Monthly Archives: outubro, 2018

De tanta violência na alma, ainda se alegra em ferir outra alma?

Matando e chorando por cada bala, dentro dela (da alma), lembranças do corpo estendido, a derrubada, a queda de outro ser. O suspiro, o sangue.

Deus te alivie,

Te dê um abraço íntimo de perdão e amor!

Tua culpa te consome e mata, teu choro apertado perturbante: outro ser, outra alma, outro irmão ou pai de família.

Pensou no choro da  mãe?

Elas existem e choram pelos filhos. Lembra-te da tua, filho da mãe. Volta pra casa.

Uma oração na mente, 

Ao coração, um desejo ardente de vingança, de matar e fazer cair tua dor, como a vida de outrem, sem alma, esvaída, sangrada. 

E tua dor?

Continua gritante!

Pela culpa, oh, infértil, estérea destruição. Vai sair para arruinar, derrubar. Volte.

A violência te levou, secou. Sem lágrimas, sentimento de matar, de ser temido, respeitado, notado, visto. Mas, a tua alma?

Perturbada para retornar à vida, o choro preso! Tá pesado?

Confesse tua angustia. Tua incapacidade é gritante.

Mas existe o amor de uma mãe, dum pai, filho. Ele é o amor, Jesus!

Arrependa-se, Deus existe e te ouve, clame, o alívio virá!

 Não mate! 

Aos que precisam de uma prece, o apelo de sentir o toque do amor. Só ele poderá te trazer o sentido da vida.

(Dedicada ao menino pobre e seduzido, perseguido, temido e odiado, que matou e foi matado).

Veja nos vídeos: Selvageria na UFMA: Palestra sobre fascismo acaba em barbárie… 

Início de selvageria tomou conta do ambiente de discussão de ideias durante palestra proferida por teóricos do campo conservador.Evento foi anunciado com antecedência e teve apoio da diretoria do CCH da UFMA.

Com temas que abordavam o fascismo, o palestrante Lôredo Filho, foi impedido de proferir qualquer palavra na manhã desta quinta-feira, 25 de outubro, no Auditório do CCH da UFMA, pelos intolerante baderneiros transvestidos de estudantes, que invadiram o local e empurraram para fora os palestrantes.

“O evento foi programado e anunciado no Campus, a direção da Universidade Federal foi avisada, tudo liberado nos conformes, mas, a turma da esquerda que diz ser “democrática” do campo progressista” mais uma vez invadiu e destruiu com selvageria primitiva num evento dos conservadores. Disse uma estudante horrorizada.

Para facilitar o trabalho das autoridades na identificação dos intolerantes da UFMA, o blog disponibilizou alguns vídeos. Vale ressaltar que essa não é a primeira vez que esse tipo de coisa acontece na UFMA. (Leia aqui)

Para facilitar o trabalho da reitora Nair Portela, que é irmã do secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, que mesmo filiado ao PCdoB, legenda política que domina o local por décadas, deverá em nome da civilidade e democracia, ter que tomar alguma atitude e por fim aos abusos dos intolerantes.

Abaixo, vídeos que poderão facilitar a investigação dos baderneiros, expulsão da UFMA, ou detenção por atos de violências.

Isto, se no Maranhão atual prevalecerem as leis e justiça.

 

Flávio Dino teme derrota de Haddad no Maranhão.

Após “live” com funcionários e afins, governador foi visto andando pelas “curvas” dos gabinetes do TRE-MA. A visita de Flávio Dino teve conotação favorável ao candidato do PT, Haddad, da qual o governador reeleito pede votos por onde passa.Resta saber se Dino vai ter a mesma influência nos votos dos maranhenses, neste segundo turno, para eleger seu candidato, tarefa extremamente difícil.

Capitão chegou pra meter medo nos comunistas!

Com medo das palavras do candidato a presidente do Brasil, Jair Bolsonaro- 17, o governador Flávio Dino (PCdoB), reeleito com vitória esmagadora no primeiro turno das eleições em 2018,  estaria caindo em campo para tirar votos de Bolsonaro, a quem Dino faz questão de atacar ao vivo. Confira na imagem da “live” pelo facebook.

Flávio Dino em constante palanque pedindo votos para Haddad:  demostração de que estaria com medo de Bolsonaro?

O presidente estadual do PRB, deputado federal Cléber Verde, e o deputado estadual Júnior Verde, declararam apoio ao candidato a Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL). A declaração foi dada em entrevista na sede do partido, em São Luís.

Apesar de estarem na base do governo Flávio Dino, irmãos Verde vão apoiar Bolsonaro

Cléber Verde afirmou que o Brasil está vivendo uma crise moral e ética jamais vista na política nacional e que Jair Bolsonaro representa a esperança de renovação, compromisso e honestidade que o povo brasileiro tanto clama pelas ruas. E, por isso, o PRB do Maranhão vai apoiar e votar no candidato do PSL.

