Boca no Trombone: Moradores de São José de Ribamar denunciam o caos no programa da TV Difusora.

“A situação está tão critica que nem o padroeiro está resolvendo, deu cupim em Ribamar”, disse o indignado apresentador.zé cirilo

Realmente é de causar vergonha, as lamentáveis imagens mostrando o tamanho do absurdo foram ao ar pelo programa “Boca no Trombone” da TV Difusora, pelo apresentador Zé Cirilo, sobre o caos que tomou conta de São José de Ribamar.

No final da apresentação, Zé Cirilo, ainda se benzeu, desconjurando o prefeito “cupim”. Veja no vídeo abaixo:

Os militantes do Partido dos Trabalhadores no Maranhão devem ser proibidos de realizar qualquer ato pró-Dilma Rousseff e Lula na Avenida Litorânea no dia 13 de março.

É uma questão de bom senso.pixuleco-1

Desde o final do ano passado, os manifestantes do “Fora Dilma” deixaram marcada para esta data uma mobilização no mesmo local. Até a semana passada, tudo corria bem para que os protestos em São Luís seguissem (como sempre vem ocorrendo) de forma absolutamente pacífica.

Mas veio a condução coercitiva do ex-presidente Lula na sexta-feira (4) e o lamentável episódio do ataque ao Pixuleco no sábado (5) . Confira no blog do Gilberto Leda:

E o que se tem hoje é um clima de guerra. A manifestação anti-Dilma segue marcada para o dia 13. Mas, por todo o país (São Luís aí incluída), os petistas têm anunciado que também vão às ruas.

“Não vamos brincar”, declarou ao Blog do Gilberto Léda, na segunda-feira (7), o presidente estadual do PT, Raimundo Monteiro.

No caso da capital maranhense, os militantes pró-Lula e Dilma dizem que vão para o mesmo local do “Fora Dilma”.

Está claro que o objetivo é o confronto.

É imperioso, portanto, que as autoridade do estado ajam com firmeza para impedir a presença de petistas na Litorânea no domingo. É uma questão de bom senso.

Condenação pelo Tribunal de Justiça tira do páreo o ex-prefeito do PMDB, e fortalece projeto de reeleição do prefeito tucano Josemar Sobreiro, que fica praticamente sem adversário consistente

Marco Deça

Revés de Arôso favoreceu Josemar a se consolidar contra um Dutra antipatizado em Paço do Lumiar…

Revés de Arôso favoreceu Josemar a se consolidar contra um Dutra antipatizado em Paço do Lumiar…

O prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PSDB), praticamente consolidou seu projeto de reeleição no município.

Embalado pela recuperação da gestão nos últimos meses, Professor Josemar viu ontem o Tribunal de Justiça manter a condenação de seis anos de reclusão contra o ex-prefeito Gilberto Arôso (PMDB).

Pela Lei Eleitoral, qualquer condenação nas instâncias de 2º Grau da Justiça tira do páreo os pretensos candidatos.

Arôso era o único adversário que estabelecia certa disputa com Josemar.

Até agora, nem o ex-deputado Domingos Dutra (PCdoB), nem o empresário Caetano Jorge (PV), conseguiram mostrar a que vieram na disputa em Paço do Lumiar, apesar das estruturas que se dispõem a apoiá-lo.

Consolidado pela entrada no PSDB e fortalecido pelo apoio do PDT, Josemar deve conquistar os eventuais eleitores de Gilberto Arôso, tradicionalmente antipáticos a figuras como ad e Dutra e ainda pouco afeitos a novatos como Caetano.

Fora do páreo em Paço do Lumiar, Gilberto Arôso ainda tem outro problema a resolver.

Por decisão do Supremo Tribunal Federal, qualquer condenado em nível de segunda instância no Brasil é obrigado, automaticamente, a iniciar o cumprimento da pena, o que é o seu caso. Mas esta é uma outra história…

Facção vermelha?

Em primeiro lugar, é bom que se diga que, não fica bem para os autointitulados “defensores das manifestações democráticas”, tomarem partido em movimentações que incitam a violência, demostrando apoio a vândalos transvestidos de políticos, como observado no sábado passado, quando uma turba de baderneiros furou a facadas e chuços o boneco Pixuleco.

Reveja o lamentável episódio do ataque ao evento da praça Maria Aragão, que, mesmo estando devidamente documentada, houve intervenção de baderneiros armados com facas: 

fac

A tresloucada ação foi acompanhada de perto por secretários e assessores do governo do Estado.

Por incrível que possa parecer, os tais baderneiros, gritavam no vídeo que tinham o apoio do governo. A tentativa seria mostrar aos policiais que a atitude era garantida pelo chefe do Executivo estadual, Flávio Dino, o mesmo que meses atrás, anunciava ao Brasil inteiro, as mesmas palavras dos baderneiros, que: “não vai ter golpe”.

Fica difícil, aliás, impossível não ligar o governo comunista aos baderneiros presentes ao evento, ainda mais que alguns secretários que estavam presentes teriam, segundo as palavras do manifestante que gritava “cadê o governo estão perdendo o cara”, que foi reconhecido pelas imagens como “Chocolate”, foram os mesmo que estiveram na delegacia (plantão permanente do Parque do Bom menino) para soltar os baderneiros, mesmo sendo presos em flagrante delito portando armas brancas, inclusive, ferindo um policial.

