Inédito: Vereador afastado tenta voltar através de habeas corpus para “legislar em causa própria”, manobra foi considerada “burrice” na cidade…

0

TJMA nega habeas corpus ao vereador de Vitória do Mearim Oziel Gomes da Silva.

Mesmo sendo afastado, o vereador Oziel Gomes, queria, por força de um HC, participar das sessões da Câmara, talvez na tentativa infeliz de legislar em seu favor, decisão errada e considerada “burra” pela sociedade vitoriense. Segue o caso.

O vereador Oziel Gomes da Silva entrega o grupo dos setes vereadores de Vitória do Mearim que tiveram a prisão provisória decreta por extorsão, quando tentaram instalar uma CPI na área de saúde do município e extorquir a prefeita para que desse fim ao procedimento.

Apesar da soltura, o Gaeco e o Ministério Público deram continuidade às investigações, além da Justiça em dar provimento ao processo.

Pior para o vereador, pois as investigações da Polícia Civil acabaram descobrindo que o vereador Oziel, após ser preso por tentativa de extorsão, vendia armas e munições para quadrilhas criminosas, com isso sua prisão foi decretada.

O vereador ingressou com um habeas corpus, porém foi negado, ontem (11), pelo desembargador José Luís Oliveira de Almeida, conforme decisão abaixo:

(Informações do Blog do Caio Hostílio)

 

Os comentários estão desativados.