Monthly Archives: março, 2019

“Estou aqui desde janeiro de 1979, o bar do Léo abriu aqui no Vinhais e vai fechar aqui. De terça-feira a domingo: só fecho um dia da semana, na segunda-feira, que é dia de namorar”.

Em conversa rápida, o dono do famoso bar que leva seu nome, o Bar do Léo, falou sobre cultura de São Luís, ao saber das mortes de dois personagens da imprensa local: a radialista-boieira, Helena Leite e do jornalista- blogueiro, Robert Lobato: “grandes nomes, grandes perdas”.

Boêmio: Léo diz que é fã de Nelson Gonçalves 

Top list: as mais tocadas do Bar do Léo, são:

Nelson Gonçalves (naquela mesa) ; Núbia Lafayette (fracasso); Noite Ilustrada (Mário de Souza Marques Filho – com a música, toalha de mesa) Tim Maia (me dê motivos) Chico Buarque (todas)

Ainda:

Mesmo nãp gostando de rock (só MPB) recebe muitos pedidos e toca:

Legião urbana (qualquer uma do disco Dois)

Pink Floyd (toca qualquer uma do disco the dark side of the Moon)

O Bar do Léo completou 40 anos em 20 janeiro de 2019 (desde 1979) abre de ter-ça feira a domingos, a partir das 16h.

No top list do Bar do Léo estão nomes como: Nelson Gonçalves (toda noite toca a musica “naquela mesa”, também, Chico Buarque de Holanda (não tem uma música especifica, toca todas).

“Chico é Chico”, dizendo-se um boêmio, Léo listou as mais tocadas no seu bar, e diz que o único que toca sem parar, toda noite, sem especificar a musica é o cantor Chico Buarque.

O dono do bar negou ter influência de políticos da esquerda, e que o bar está aberto a todos.

Mané? Gestão ideológica esbarra em rombo da previdência do Maranhão.

Como falar de ditadura sem lembrar de Cuba ou Venezuela? Como falar em conceder “pensão especial”para um octogenário, sem falar do Fundo de Pensões- Fepa, e calar sobre a “reforma da previdência” no Estado?

Antes e depois da gestão ideológica: Sarney, que era o culpada pela bala que matou a perna de Mané… Querem fabricar outra VERSÃO?

Estranho, aliás, muito que estranho que o reconhecimento dado pelo comunismo ao “aliado” Mané só tenha acontecido  depois de muitos anos, exatamente no segundo mandato de Flávio Dino.

Antes da “homenagem” ao Exército Brasileiro, que foi proposta por Bolsonaro, José Sarney foi o grande culpado pela “bala que tirou a pena de Mané”.

Mas, a partir de ontem, 30 de março de 2019, data da homenagem do comunismo a Mané, o culpado será o Exército Brasileiro, especificamente na pessoa do presidente Bolsonaro?

Homenagem comunista que premiou um “aliado” esquecido por vários anos trouxe a tona um assunto indigesto pelos comunistas, fez lembrar o rombo da previdência do Maranhão, que, por hora, tornou-se um assunto proibido de discussão pelo Palácio dos Leões, que prefere acusar, apontar dedos na direção do Palácio do Planalto.

Critica unilateral comunista:

Quem aponta dedo…

Se o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL), continuar tuitando homenagens ao Exército Brasileiro (Ditadura), vão aparecer muitos “aliados” esquecidos no Maranhão para receberem “pensões especiais”que serão pagas justamente pelo setor que mais foi sucateado nos últimos anos (Fepa) a previdência do estado, assunto que os comunistas e aliados preferem calar, ou fechar os olhos, tendo criticas apenas, adivinhem: para a reforma feita pelo presidente Bolsonaro.

Ou seja, toda vez que Flávio Dino tenta aparecer em detrimento ao presidente Bolsonaro, acaba mostrando os erros de sua gestão ideológica.

