O perigo do comunismo entrar na casa de um pobre: ou, Flávio Dino querendo ganhar popularidade de garoto que viralizou nas redes tocando bateria de latas…

0

Robin Hood às avessas ataca outra vez.

Inciando a semana mostrando a terrível forma do populismo barato que sai caro ao povo. Flávio Dino imita seu ícone, o ex-presidente Lula, do PT, que enganou o povo pobre em troca de migalhas durante vários anos até ser preso por crimes de lesa-pátria.

A última vítima do comunismo, que tanta a todo custa se propagar às custas de gente de boa fé, como neste caso, dum talentoso garoto pobre, que fez um vídeo tocando latas e panelas velhas, e acabou viralizou nas redes sociais, ganhando destaque nacional.

Enquanto tira dos pobres, deixando-os mais pobres ainda, o chefe do comunismo maranhense tenta passar a todo custo uma imagem de “bom samaritano”, quando na verdade, explora ainda mais a pobreza do povo do Maranhão, distribuindo “bondade” enquanto aumenta impostos.

Foi justamente bem aí que o “Robin Hood às avessas” resolveu atacar, mandando publicar nas redes sociais a doação de um instrumento musical ao garoto baterista, na clara intenção de ganhar visibilidade.

Nada contra a atitude louvavel, de ajudar, quando feita sem intenção midiática, que não foi a caso de quem vive querendo aparecer na mídia dia mesmo que visivelmente forçando a barra.

Confira abaixo:

Os comentários estão desativados.