Grupo de Flávio Dino montado na máquina buscando crescer a todo custo. Comunistas se aliançam com todo tipo de políticos, estão prestes a criar uma nova oligarquia…

well

O avanço do comunismo no Maranhão já engoliu pelo menos seis lideranças do deputado estadual Fábio Braga (PTdoB) no município de Vargem Grande.

Por lá, os pré-candidatos a prefeito pelo PCdoB Carlinhos Barros, Jorge Fortes e Conceição Mesquita, antes aliados de Braga, agora comem com Toinho do Juvenil da mão do deputado comunista Othelino Neto.

No último sábado 24, durante balaio de gato da legenda no município, a falta do secretário de Assuntos Políticos e Federativos, Márcio Jerry Barroso, foi substituída pela presença de Othelino.

Além dos pré-candidatos sarneysistas e fichas sujas, também abandonaram Fábio Braga os vereadores Germano Barros (PSD), Mundim (PRÓS) e Batista Lages (PCdoB). Do Atual7.

Os dois Leões de Flávio Dino…

Quando é para favorecer Holandinha, com o aval do Palácio dos Leões pode tudo. Quando outro político é flagrado conversando com algum político a patrulha comunista taxa logo de “sarneysista”.

Lembram que os blogueiros governistas caíram de “sarneysista” naquela deputada, pré-candidata a prefeita, que estava conversando um vereador do PTB, partido da base sarneysista?

Viram aí a contratação de um irmão de um vereador do grupo Sarney numa secretaria do “governo da mudança”?

Os dois Leões de Flávio Dino I

São cada vez mais fortes os indícios de que membros tarimbados do grupo Sarney estarão no palanque de Holandinha/Flávio Dinoi nas disputas de 2016.

Já dá para imaginar como será nas eleições. Baixaria mesmo…sousa2

Os dois Leões de Flávio Dino II

Viram aí a reação do PMDB para cima de Ricardo Murad?

Nos bastidores dizem que a volta por cima, dada pelo João Alberto foi uma demonstração de que ainda há imposição do Palácio dos Leões nas decisões políticas do Maranhão.

O senador João Alberto, inseguro, deveria ter deixado acontecer à disputa pela direção do PMDB maranhense, a vitória estava certa, mas, sua tomada via decisão de afastar a chapa de Andrea Murad, foi observada como apelação.

Os Leões de Flávio Dino III

Alguém acredita que o PMDB maranhense vai ficar neutro nas disputas municipais?

A indicação é que os carcarás vão ter participação nas disputas, ao lado de Holandinha e Flávio Dino, lógico.

Basta ver que houve mexida, intenção do Palácio dos Leões foi tirar os Murads das disputas eleitorais que se aproximam. Essa demonstração de força, vencida pelo João Alberto, teve a leitura de que a antiga mentalidade “dos dois leõezinhos” ainda estão presentes, arraigados aos novos mandatários do Palácio dos Leões.

Os dois leozinhos de João Alberto…

Por falar em João Alberto (carcará), foi dele a frase de que “no Maranhão quem ganha eleição são os dois leõezinhos que ficam na entrada do Palácio”…

Em seu discurso de posse, Flávio Dino disse que mudaria essa regra. Que “os leõezinhos, da direita e da esquerda não mais comeriam a carne do povo”…

Ou seja, nada mudou, de fato. Basta ver que o Palácio dos Leões ainda se intromete, passa por cima de tudo e todos. Isso está acontecendo, ainda nas pré-campanhas. Nem começaram eleições ainda. Imaginem até lá?

Vatapá de Edivaldo:

vatapá

 Enviado pelo leitor, Riba Ribeiro.

Piada pronta de comunista?

Discurso de Flávio Dino sobre criação de lei para combater corrupção virou piada. “Flávio Dino, pooode”!

Nos grupos de whatsApp uma demonstração do tipo de “justiça” praticada pelo ex-juiz, agora governador do Maranhão.

O comunista, Flávio Dino, aparece falando que antes (quando Roseana Sarney era governadora) o Palácio dos Leões “protegia a agiotagem” (comprava as eleições com apoios de agiotas).

Nos dias atuais, será que a atividade de agiotagem parou? É mesmo, e aquele conhecidíssimo agiota, pai de um deputado? Muita molecagem!!!

Confiram o vídeo:

Mudança?

