“Ele não” vai para o lixo da história!

Movimento contra Bolsonaro deu em nada e sujou a cidade ainda mais. Intolerância?

“Ele não” um movimento contra Bolsonaro, que aconteceu nas proximidades do Palácio dos Leões, que deu em nada, aliás, só demostrou intolerâncias por onde passou.

 Intolerância? Isso pode? 

Um movimento criado para impedir a vitória do candidato a presidente do Brasil chamado de #EleNão, deu em nada.

Além das constantes cenas de intolerâncias, muita gente ligada aos palácios da Pedro II estiveram no local. Abaixo, a lamentável sujeira dos defensores de Lula/Haddad com as conhecidas intolerâncias que enchem as pessoas de divisões e ainda emporcalham a cidade. Lamentável.

Ainda bem que deu em nada e Bolsonaro teve votação recorde em todas as cidades  do Brasil, demostrando que os brasileiros querem Bolsonaro.  #EleSim!

O deputado Zé Inácio (PT) conseguiu renovar o mandato para a Assembleia Legislativa do Maranhão.

O petista obteve mais 31 mil votos para deputado estadual e por pouco não conseguiu “puxar” o segundo nome do PT, candidato Luiz Henrique “Lula da Silva”, que atingiu a marca de quase 20 mil votos.

A reeleição de Zé Inácio é a certeza do Maranhão bem representado no parlamento maranhense, em particular a Região da Baixada.

É isso aí!

Nota ao povo do Maranhão

Em primeiro lugar agradeço à minha família que sempre esteve ao meu lado. Estendo os meus agradecimentos aos candidatos a deputados estaduais, federais e senadores da nossa Coligação “União e Coragem para Fazer um Maranhão Melhor”.

Agradeço também aos amigos, lideranças, apoiadores, a nossa militância e ao povo maranhense pela enorme acolhida e carinho que recebi nas ruas por onde passei.

Construí essa campanha eleitoral com base em dois eixos fundamentais: preparar o Maranhão e os maranhenses. No meu Caderno de Ideias, apresentei propostas em todas às áreas, como saúde, educação, segurança pública, infraestrutura, agricultura, turismo, programas sociais e, principalmente, para o desenvolvimento socioeconômico – por meio da dinamização da atividade econômica, geração de empregos e melhoria nas condições de vida das famílias maranhenses.

Como senador da República pelo Maranhão, o nosso mandato continuará a serviço do povo maranhense, lutando sempre, como sempre fiz, para melhorar cada vez mais a vida das pessoas e do nosso País.

Roberto Rocha
Senador da República (PSDB-MA)

A regra prossegue: sempre os dois Leões que decidem eleições no Maranhão…

Erra quem diz que Roseana Sarney nestas eleições saiu-se menor que Edinho Edinho Lobão nas eleições de 2014. Roseana saiu menor que os dois leões. Roseana Sarney perdeu pela segunda vez na sua história, justamente porque estava distante dos dois Leões.

Não preciso dizer quem são os dois leões ferozes da atualidade, ou precisarei ilustrar?

Vamos aos fatos: Primeiro que, em 2014, Lula e Dilma estavam com Edinho Lobão. O palanque do PT era PMDB (com o golpista Michel Temer de vice e tudo o mais), assim como a máquina pública, os cofres, dois leões, etc etal.

Roseana Sarney perdeu pela segunda vez na sua história. Nas duas vezes que perdeu estava distante dos dois Leões.

Nestas eleições, Flávio Dino trouxe os principais membros da oligarquia para seu palanque: Fufuca, Juscelino Filho, Júnior Lourenço, Pedro Fernandes, Cléber Verde, Josimar de Maranhãozinho, etc.

O que mudou em 2014 para 2018?

Simples, nestas eleições a regra deveria mudar, aliás, mudança de verdade foi algo difícil de se ver. Parabéns à dupla Dino & Jerry, verdadeiros “espoca urnas” dessa eleição no Maranhão. Jerry, que teve votação pífia da última vez que se candidatou a deputado, ganhou com sobra de votos dessa vez.

 

Maranhão no vermelho…

Tudo indica que a população deverá pagar novam,ente a conta as eleições. nas imagens, carros e motos sendo caçados e deverão lotar novamente os imensos pátios da Vip Leilões. A prática de tomar bens da população é inconstitucional, mas pode garantir que o governo possa voltar a ter dinheiro em caixa, mesmo indo de contra às regras, leis, ética, etc.