Sobre este assunto, deixarei um trecho retirado do saudoso blogueiro Robert Lobato, que tentou avisar sobre as mexidas na previdência:

Após conceder uma entrevista na manhã de ontem (29), em um programa de rádio onde o deputado fez questão de afirmar sua pré-candidatura a prefeito.

Após conceder uma entrevista na manhã de ontem (29), em um programa de rádio onde o deputado fez questão de deixar claro que será pré- candidato à prefeito e disputará sim, as eleições em Pinheiro em 2020.

Pela noite, o deputado estadual Dr. Leonardo Sá (PR), promoveu um jantar no restaurante O Baixadeiro em Pinheiro, onde seus convidados principais foram líderes políticos locais e vereadores do município, entre eles os vereadores Valter Soares (PV), Guto (PV), Oziel Menezes (PSD), Beto de Ribão (PSD), o ex-vereador Jaelson e lideranças locais.

Leonardo Sá vem firmando alianças e trabalhando em prol da população de Pinheiro, preparando o campo político para as eleições em 2020, unindo forças e buscando as melhores condições para a disputa, atualmente no partido PR, que tem como Presidente Estadual do partido o deputado federal mais votado do Maranhão Josimar de Maranhãozinho, e mais quatro deputados estaduais que apoiaram Leonardo Sá em 2020.(Blog do Vandoval Rodrigues)

“O substituto de Flávio Dino”

O vice-governador participou de outro evento em substituição do governador. Desta vez foi durante o encontro de governadores que aconteceu no estado do Amapá,  durante fórum de governadores.

A ordem natural das coisas:

Ao lado do secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela do PCdoB, e outros secretários, Carlos Brandão, que tem sido visto constantemente em viagens representando o governo do estado, cada vez mais notabiliza-se como representante do Maranhão.

Dinheiro para conclusão de obras foi deixado em caixa desde o ano de 2014,  quase 2 bi foram deixados em caixa, mas, passados quatro anos, os hospitais para tratamento de hemodiálise permanecem fechados, e os pacientes morrendo por falta deles.

Rede Globo já contabilizou vários conterrâneos maranhenses  que precisavam de atendimento especializado em hemodiálise em suas cidades, que morreram em busca do tratamento.Pegou mal para o secretário de Estado da  Saúde do Maranhão, o advogado Carlos Lula, que foi desmentido pela Rede Globo.

Com profundo pesar, que comunico o falecimento da amiga e defensora da CULTURA Helena Leite, que veio a óbito na madrugada de hoje (30), na UPA do Vinhais.

Em meio a grande tristeza gerada por essa inesperada e precoce partida, de uma mulher que é e sempre será minha amiga, venho por meio desta nota deixar o meu pesar e a minha solidariedade a toda sua   família  e a cultura que acaba de perder uma defensora.

Vereador Astro de Ogum

Olivre acesso dos profissionais denominados de personal trainer nas academias do município de São Luís agora é realidade.

Isso porque o presidente da Câmara Municipal, o vereador Osmar Filho (PDT), promulgou nesta sexta-feira (29), projeto de lei nº 036/17, de autoria do vereador Paulo Victor (PTC), que garante aos profissionais de Educação Física o direito de acompanharem seus alunos durante os treinamentos, sem a necessidade de pagar taxas extras aos estabelecimentos comerciais.

Osmar Filho promulgou a lei que beneficia profissionais de Educação Física que trabalham em academias

Para o presidente da Casa, com a publicação da lei nº 6.462 o Legislativo Municipal cumpre o seu papel na garantia dos direitos daqueles que exercem a atividade na cidade

“A possibilidade de ter um atendimento individualizado, prestado por profissionais de educação física particular, aos usuários das academias, sem a necessidade de cobrar custos extras, é sem dúvida, garantir melhor qualidade de vida aqueles que trabalham com o esporte e tanto para os que se beneficiam dele”, disse o presidente.

Vereadores Osmar Filho e Paulo Victor com profissionais do setor da Educação Física

O autor da proposta justificou a importância da lei.

Estou feliz com mais essa conquista que o parlamento concede à população. Agora, os profissionais de Educação Física da capital terão o direito de orientar e coordenar as atividades de seus alunos no interior das academias.

