Browsing: Ricardo Santos

Prefeitos eleitos reconhecem a força e carisma de Roberto Rocha em Brasília, todos encontraram portas abertas para diálogos.

rr

Embora o gesto sem significado politico tenha juntado no mesmo lugar prefeitos de vários partidos, a ideia que fica é que há uma boa receptividade da parte do senador com a classe política, diferente do Executivo Maranhense, que nesses dois anos tem fechado as portas nas caras dos políticos. Sem falar que o prefeito eleito de Balsas, do PDT, era tido como inimigo político de Roberto Rocha.

O senador Roberto Rocha (PSB) recebeu, na tarde de ontem, no seu gabinete no Senado Federal, a visita de tr√™s prefeitos eleitos no √ļltimo domingo, 2. Passaram por l√° o pedetista Dr. Erik (Balsas); o comunista Domingos Dutra (Pa√ßo do Lumiar) e peemedebista Delegado Assis (Imperatriz). ( Com edi√ß√£o e imagens do Blog do Robert Lobato)

Se for para recuar, acovardar-se, seria melhor n√£o ter entrado na disputa.

Enquanto o prefeito Edivaldo ¬†Holanda J√ļnior aparece como bom mo√ßo, sorrindo na televis√£o, sua equipe de baixarias j√° caiu em campo para destruir Braide.

Ninguem merece baixaria

Ninguem merece tanta baixaria

Nos bastidores conta-se que “v√°rios dossi√™s” contra a vida pol√≠tica (financeira, familiar, sexual, etc…) do candidato Eduardo Braide, o B33, ¬†dever√£o sair da forma ainda neste final de semana. Esta seria apenas uma das amea√ßas sofridas por Braide.

Candidato que representa a vontade da metade da popula√ß√£o de S√£o Lu√≠s n√£o pode congelar de medo, agora, no segundo turno, ter√° que seguir em frente e vencer as elei√ß√Ķes.

Desperte candidato, saia da mornidão, não espere pelos debates, trate de conversar urgente com os políticos da cidade.

N√£o desista, pense na cidade, nos eleitores, candidato Braide.

 

Gente sem respeito…

Quem diria, comunista batendo na porta do “futi” e “governo golpista”.¬†Domingos Dutra (PCdoB), acostumado a chamar o Sarney de diabo (futi), a primeira coisa que fez foi posar para fotos em Brasilia,¬†no gabinete de Sarney Filho (futi jr), que √© ministro do Meio Ambiente.

Dutra e Futi Jr

Dutra posa ao lado do ministro Sarney Filho, o futi Jr. (Imagem blog Silvia Tereza)

As imagens do prefeito eleito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, em Brasilia, ganharam as redes sociais com o intento de mostrar que os comunistas são obstinados, articulados, estão buscando recursos, etc.

At√© a√≠ tudo bem. Mas, j√° que o Dutra quer aten√ß√£o do governo federal (Michel Temer), quer mostrar parcerias com quem foi chamado de golpista pelos comunistas maranhenses, deveria pedir ao governador Fl√°vio Dino, que ao menos respeite a imagem do Presidente da Rep√ļblica e mande colocar o quadro do presidente Michel Temer no Pal√°cio dos Le√Ķes. Entenda clicando aqui:

dinonaoteme

Apesar de já ter entrado como favorito na disputa pela prefeitura de São José de Ribamar, o então candidato e agora prefeito eleito, Luis Fernando Silva (PSDB), fez uma intensa campanha nos 45 dias determinados pela Justiça Eleitoral.1

Luis Fernando foi eleito com 100% dos votos v√°lidos. No somat√≥rio da vota√ß√£o do tucano e do seu advers√°rio, J√ļlio Matos, o Julinho (PMDB), que foram anulados por conta da cassa√ß√£o do seu registro, por unanimidade, pelo Tribunal Regional Eleitoral, o tucano teria 96,17% dos votos, enquanto Julinho, com 2.659 votos, registraria apenas 3,82% dos sufr√°gios.