Enquanto a violência está em alta, faltam viaturas, até combustíveis. Constantemente mostram-se viaturas da PM sucateadas, algumas sendo empurradas.

Enquanto a violência está descontrolada, o governador Flávio Dino não quer pagar, não quer investir!!!

Dinheiro tem, mas, Flávio Dino não paga…

Recentemente, a Secom (secretaria de Comunicação do Estado) publicou nos jornais do Maranhão inteiro os lucros do Porto do Itaqui.

Beleza, dinheiro tem, mas, Flávio Dino, não quer pagar.

Fiquem abaixo com a imagem do assassinato brutal, de um homem que foi assassinado a golpes de facão, feita por populares através de celular. Nada de viaturas, nada de polícia. O crime e a violência imperam.

pm

Dinheiro tem, mas, Flávio Dino não paga

Na semana passada foi uma adolescente, que foi degolada próximo de sua escola, também, as imagens de um homem sendo executado por membros de uma facção criminosa, que assassinaram e filmaram, mandando para os grupos de whatsApp, o vídeo do crime.

Essa é a mudança? O Maranhão está pior…

As imagens do dia: Deputado denuncia sequestro de aparelho de tomógrafo na cidade de santa Inês…

Se não bastasse não querer comprar instrumentos, inda querem sequestrar os aparelhos comprados da gestão passada.

Abaixo, as imagens retiradas do facebook do deputado Sousa Neto (PTN):

sousa3

sousa4

A deputada federal Rosângela Curado (PDT) usou o grande expediente da sessão desta quarta-feira (28) na Câmara Federal para destacar ações que já realizou em pouco mais de um mês de mandato.IMG-20151028-WA0065-2-500x333

Rosângela Curado, que assumiu a vaga do deputado licenciado Weverton Rocha, informou sobre os recursos por ela destinados para o município de Imperatriz. “Estive com o prefeito Sebastião Madeira e pude ouvi-lo sobre a maior prioridade para a administração do município. Hoje a maioria das prefeituras pena com a falta de recursos para o custeio e para a aquisição de equipamentos para suas redes públicas de saúde”, declarou.

A deputada destinou R$ 1 milhão de reais para aquisição de equipamentos para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do parque São José; e ainda R$ 1 milhão e 400 mil reais para custeio, como compras de medicamentos, material de uso diário, descartáveis e outros necessários para a manutenção dos postos de saúde. “Ainda destinei R$ 600 mil para construir uma quadra coberta na vila Cafeteira”, acrescentou..

“Esse é um exemplo, um gesto para com a Prefeitura de Imperatriz, mostrando que temos que fazer política com os olhos voltados para a população, para o bem comum, sem mágoas, nem rancor. Reforço que temos que juntar todos nossos esforços para que todas as regiões da nossa cidade sejam beneficiadas com ações na área de saúde pública”, declarou.

Rosângela Curado aproveitou para enaltecer o serviço de referência em oncologia desenvolvido em Imperatriz, através da Oncoradium, já reconhecido pela imprensa nacional como atendimento de excelência na promoção, diagnóstico e tratamento do câncer na região norte do País.

A Oncoradium é um centro integrado de tratamento oncológico que vem atuando na prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer da população da Região Tocantina do Maranhão, e dos estados do Pará e Tocantins.

A pedetista ressaltou a sensibilidade do governador Flávio Dino com as necessidades da população, pois o governo tem investido na área de saúde em todo o estado. “Temos hoje em Imperatriz um serviço de excelência e uma política de acessibilidade e inclusão, que tem fomentado e promovido ações educativas e inclusivas”, destacou.

Escola Digna e Mais IDH

Durante seu pronunciamento, a deputada destacou também a atuação do governador Flávio Dino e da secretária de Educação, a pedetista Áurea Prazeres, pelo início das ações do Programa Escola Digna que substituirá as escolas de taipa, barro e palha por escolas de alvenaria. A primeira cidade atendida é Marajá do Sena, que figura entre as cidades com o pior IDH do Brasil.

Das 12 escolas que serão construídas no município, seis escolas com duas salas de aula, cada, já estão com a ordem de serviço assinada e as obras na fase de terraplenagem. Todas com recursos do Tesouro Estadual.

Além de Marajá do Sena, que tem previsão de entrega já no início de 2016, as cidades de Belágua, Fernando Falcão e Bom Jardim já estão com obras licitadas para a construção das escolas.