Osmar Filho promulgou a lei que beneficia profissionais de Educação Física que trabalham em academias

Nosso objetivo é proibir que as academias cobrem valores extras, que prejudicam os instrutores e os clientes que contratam esse tipo de serviço”, declarou Paulo Victor.

Para o presidente do Sindicato dos Profissionais de Educação Física do Estado do Maranhão (SINPROEFMA), Rodrigo Goulart, com a lei, ganha a população e os profissionais da categoria.

A promulgação da lei é uma concretização do fim das taxas aos profissionais da área, pois há mais de quatro anos estamos lutando pelo fim dos abusos tributários. Hoje obtivemos êxito, por meio do pleito do vereador Paulo Victor e, com isso, não só os profissionais, mas toda a população ludovicense ganha com mais esse benefício’’, disse Goulart.

Como era –

A proposta do vereador vai de encontro a algumas academias da cidade que cobram taxas a esses profissionais do segmento esportivo no atendimento aos clientes dentro do estabelecimento. A cobrança chega a ser de R$ 16,00 por hora em atendimento dentro das academias e valores adicionais para estacionamento desses profissionais.

O que diz a lei

  • A partir da publicação da lei, as academias não poderão cobrar taxas extras dos profissionais, que poderão orientar e coordenar as atividades de seus clientes.
  • As academias passam a ser obrigadas a afixar em locais visíveis informativos informando que os usuários poderão ser acompanhados por um profissional de Educação Física particular, ou de sua livre escolha sem custo adicional.
  • Os estabelecimentos que não cumprirem, estarão sujeitos a pagarem multa no valor R$ 2 mil por infração.

A Presidência da República enviou ofício no dia 26 deste mês ao advogado Alex Ferreira Borralho, informando-o que o Presidente da República recebeu cópia integral da notícia-crime que referido causídico formalizou junto a Polícia Federal, visando a apuração de conteúdo criminoso decorrente de preconceito cometido em desfavor dos nordestinos.

O Gabinete Pessoal do Presidente da República, determinou, pela natureza do assunto, encaminhamento de referido documento ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, para a tomada das providências cabíveis.

Borralho esclarece que “tinha convicção de que o Presidente da República Jair Bolsonaro iria tomar alguma providência, quando soubesse do fato que envolvia o seu nome e da medida que tomei junto a Polícia Federal visando a punição das pessoas que ofenderam os nordestinos. A existência de comentários ofensivos as pessoas que nasceram e que vivem no Nordeste, que ocorre geralmente em redes sociais, revela que a nossa nação não está dividida somente pela opção política, mas também por um preconceito latente oriundo de questões geográficas. Devemos todos nos esforçar para mantermos distancia de velhos paradigmas que rotulam regiões e seus habitantes, além de aprender com as diferenças e interagir com empatia e respeito”.

Alex Borralho também expressa que ainda no mês de abril estará no Ministério da Justiça e Segurança Pública e proporá ao Ministro Sérgio Moro a criação de um comitê de fiscalização e gestão de crimes de preconceito em geral, cometidos pelas redes sociais. “Pretendo apresentar ao Ministro Sérgio Moro a idéia de criação de um comitê gestor de crimes de preconceito em geral e cometidos pelas redes sociais, que se transformaram em comunidades virtuais onde bilhões de pessoas estão conectadas todos os dias.

Esse comitê seria responsável pela identificação da conduta criminosa e dos seus autores, exclusão imediata da referida mídia e encaminhamento para os órgãos competentes para que sejam tomadas as medidas judiciais cabíveis. Acho que esse pleito tem uma grande chance de ser bem sucedido, vez que o Presidente da República mostrou muita sensibilidade no combate a preconceitos dessa natureza, que se enquadram no previsto na Lei Federal de nº 7.716, de 05 de janeiro de 1989, que define os delitos resultantes de preconceito de raça ou de cor e prevê, no artigo 20, pena de reclusão de dois a cinco anos e multa. Vou continuar vigilante e tomando as medidas cabíveis e que estiverem ao meu alcance, para conter esse tipo de profusão de ódio a comunidade nordestina e o farei como nordestino, cidadão e advogado.”, externou Borralho.

