Browsing: Ricardo Santos

E agora, Jerry vai dizer que o Alexandre Garcia é Sarneysista? 

Acostumado brigar nas redes sociais com jornalistas, o super secretário comunista ficou calado para o comentarista da Rede Globo. Se tivesse vergonha na cara, depois de causar tanta desavença para o comunismo local, Jerry pediria arrego e sairia de cena.

O jornalista Alexandre Garcia, do Bom Dia Brasil,  comentando sobre o aluguel do prédio improvisado para infratores, dinheiro do contribuinte pagando prédios sem utilidades desde o ano passado:

‘E os contribuintes pagando aluguel de casa vazia desde agosto de 2015, por um preço acima do aluguel de Brasília. Um bom locatário exigiria antes de começar a pagar o aluguel, que a casa já estivesse adaptada para a sua destinação. Então, já se foram R$ 172 mil do contribuinte, para nada’. Confira na integra clicando aqui:

Parece até que ao invés de usar o diálogo, os comunistas estão usando outra forma para conseguir dividendos…

Não seria mais fácil para Márcio Jerry recuar diante do episódio desgastante dos aluguéis adiantados que favoreceram um membro do PCdoB, com dinheiro público para uma Unidade da Funac na Aurora?

Dois episódios recentes podem mostrar o quanto o capitalismo selvagem nas terras do Maranhão nos remete aos tempos das oligarquias do meio do século XX, final do Vitorinísmo e início do Sarneísmo, onde a moeda forte era o poder do governante. (Os leõezinhos da entrada do Palácio do governo, que comem as carnes do povo).

Basta lembrar que de um lado do balcão está o governo comunista, que vive acusando (e usando o poder da estrutura contra) membros do governo passado. Vamos aos exemplos:

O empresário Ilson Mateus, que foi o grande financiador das festas de fim de ano de 2016, como num passe de mágica, estava sendo acusado pelos blogues e imprensa alinhada ao super secretário do governo comunista,  Márcio Jerry, de ser “beneficiado pela Máfia da Sefaz.

Outra: O candidato derrotado das eleições ao governo de 2014, Edinho Lobão, dono de várias emissoras de Rádios e Televisão, inexplicavelmente, de desafeto dos comunistas, que era dia e noite acusado de “ser beneficiado com alugueis de uma clinica que nunca funcionou”, passou a ser o maior aliado das eleições municipais de 2014.

Sim, foi com o Sistema Difusora que os comunistas ganharam a eleição da capital do Maranhão, também, em várias cidades fizeram prefeitos, vereadores, quadruplicaram o número de filiados no PCdoB, partido de Flávio Dino e  Márcio Jerry.

Para quem prometeu “mudança” e endividou ainda mais o Estado, cobrou mais impostos, aumentando o ICMS, prejudicando o pobre trabalhador,  será que os “diálogos pelo Maranhão” de antes estão sendo substituídos pela força e imposição da “máquina”?

Num período em que grande parte do empresariado maranhense e brasileiro enfrenta dificuldades e outros temem ampliar os seus negócios, o Grupo Empresarial WR está ampliando seus negócios na região. Dentro de poucos dias a empresa estará fazendo na cidade Lima Campos, o lançamento do Loteamento Península.

O Loteamento Península é um empreendimento com 210 lotes, com infraestrutura de água, calçamento, sarjetas, postes para energia elétrica e localizado em frente a orla balneária da cidade, referência para quem pretende fazer bom investimento ou pense construir para negócios ou até para morar. Na realidade, o Loteamento da Península é uma grande novidade no mercado maranhense, uma vez que é colocado ao empresariado uma grande oportunidade de negócio praticamente pronto. (informações do blog do Carlinhos)

 

Começou a descupinização…

Desde o raiar do primeiro dia do ano que a cidade balneária de São José de Ribamar já começa a dar sinais de melhoras. Abaixo, relato de morador retirado das redes sociais, aprovando o choque de gestão do prefeito Luis Fernando Silva (PSDB).

Esse presidente que Flávio Dino chamava de golpista?

Não muito tempo atrás, o então presidente Lula e também a presidenta Dilma, só beneficiavam Ceará e Piauí, não houve manifestação sequer de serviços do governo federal pelos maranhenses.

Valeu, Temer, nos livre da venezualização comunistas, de Flávio Dino, Lula e Dilma…

Ministro dos Transportes estará autorizando, nesta quinta-feira, 05 de janeiro, enfim, a tão esperada duplicação da BR 135.

O ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, autoriza nesta quinta-feira (05) duas ordens de serviço para o início de obras rodoviárias no estado. Em São Luís, será autorizada a duplicação do trecho de 32,1 Km da BR-135, entre o povoado Outeiro e o município Miranda do Norte. Em seguida, em Timon, será assinada a autorização da pavimentação de trecho da rodovia BR-226 e do contorno da cidade na BR-316, totalizando 111,5 Km de asfaltamento.

Para a realização das obras, serão investidos R$ 155 milhões, sendo R$ 66,5 milhões para a duplicação na BR-135 e R$ 88,5 milhões para a pavimentação dos trechos em Timon. (Informações Aquiles Emir)

Agora justifica pagar alugueis fantasmas?

Desde junho do ano passado que o governo do estado aluga um prédio de um aliado comunista. Detalhe, o local nunca foi usado para nada.

Quem diria, os comunistas pagando alugueis fantasmas para gente ligada ao governador. Será que o super-secretário vai para o tuíter cheio de razão esculhambar blogueiros?