Destaque

Rosângela falou também sobre o levantamento feito pela revista Isto e Editora Três, que destacou Imperatriz como uma das 50 melhores cidades do Brasil. O levantamento, realizado em todos os municípios brasileiros, considerou 212 indicadores, extraídos da Secretaria do Tesouro Nacional, IBGE e Ministério do Desenvolvimento Social, e traça um panorama real das cidades brasileiras. A pesquisa tem como pilares os indicadores fiscais, econômicos, sociais e digitais. “A nossa posição geográfica, no corredor de desenvolvimento, a vinda de grandes investimentos como o Mateus, a Suzano, o Shopping Imperial, são efeitos e reflexos desse desenvolvimento”, disse a deputada..

“Quero salientar que temos agora que juntar todos nossos esforços e transmitir esse desenvolvimento para todas as regiões da nossa cidade, para que o imperatrizense tenha qualidade de vida, saúde e educação de qualidade, transporte público e desenvolvimento”, finalizou.

Na manhã desta quarta-feira (28), o deputado estadual Wellington do Curso (PPS) voltou a apresentar proposições em defesa da Baixada Maranhense. Dessa vez, o parlamentar solicitou que fosse encaminhado expediente ao Governador do Maranhão e ao Secretário de Estado da Saúde, solicitando-lhes que apreciassem a possibilidade de implantar Unidade de Pronto Atendimento para atendimento de pequenas urgências aos passageiros que utilizam o Terminal da Ponta da Espera.wel

Na ocasião, Wellington fez referência às outras duas indicações já encaminhadas por ele, com a mesma solicitação, que ainda não foram atendidas sob a justificativa de que não seria competência estadual, tampouco municipal. Por isso, o parlamentar destacou que o interesse da população deve ser preponderante, o que o fez solicitar, mais uma vez, a implantação da Unidade de Pronto Atendimento.

“Ainda nos meses iniciais do mandato, apresentamos proposições solicitando a implantação da Unidade de Pronto Atendimento. Após duas indicações com o mesmo teor e destinatários diferentes, encaminhamos, mais uma vez, proposição solicitando a implantação de tal unidade. As competências de cada ente devem ser respeitadas, mas as demandas populacionais não podem ser ignoradas e, tampouco, desprezadas. Destacamos assim não o caráter formal que permeia uma proposição, mas a concretude daquilo que é direito de todos: a saúde”, ressaltou o deputado.

ENTENDA AS PROPOSIÇÕES:

No dia 29 de maio de 2015, protocolou-se a indicação de Nº414/2015, solicitando que fosse encaminhado expediente ao Governador do estado, ao Secretário de Estado de Infraestrutura do Maranhão e ao presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária, solicitando-lhes que adotassem providências a fim de implantar um Posto de Saúde no Terminal da Ponta da Espera.
Em resposta ao ofício que foi expedido, as diligências realizadas por integrantes de setor técnico da SES/MA, informaram que é de competência do ente municipal garantir a estrutura física necessária para o funcionamento das Unidades Básicas de Saúde.

Fazendo uso das informações supracitadas, elaborou-se uma outra indicação (Indicação nº 731/2015), desta vez destinada à Prefeitura de São Luís, já que em documento anterior alegou-se que a competência seria municipal.

Justificativa:
Em resposta à indicação nº731/2015, o gabinete do deputado Wellington recebeu o Ofício N°239/2015, que de ordem do Excelentíssimo Senhor Prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), ressaltou os seguintes aspectos:

1- Considerando a Política Nacional de Atenção Básica aprovada pela Portaria GM/MS nº2.4588 de 21 de outubro de 2011, a gestão de Postos de Saúde e de Centros de Saúde deve ser dos municípios;
2- Pode ser, entretanto, unidade de gerência estadual ou mesmo filantrópica, sob a gestão do município;
3- A instalação de uma unidade de saúde nesse local pressupõe planejamento e previsão orçamentário-financeira na Programação Anual de Saúde nem no Plano Plurianual-PPA;
4- Contudo, pelo que entendemos na leitura do documento, a unidade de saúde solicitada não tem o perfil de Posto de Saúde, para atendimento de atenção básica, mas sim de unidade de pronto atendimento para atendimento de pequenas urgências aos passageiros que utilizam o Terminal da Ponta da Espera, por onde transitam pessoas de vários municípios e não apenas de São Luís;
5- Tratando-se, portanto, pelas razões expostas acima, de uma unidade de média complexidade para atendimento de vários municípios, seria mais lógico que tivesse gerência estadual ou mesmo regional.
Nesse sentido, sugerimos que seja construída e equipada uma unidade de saúde nos moldes exigidos pelo Ministério da Saúde com recursos de emenda parlamentar e feito consórcio intermunicipal (Municípios das Regiões de Saúde que utilizam o Terminal) e com o Estado para custeio dessa Unidade.