Abaixo, uma importante observação feita pelo jornalista Marco Déça:

 

O presidente da Câmara de São Luís, Astro de Ogum (PR), foi um dos vitoriosos na eleição. Fez de seu aliado Hélio Soares (PR), o décimo primeiro deputado estadual mais votado na Capital, com 9.070 votos.

Além disso, Astro também ajudou a eleger o ex-secretário Márcio Jerry (PCdoB) em São Luís na disputa por uma das 18 vagas na Câmara dos Deputados, colocando o comunista na quarta posição dos mais votados com 17.246 votos.

A propósito, o resultado da eleição deste ano na cidade antecipou o debate sobre 2020. Demonstrando um desejo de disputar a prefeitura, Astro também mostrou força politica no confronto direto com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que apoiava a candidatura à reeleição do pai – deputado estadual Edivaldo Holanda (PTC) e seu aliado Pedro Lucas (PTB), na disputa pela Câmara Federal.

Mesmo com uma mega estrutura do Palácio de La Ravardière, Edivaldo Júnior fracassou com a candidatura do seu genitor, que mesmo ocupando a quarta posição entre os mais votados na capital, acabou ficando apenas na primeira suplência da coligação.

Vibrante com os resultados deste ano, o chefe do legislativo terminou as eleições de 2018 largando na frente do chefe do executivo na disputa de daqui a dois anos.

Para bons entendedores vale a indicação da imagem abaixo.

Haddad, candidato de Lula, que está preso por corrupção, juntamente com toda a liderança do PT  ligada a Lula, está pedindo votos no Maranhão, como se todo o estrago de corrupção que destruiu nosso país não fosse culpa desse tipo de politico.

O Brasil quer dar um basta nisso, chega de laranjas.

Marionetes comunistas? Senadores deverão bater continência pra Dino e Haddad?

Começou mal. Políticos maranhenses terão vida além das obrigações do comunismo?

Sob aplausos dos comunistas, tudo indica que, sem liberdade pra nada, Eliziane demostra que submeteu-se feito marionete debaixo do braço dos comunistas.

Senadora eleita Eliziane do PPS, teve como primeira tarefa após eleição, negar sua fé e aceitar imposição do governador comunista. Pesa contra o candidato Lulo-comunista, á època ministro da Educação de Lula, a criação daquilo que seria um “kit gay” para ser divulgado nas escolas infantis (confira aqui)

Eliziane Gama, visivemnete contrariada, teve que declar apoio à candidatura do poste de Lula, Fernando  Haddad durante uma reunião lotada de comunistas.

Sob aplausos de Flávio Dino e demais comunistas, Eliziane Gama teve que declarar, logo após ser eleita senadora pela maquina do governo, que vai trabalhar para eleger Haddad.

Comunista sem apoio da maquina perde vaga no senado?

A ideia que fica é que os políticos comunistas nada se diferenciam dos demais. Aliás, tudo que alguns políticos do campo da esquerda conseguem passar é antipatia.

Renovação. Foi “golpe”?

Além de Grazziotin, outros senadores da turma da comunista não foram reeleitos, cito os exemplos de Lindbergh Farias e da bela loirinha de narizinho afinado, Gleise Roffiman e da ex-presidenta empeachmada, Dilma Rousseff. Tudo indica que o Temer fechou os cofres para esses políticos. Valeu, Temer.

Diferente de outros candidatos com o apoio da maquina pública, a senadora amazonas não teve desta vez o apoio do governo federal, do PT. Abaixo, os dois novos senadores substitutos da comunista:

 Rogério Cafeteira foi outra vítima do chefão do comunismo…

Um Sarneysista pensou que submetendo-se ao chefão comunista estava bem, mas, de repente, outro estava sendo preparado para ocupar seu lugar na política.

Debaixo da asa de muriçoca de Flávio Dino, o deputado Rogério Cafeteira foi sugado até morrer sem sangue, em seu lugar ficará o Garoto Procon, criação midiática de Flávio Dino.

Sugado:

Após usar os “aliados”,  Dino dispensa-os. Fez isso com Aécio Neves, Zé Reinaldo, Roberto Rocha, Waldir Maranhão, Léo Costa e, agora, o ainda deputado, Rogério Cafeteira.

 

 

1 2 3 4 5 448