Diante de tantos indícios e nenhum pronunciamento ou resposta o governo, só resta uma conclusão: O governo de todos é, também, governo de facções? Vejam o vídeo:

Em sua agenda pelo interior do estado no último fim de semana, registros da inauguração do Centro de Imagem Antônio Joaquim da Cunha, na cidade de Tuntum.397d287e-86d7-4873-8a3d-c6c1cd51351a

Ao lado do governador Flávio Dino,  do secretário Marcos Pacheco, de outros colegas deputados, do ex-prefeito Pires e do prefeito de Tuntum, Cleomar Tema, a deputada estadual Ana do Gás (PRB) visitou as novas instalações da unidade de saúde, da entidade filantrópica Antônio Joaquim da Cunha. O funcionamento do local se dará a partir de um convênio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) a fim de possibilitar o atendimento de pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O Centro de Imagem vai oferecer à população a realização de exames de tomografia computadorizada, ultrassonografia, raio x e mamografia. O local será referência para mais de 520 mil pessoas dos 31 municípios que compõe as regiões de Presidente Dutra e São João dos Patos.530e10ec-1fa8-422e-a8fb-f09257dd9da6

A deputada Ana do Gás defendeu na Assembleia a conclusão das obras do centro. “A conclusão desse centro de imagens é um verdadeiro presente para as mulheres da região, que poderão agora fazer exames de média e alta complexidades “, comemorou a parlamentar.

O deputado estadual Zé Inácio (PT), utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã desta terça-feira (8), para fazer referência ao Dia Internacional da Mulher.

Ao discursar, o parlamentar reconheceu o avanço em políticas públicas para mulheres e destacou as conquistas que devem ser celebradas, enquanto outras ainda precisam ser alcançadas, visto os desafios difíceis que elas enfrentam.55cebc76-c920-4f8c-ba7a-c2a94bd52143

“O Dia Internacional da Mulher é marcado como o dia de luta das mulheres que tiveram e ainda têm direitos a serem conquistados, direitos esses que vão desde o voto ao trabalho digno. No Brasil, além do direito ao voto, que se configurou em 1932, as mulheres também lutaram para conquistar o direito à maternidade, à educação e ao trabalho. No entanto, ainda existem diversas barreiras que impedem as mulheres de desfrutarem da igualdade, mesmo diante dos avanços significativos. Dentre eles, há o problema da violência e a baixa representação política”, lamentou Zé Inácio.

Para o deputado Zé Inácio, o combate à violência contra a mulher no Maranhão, é um desafio que deve envolver ações conjuntas entre a sociedade, os poderes executivo, legislativo e judiciário e as organizações da sociedade civil, e é de fundamental importância a participação da mulher no cenário político, a fim do desenvolvimento social da classe.

“Não podemos aceitar que as mulheres sejam violentadas pela sua condição de mulher, como vimos recentemente no assassinato da trabalhadora rural Francisca das Chagas, do município de Miranda do Norte, em fevereiro do ano passado. Em relação à participação das mulheres na política, o Brasil ainda detém de uma das taxas mais baixas da presença das mulheres no Congresso Nacional. O combate à violência, a participação das mulheres na política, sua inclusão no mercado de trabalho e o seu direito às condições dignas, asseguram-se com ações e mobilizações  populares para que possamos construir uma sociedade sem violência, com a participação efetiva e a garantia da igualde de gênero”, ressaltou o deputado.

Mais homenagens às mulheres: Parabéns às mulheres corajosas, patriotas deste Brasil que pedem o fim da impunidade e da corrupção…

Aeroporto de Brasília neste 7 de Março para recepcionar políticos.

Vejam os militares da (Aeronáutica/FAB) cercando as cidadãs que protestavam de forma pacifica, sem representar ameaça. No entanto, as armas estavam apontadas contra suas vidas.

20160308111002

20160308111002 (1)

Mulheres patriotas batendo panelas no Aeroporto de Brasilia, confira no vídeo:

O Dia Internacional da Mulher não é considerado uma data de celebração – ele existe para lembrar a luta por igualdade que ainda acontece. Que tal conhecer algumas mulheres que contribuíram para essa luta?

Vem ver algumas dicas do perfil @malu_mad

 Arábia Saudita e sua primeira delegação de atletas para as Olimpíadas. Wojdan Shaherkhani e Sarah Attar

Gulabi Gang, mulheres indianas que lutam contra a violência doméstica 

Nesta semana de comemoração do Dia Internacional da Mulher, a deputada federal Eliziane Gama apresentou projeto de lei que valoriza as quebradeiras de coco babaçu. A proposta é fruto de encontro entre a parlamentar e representantes de comunidades extrativistas.1260312041_1quebradoras_de_coco_maranhao3

“A ideia é valorizar estas populações, principalmente estas mulheres que arduamente trabalham para conquistar o sustento das suas famílias”, enfatizou.

O projeto de lei apresentado por Eliziane Gama, única representante feminina da bancada maranhense, proíbe a derrubada da palmeira do babaçu nos estados do Maranhão, Piauí, Pará, Tocantins, Goiás e Mato Grosso.

Eliziane esclareceu que a proposta é também garantir que estas áreas sejam destinadas para estas comunidades envolvidas com a coleta do fruto.

“A lei irá garantir que matas naturais de babaçu sejam usufruto comunitário de populações de extrativistas que as exploram em regime de economia familiar”, esclareceu.

De acordo com a parlamentar, hoje aproximadamente 400 mil famílias extrativistas vivem da coleta e quebra do coco babaçu para extração da amêndoa.

Dados apontam que 30 % da renda destas famílias é derivada da venda das amêndoas. Este número diminui para 6% durante período de necessidade de mão-de-obra e crescente escassez de frutos acessíveis.

 

1 434 435 436 437 438 506