“Toda imprensa sabe que o maior inimigo dentro da gestão de Holandinha é o secretário de governo Lula Fylho. Ele não esconde de ninguém que não suporta blogueiro. Um sujeito que caiu por acaso na administração pública agora é o manda chuva da Prefeitura de São Luís. Pelo visto a “gestão pública” é muito mais lucrativa que o setor privado”. Alberto Filho.cunhaEntenda sobre a crise na Comunicação da Prefeitura de São Luís, clicando aqui:

Que aconteceu com a mudança, Edivaldo?

A administração pública municipal recebe dinheiro de todos os lados. Recebe vultosas verbas, a dinheirama que entra é grande, mas, igual (ou pior) que na gestão passada, a gestão da “mudança” não está sabendo onde vai parar.

Não vamos falar da Cultura, que não paga os blocos de foliões desde o mês de fevereiro, nem os grupos de bumba bois, desde junho…  Nem falar dos fornecedores da Saúde, as escolinhas de bairros da Educação, etc…

Até hoje, a Comunicação tem sido um grande problema para o prefeito da capital, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que, infelizmente, neste quesito, até o prefeito João Castelo(PSDB) era mais habilidoso, no seu tempo, pois, sempre que atrasava, sempre pagava seus débitos. Relembre a denúncia do jornalista Cunha Santos, clicando aqui:

Os jornalistas sofrem. As informações de bastidores são de que o secretário de Governo (Lula Fylho) vetou todos os pagamentos da imprensa (jornalistas,blogueiros, radialistas e publicitários).

Cadê o dinheiro? Cadê a mudança, Edivaldo?cesarbello

Abaixo, postagem do Atual7:

Comunicação da Prefeitura de São Luís tem rombo de quase R$ 8 milhões

Apesar do déficit, prestadores de serviços acusam o secretário Batista Matos de três meses de atraso nos repasses

As contas da Comunicação da Prefeitura de São Luís em 2015 devem fechar no vermelho. De janeiro a outubro deste ano, a pasta comandada pelo secretário Batista Matos já abriu um rombo orçamentário de quase 8 milhões de reais na administração Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

O levantamento foi feito pelo Atual7 em dados abertos do Portal da Transparência do município – colocado no ar após intervenção do Ministério Público do Maranhão -, que apontam a diferença entre o que Batista tinha como orçado para este ano, que é de pouco mais de 23,4 milhões de reais, e o que já está empenhado para pagamento, que é de mais de 31,2 milhões de reais.

Ainda não há confirmação, mas denúncias feitas há duas semanas pelo jornalista Cunha Santos apontam para o destino desse dinheiro – ou pelo menos boa parte dele.

De acordo com Cunha, o secretário Batista Matos encabeça um esquema de repasses de pixulecos para setores anilhados da imprensa e pessoas que nunca prestaram qualquer tipo de serviço para a Comunicação. Os repasses teriam relação com a pré-candidatura do secretário municipal de Comunicação a vereador em 2016, pelo PCdoB.

Rosângela Curado fará balanço da atuação parlamentarunnamed (2)

A deputada federal de Imperatriz, Rosângela Curado (PDT), fará uso da palavra nesta quarta-feira na tribuna da Câmara dos Deputados para fazer um balanço do seu primeiro mês de mandato.

Falará de suas ações, compromissos firmados e expectativas para os próximos meses. O discurso poderá ser acompanhado na TV Câmara, a partir das 15h.

A deputada estadual Ana do Gás (PRB), presidiu a reunião extraordinária da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Maranhão,  na manhã desta terça-feira, 27,  para planejar os detalhes da segunda audiência pública que vai tratar da criação do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba. A reunião acontece no próximo dia 5 de novembro, na cidade de Araioses,  distante 306 km de São Luís,  na Microregião do Baixo Parnaíba.gas1

Participaram do encontro ainda os deputados estaduais Rafael Leitoa (PDT), Cristovam Filho (PSL) e Paulo Neto (  ), além do secretário adjunto de Meio Ambiente,  Vitor Belo, e membros da sociedade civil organizada e doa comitês das bacias dos rios Mearim e Munim.