Este foi apenas um caso, outros bem piores devem estar acontecendo debaixo dos olhares de quem prometeu que não ia “comer as carnes dos pobres”.  Abaixo, deixo uma reportagem feita pelos jornalistas e blogueiros sustentados pelo Palácio dos Leões, do time do secretário Márcio Jerry, que no tempo, criticava os alugueis fantasmas de Edinho Lobão e Ricardo Murad.

Nota: Hoje em dia, os comunistas que  detonavam Edinho Lobão estão caladinhos, nada falam sobre o dinheiro dos alugueis fantasmas. Edinho Lobão nunca devolveu o dinheiro depois que Roseana Sarney e Ricardo Murad deixaram o governo. Pelo contrário, Edinho Lobão, ninguém entendeu o motivo, fez foi abrir as portas do Sistema Difusora (mais de 20 emissoras que cobrem todo o Maranhão) para o grupo de Márcio Jerry.

Fiquem com a notícia dos blogs ligados a Márcio Jerry:

Proposta feita em parceria com a senadora Lídice da Mata, cria também o Fundo Federal do Passe Livre, e é uma das várias medidas parlamentares para baixar o custo do transporte no Brasil.

O senador maranhense Roberto Rocha (PSB), ora licenciado, é autor do Projeto de Lei 353/2016, que institui o passe livre a estudantes de baixa renda no transporte coletivo em todo o país.

De acordo com a proposta – criada em parceria com a senadora Lídice da Mata, do PSB da Bahia – o estudante de baixa renda terá transporte público gratuito entre a residência e a escola.

O projeto de Roberto Rocha cria também o Fundo Federal do Passe Livre,m que garantirá o custeio do transporte gratuito para estudantes em todo o Brasil.

A proposta já foi aprovada na Comissão de Educação do Senado e está sob análise da Comissão de Assuntos Econômicos…

Desperdício de dinheiro público continua…

Enquanto paga caro por alugueis de apaniguados, prédios do governo comunista permanecem fechados.

Antes e ser eleito governador do Maranhão, Flávio Dino, para impressionar, anunciou que uma antiga, porem bem avaliada casa situada na praia do Calhau, que pertence ao governo, seria vendida.

Passados dois anos que foi eleito governador, a promessa não foi cumprida, o que é pior, o governo ainda tem que pagar caro por alugueis de pessoas ligadas ao governo, mesmo brigando com a comunidade dos bairros que não aceitam a implantação de uma unidade da Funac.

Não seria essa a hora de poupar alugueis e levar para a antiga casa de veraneio a unidade da Funac?

Com a palavra o briguento secretário Marcio Jerry:

Nota do blog:

Ao listar no google o assunto da venda da Casa de veraneio, uma reportagem do Site do PCdoB, partido do governador, tinha sumido misteriosamente. Porque será que sumiu?

 

 

Escândalo: secretário que vivia brigando com ex-vereadora do PCdoB, escondia esquema para beneficiar membro do partido comunista.

Agora está explicado a “guerra” de Davi contra Golias, que o secretário Márcio Jerry, presidente estadual do PCdoB com a ex-comunista, Rose Sales no bairro Aurora.

Abaixo, trecho do blog do Daniel Matos, explicando o novo escândalo promovido pelo líder dos “novos ricos” do Maranhão.

Parece até mentira, mas é a mais pura verdade.

O Governo do Maranhão assinou contrato de aluguel, no valor mensal de R$ 12 mil, com dispensa de licitação, com um partidário do governador, filiado à mesma sigla da qual Flávio Dino é o maior expoente nacional, com pretensões de se candidatar, quem sabe, a presidente da República, já em 2018.

O comunista privilegiado desta vez é Jean Carlos Oliveira, que assinou ficha de filiação ao PCdoB em 2013. Um detalhe causa ainda mais estarrecimento e dá a exata noção do bom tratamento dispensado pelo atual governante a um grupo seleto dos seus seguidores: antes mesmo de a nova unidade da Funac começar a funcionar, há registros de pagamento do aluguel desde julho do ano passado, conforme atesta a resenha de empenho e planilhas do contrato publicadas no próprio Portal da Transparência do Governo do Estado.

Apesar dos protestos da comunidade da Aurora, Flávio Dino se mantém firme na intenção de levar o plano adiante. Chegou até a ser grosso com a ex-vereadora Rose Sales durante a inspeção do prédio, ocasião em que ela questionou a instalação da unidade no bairro, fazendo coro à insatisfação popular. Seu porta-voz, Márcio Jerry, segue a mesma linha e ataca, com sua verborragia sarcástica, externando todo o seu pendor tirano, qualquer um que contraponha o projeto. Agora, está tudo explicado.

Abaixo, uma solução barata para os cofres do governo:

porque pagar aluguel de prédios, se tem uma enorme casa desocupada há dois anos?

Mistério: De onde partiram os grampos?

É costume logo no primeiro dia após assumirem as prefeituras, os novos prefeitos sempre terem surpresas desagradáveis.

Alguns prefeitos encontraram cobras, feitiços, objetos quebrados, mas grampos telefônicos, deve ser a primeira vez que se tem notícia, ainda mais no momento que se fala de “mudança” e a prática de espionagem remete aos tempos de “chumbo grosso” da ditadura.

Por falar em chumbo grosso, até agora o secretário de Segurança permanece calado sobre os grampos em prefeituras do Maranhão, após novos prefeitos terem tomado posse. O rito pra lá de inusitado aconteceu em duas prefeituras:

As cidade de Chapadinha, do recém empossado prefeito Magno Bacelar, e Pinheiro, do prefeito Luciano Genésio, acabaram virando noticias durante o dia de ontem quando os grampos foram descobertos.

 

1 228 229 230 231 232 364