerda está elogiando o nosso presidente quando chamam ele de Bozo, porque o Bozo conquistou uma legião de amigos”, apontou.

Vídeo:

 

Os comentários estão desativados.