A reunião deliberou a participação de representantes dos sindicatos rurais da região, além do remanejamento de mobilização nos municípios de Caxias, Coelho Neto, Buriti e Duque Bacelar para a terceira e última audiência,  que acontecerá em Timon no final do mês de novembro, por estarem mais próximas à cidade, o que facilita a mobilização. “Estamos avançando rumo à criação do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba e estamos trabalhando juntos, com todos os atores envolvidos no processo e isso garantirá o sucesso do Maranhão na criação desse comitê e consequentemente uma gestão dos recursos hídricos justa e democrática”, frisou a parlamentar.gas2

O evento de Balsas mobilizou todas as esferas de poder público e privado para que prefeitos e representantes da sociedade civil organizada – das cidades que fazem parte da bacia hidrográfica do Parnaíba – assinassem o termo de subscrição, documento imprescindível para a criação do referido Comitê.

Com o comitê implantado, os 38 municípios maranhenses que são banhados pelo rio Parnaíba serão beneficiados com execução de ações descentralizadas de interesse comum em relação à utilização da água pelos diversos segmentos da sociedade. (assessoria da deputada)

Práticas nada republicanas do “governo da mudança”…

Luís CardosoSousa-Neto-640x425

O deputado Sousa Neto ocupou hoje a tribuna da Assembleia Legislativa para se mostrar surpreso com a atitude do Comando Geral da PM que transferiu sem explicações os militares Leite (de Timon para Presidente Dutra), Diego  (de Bacabal para Marajá do Sena) e R Barros que sairá de Imperatriz.

Neto disse que coincidentemente ele falou com os dois militares na semana passada e que em seguida foi determinada a transferência de cada um. Os dois são líderes de movimentos grevistas e trataram com o parlamentar a insatisfação nas suas bases e que nova greve pode eclodir na PM.

Sousa Neto lembrou que o telefone dele e de outros deputados, como Edilázio Júnior e Andréa Murad, estão grampeados. “Falei com o coronel Sá e no dia seguinte ele foi exonerado do posto de sub-comandante geral”, lembrou o parlamentar.

Na semana passada o deputado Edilázio Júnior disse que ouvi de um amigo que tem irmão delegado que ele estava grampeado e que era pra ter cautela nas conversas sobre o governo.

O estado policial implantado pelo governo da mudança não causa nenhuma surpresa para quem vive debaixo do regime comunista. Mas os grampos, ao que parece, são ilegais.

O senador Roberto Rocha (PSB-MA) e o ministro-chefe da Casa Civil Jacques Wagner se reuniram nesta terça-feira (27), no Palácio do Planalto.unnamed (1)

No encontro, o senador apresentou ao ministro demandas de interesse do Maranhão, entre elas a liberação de recursos para a conclusão da duplicação da BR-135 no trecho de acesso a São Luís e o apoio ao projeto da Zona Franca de Exportação de São Luís. Também participou da audiência a senadora Lídice da Mata (PSB-BA), colega de partido do senador Roberto Rocha.

Jacques Wagner se posicionou favoravelmente ao projeto de lei do senador que cria uma zona para livre exportação em São Luís. Segundo ele, a presidente Dilma Rousseff, que tomou conhecimento da proposta em um encontro com Roberto Rocha no final de setembro, aprovou a ideia. O ministro também se comprometeu em buscar soluções para que a liberação de recursos para a conclusão da obra da BR-135 seja feita com a maior brevidade possível.

O senador Roberto Rocha falou ainda com o ministro sobre a possibilidade de o governo anunciar a decisão política de implantar a Segunda Esquadra da Marinha do Brasil em São Luís, uma ação que, além de tornar a proteção à segurança nacional mais eficiente, pode gerar desenvolvimento para o Maranhão. A decisão técnica já foi tomada pela Marinha, com base em estudos que mostram a ilha de São Luís como local ideal para sediar a nova esquadra brasileira.

A outra demanda foi a liberação de emenda ao Orçamento da União de 2015, feita pelo então senador Epitácio Cafeteira a pedido de Roberto Rocha, com recursos para aplicação na infraestrutura turística de São Luís.

1 265 266 267 268 269 295