Al√©m dos programas da propaganda eleitoral gratuita no r√°dio, Luis Fernando caminhou em mais de 100 bairros, na atividade de campanha denominada “Chegou Chegando”. Fez ainda duas carreatas, sendo que a √ļltima foi a maior j√° registrada na hist√≥ria das campanhas eleitorais ribamarenses, realizou tr√™s com√≠cios e reuniu com lideran√ßas pol√≠ticas e comunit√°rias.

Sempre que questionado sobre a intensa campanha, mesmo com os progn√≥sticos todos favor√°veis √† sua elei√ß√£o, Luis Fernando sempre respondia: “√© uma forma de firmarmos compromissos, em respeito ao cidad√£o”.2

Durante a campanha, Luis Fernando visitou ruas, conversou com a comunidade e conheceu de perto os problemas que j√° tinham sido registrados na pr√©-campanha, quando da realiza√ß√£o dos 19 semin√°rios “Planeja”, sendo oito regionais e 11 setoriais.

“Reunimos lideran√ßas regionais e profissionais de diversas √°reas das pol√≠ticas p√ļblicas e arregimentamos mais de 1.000 propostas, as quais foram inclu√≠das no conjunto de proposi√ß√Ķes do nosso plano de governo, encaminhado √† Justi√ßa Eleitoral. E, na campanha, tivemos a oportunidade de verificar in loco as situa√ß√Ķes relatadas nos semin√°rios”, comentou o prefeito eleito.

Após os impressionantes 66.918 conferidos a Luis Fernando, o próximo passo do prefeito eleito será o processo de transição e elaboração de um plano de governo capaz de atender as demandas da população a partir dos registros feitos nos seminários.

Conta errada, governador…

Se Fl√°vio Dino fez 217 prefeitos, inclusive o delegado Assis Ramos, que foi eleito na segunda cidade mais importante do Maranh√£o, Imperatriz, o que o delegado foi fazer em Brasilia na companhia de Sarney e Jo√£o Alberto?

dino2

Ap√≥s mentir que fez 217 prefeitos eleitos, imagem do delegado Assis Ramos (PMDB) de Imperatriz, come√ßou a circular na internet na companhia de Sarney e Jo√£o Alberto. Por que Assis n√£o foi logo ao Pal√°cio dos Le√Ķes?

Mas, Fl√°vio Dino continua dizendo que fez 217 prefeitos…

 dino

Posse de Pinto da Itamaraty no Senado sinaliza para elei√ß√Ķes de 2018…¬†

Agarrado ao cargo de governador, Fl√°vio Dino est√° vivendo mais desconfiado de que o ditador Stalin. Dino, que tem pavor em perder o governo, entrou em p√Ęnico com a possibilidade do PSDB deixar sua base para fortalecer outro aliado.pinto

Foi recebida com verdadeiro furor a noticia da posse do suplente de senador Pinto da Itamaraty (PSDB) no Senado Federal pelo Pal√°cio dos Le√Ķes. Pinto, na cabe√ßa neur√≥tica dos comunistas, sinalizou de forma clara para um racha no governo em 2018.

O titular do mandato, senador Roberto Rocha(PSB), de acordo com a neurose comunista, pretende ser o próximo governador, e claro, vai deixar a vaga de senador para o PSDB de Pinto.

 

¬†A resposta ao comunismo dada nas urnas: Povo quer ideias, n√£o intrigas…

O mundo deu voltas: Candidato acusado de ser ‚Äúpicol√© de chuchu‚ÄĚ dos comunistas, √ļnico no Maranh√£o com vota√ß√£o recorde de 96% de votos, deu vit√≥rias a candidatos comunistas em Pa√ßo do Lumiar e Raposa, tamb√©m poder√° dar em S√£o Lu√≠s.¬†Confira abaixo, a imagem de Lu√≠z Fernando transferindo votos para os comunistas Domingos(sem futi)Dutra e Talita Laci.

Foto retirada do blog do Clodoaldo Correa

A verdade √© uma s√≥: As conversas de ‚Äúfuti‚ÄĚ, ‚Äúsaci perer√™‚ÄĚ, ‚Äúmula sem cabe√ßa‚ÄĚ, inventadas por Dutra n√£o ganharam elei√ß√£o em Pa√ßo. O diferencial de Luiz Fernando deu vit√≥ria para Dutra e Talita Laci e poder√° ajudar Holandinha nestas elei√ß√Ķes, mas isso s√£o detalhes que os comunistas morrem de medo e n√£o querem comentar.