Abaixo a íntegra do ofício recebido pelo advogado:

(Retirado do blog do Luís Cardoso)

A Câmara Municipal de São Luís realizou, na tarde desta quarta-feira (27), reunião de trabalho durante a qual foram discutidas questões relacionadas ao plano emergencial criado pela Prefeitura para enfrentar os transtornos causados pelas fortes chuvas na capital maranhense.

Presidente Osmar Filho esteve à frente das discussões relacionadas ao plano emergencial

Além dos vereadores, participaram do debate os secretários municipais Antônio Araújo (Obras e Serviços Públicos), Andréia Lauande (Assistência Social), Héryco Coqueiro (Segurança com Cidadania) e Jota Pinto (Articulação Política); além de coordenadores da Defesa Civil.

O presidente da Câmara, vereador Osmar Filho (PDT), destacou a importância do debate travado com vistas a alinhar ações desencadeadas tanto pela Prefeitura quanto pelo Poder Legislativo municipal:

“São Luís foi castigada, nestes últimos dias, por chuvas intensas, incomuns, que acabaram deixando diversas famílias desabrigadas, além de inúmeros transtornos em toda a cidade. De forma que agradecemos ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior por ter designado integrantes de sua equipe técnica para participarem deste debate aqui na Câmara Municipal”, declarou o pedetista.

Questionado pelos parlamentares, os secretários municipais fizeram uma explanação sobre os trabalhos realizados por órgãos da Prefeitura mobilizados em uma força-tarefa criada no último final de semana, quando houve ocorrência de fortes chuvas que resultaram em inundações e desmoronamentos.

Plenário registrou expressiva participação de vereadores para discussão das ações de enfrentamento das fortes chuvas

Andréia Lauande explicou que equipes da Assistência Social estão realizando o atendimento emergencial às famílias afetadas, garantindo a elas condições de sobrevivência. Antônio Araújo afirmou que outras ações estão sendo tomadas na área da infraestrutura urbana.

“Estamos intensificando a limpeza de canais, bueiros e galerias, bem como os serviços de recuperação do pavimento pela cidade e de contenção de erosões provocadas pelas fortes chuvas. Atuando em várias frentes e trabalhando de forma conjunta, esperamos reduzir os impactos, especialmente nas áreas de risco”, frisou.

Plenário registrou expressiva participação de vereadores para discussão das ações de enfrentamento das fortes chuvas

Ele explicou também que o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo poder público municipal segue as diretrizes do Plano de Contingência, elaborado pela Prefeitura para nortear as ações para atendimento às ocorrências nas áreas de risco.

Questionamentos

Além do presidente da Casa, Osmar Filho, participaram da reunião de trabalho os vereadores Pavão Filho (PDT), Astro de Ogum (PR), Barbara Soeiro (PSC), Nato Júnior (PP), Francisco Chaguinhas (PP), Dr. Gutemberg (PSDB), Paulo Vitor (Pros), Sá Marques (PHS), Marcial Lima (PRTB), Edson Gaguinho (PHS), Raimundo Penha (PDT), Estevão Aragão (PSB), Marquinhos (DEM), Honorato Fernandes (PT), Silvino Abreu (PP) e Genival Alves (PRTB).

Eles solicitaram informações detalhadas sobre a assistência às famílias que moram em áreas de risco e nos locais mais afetados por alagamentos e desabamentos.

Em sua fala, o vereador Astro de Ogum advertiu que há riscos iminentes de ocorrências com vítimas fatais, dada a gravidade deste período de inverno rigoroso.

A maioria dos oradores, que se revezaram na tribuna, cobrou um maior planejamento da administração municipal para enfrentar especialmente de graves problemas decorrentes de chuvas intensas na capital maranhense.

1 2 3 11