O grande diferencial de ideias e um hist√≥rico de a√ß√Ķes e pr√°ticas inovadoras, de saber tratar a administra√ß√£o p√ļblica como ningu√©m neste Maranh√£o, conseguiu transferir vota√ß√£o para os candidatos de Pa√ßo do Lumiar e Raposa.

Luiz Fernando, at√© pouco tempo apelidado pelos blogueiros de M√°rcio Jerry de ‚Äúpicol√© de chuchu” foi o respons√°vel pela vit√≥ria de Dutra e Talita Laci nos munic√≠pios da ‚ÄúGrande Ilha‚ÄĚ.

Abaixo, Luiz Fernando ministrando o “Planeja, coisas boas de ouvir, coisas que conseguem transferir votos. Daqui a pouco mostrarei mais, por hora fiquem com um trecho do blog do Clodoaldo Correa:

Dutra sem futi: foi aprender como ser gestor e inovar...

Dutra sem futi: foi aprender como ser gestor e inovar. J√° passava da hora…

Desrespeito eleitoral: Governador comunista precisa combinar o jogo com os eleitores…

Tudo friamente premeditado, Braide deverá morrer na praia e o eleitor fazer papel de bobo. Basta uma breve sondagem nos bastidores do poder, para sentir a mornidão desse segundo turno. A senha dada por Flávio Dino serviu para fazer calar a classe política.sam_4659

A senha, dada numa reportagem nacional (reveja no post abaixo), Dino diz que tem apoio das 217 cidades (inclusive na capital). Ou seja, tudo combinado entre eles, só o eleitor que está sendo desrespeitado. Mas, para os comunistas isso é apenas detalhe.

Segundo a “senha” dada pelo governador, o candidato Braide, que √© seu candidato, dever√° fazer o jogo combinado e nadar para morrer na praia, afinal, Dino tem interesse na reelei√ß√£o de Holandinha para tomar sua cadeira e colocar o vice, que √© do PCdoB.

Politicalha da pior espécie. E ainda querem nos fazer acreditar que o Maranhão está melhor com o comunismo?

Edivaldo Holanda J√ļnior, dever√° negociar o cargo de prefeito, para concorrer como vice-governador de Fl√°vio Dino, nas elei√ß√Ķes de 2018.

Braide, Edivaldo e Flávio Dino deveriam antes, combinar com os eleitores, pois, agindo desta forma, fazem de bobos toda a população, que, ainda, acredita na boa política.  Abaixo, o puxadinho da Pedro II, construído pelo governo comunista.

braide32

A mentira do ano: Flávio Dino diz ao Site Brasil 247 que o governo é aliado de todos, pior, foi vencedor nos 217 municípios do Maranhão. Podem internar ele. Fiquem abaixo com um trecho da reportagem do Brasil do 247:

Brasil 247: Quantos prefeitos vocês elegeram no Maranhão?fd

Flávio Dino: Somando PCdoB e aliados, são 217. Do PCdoB são 46. O principal partido. Os partidos que mais elegeram foram o PCdoB, em segundo o PDT e em terceiro, o PSDB, que aqui é o PSDB do B, aliado aqui também. Mas são os três principais partidos.

A√≠ depois vem o PSB, que tamb√©m √© nosso aliado, a√≠ vem o PT, que hoje tamb√©m √© nosso aliado. Ent√£o, temos um campo ampliado, que apoia o governo e elegeu 217, tendo como v√©rtice esse apoio ao governo, que √© liderado por um dirigente, um militante da esquerda. √Č aquela hist√≥ria: voc√™ s√≥ consegue um estoque de for√ßa capaz de polarizar outros setores e foi isso que a gente perdeu.

O Lulismo só foi possível porque teve a força popular capaz de polarizar outros setores políticos. Na hora que a gente perdeu isso deu um conjunto de tragédias, que perdeu força própria e a capacidade de exercer uma força centrípeta, uma força de atração ou gravitacional, sobre outros setores. Aqui a gente manteve. Acho que por isso o resultado foi tão bom.

 

1 253 254 255 256 257 352