“É por esse sentimento que está impregnado na grande maioria da população brasileira, que o PRB do Maranhão através da nossa condução como presidente conclama todos os presidente municipais, vereadores, prefeitos e lideranças políticas republicanas do Maranhão para se juntar a nós para que no dia 28 nós possamos votar em Bolsonaro 17 para vermos um Brasil ainda melhor”, declarou  Cleber.

O deputado estadual Júnior Verde disse que o sentimento de mudança tomou conta do Brasil inteiro e pontuou que Jair Bolsonaro é o melhor candidato para resolver todos os problemas criados pelo PT durante as três gestões.

“Eu apoio e vou votar em Bolsonaro, pois vejo nele a mudança que o Brasil precisa. Bolsonaro tem compromisso com a segurança e combater as facções criminosas”, ressaltou Júnior Verde. (Blog do Marco Déça)

O ex-prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim, passou maior vexame na noite desta segunda-feira (22), em evento de agradecimento pela vitória do grupo do governador Flávio Dino, no Class Eventos, no Calhau.

Fizeram uso da palavra apenas o deputado federal e suplente da senadora Eliziane Gama, Pedro Fernandes; o deputado federal e senador eleito, Weverton Rocha; o vice-governador, Carlos Brandão e o governador reeleito, Flávio Dino.

Pedro Fernandes foi chamado para abrir os discursos de agradecimentos e ao falar de renovação na Câmara Federal, citou todos os novos deputados federais eleitos para o mandato de 2019 à 2022 e não mencionou Gil Cutrim.

Insatisfeito, Gil “puxou o deputado Pedro Fernandes” pela camisa que, de imediato, disse ao microfone: “Espera aí, Gil, eu vou falar de ti.” O suplente de senador seguiu proferindo o discurso e não citou o ex-prefeito de Ribamar.

Outro que não mencionou o pedetista foi o senador (eleito) Weverton Rocha. A atitude foi uma resposta a Gil Cutrim por ter lançado sua campanha em Ribamar – por não acreditar na eleição de Weverton – e não ter convidado Rocha para o ato, além de sequer mencioná-lo no discurso.

A situação tomou ainda rumos mais intrigantes, todos que fizeram uso da palavra citaram o deputado federal Junior Marreca e seu filho (que o substituiu em cima da hora nesta eleição) e foi eleito deputado federal.

Nos bastidores políticos comenta-se que Gil e Marreca são adversários declarados devido a algumas atitudes nada republicanas do ex-prefeito de São José de Ribamar contra o ex-prefeito de Itapecuru.

Acostumado a ser o centro das atenções, quando realizava festas luxuosas, com direito a pousos de helicópteros e muito mais, Gil Cutrim foi escanteado e teve que aguentar calado o ostracismo político do dia de ontem. (Blog do Seus Riba)

A verdade venceu:  jovem que afirmou ter sido atacada e “riscada” de faca com suástica nazista por aliádos de Bolsonaro é desmascarada. 

Em tempos de fakenews bastaram duas verdades (true news?) para comprovar a derrota do candidato de Lula. Uma delas, a jovem que apareceu riscada de faca, supostamente atacada por “nazistas”.

Claro que essa fakenews foi direcionada contra o Bolsonaro, acusado por comunistas de ser “ultra direitista”, no formato do partido de Hitler.

A verdade vencendo: Uma análise mais aprofundada na atitude de alguns brasileiros neste momento de turbulência eleitoral demostra o desespero mentiroso do PT de Lula. A garota da “suástica nazista” desmentida comprovou isso.

Por outro lado, é consenso neste segundo turno, que a voz das ruas quer dar um basta no domínio lulo-petista no controle do Brasil:

Dois aspectos comprovaram isso, a voz política, nas reflexões do Cid Gomes, irmão do candidato Ciro Gomes, do PDT, aliado de Haddad, que calou a plateia com seu recado: “Vão perder, Lula está preso, babacas”.

Outro aspecto aconteceu durante um comício no Rio de Janeiro, onde um raper (cantor popular) trouxe a mesma reflexão, com linguagem popular, direcionada ao povão.

Popo reto, valeu, Mano!

Uma boa analise sobre a voz das ruas:

Agência Assembleia

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PC do B), visitou, na tarde desta quarta-feira (24), o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, com o objetivo de estreitar, ainda mais, os laços entre o Poder Legislativo e o Executivo Municipal.

O encontro oficial entre os políticos foi o primeiro, desde o resultado das últimas eleições, em que Othelino Neto foi reeleito deputado estadual. Na conversa, o parlamentar se colocou à disposição para continuar ajudando São Luís.

“Continuaremos dispostos a fazer o melhor por nossa capital, e, ainda mais, nos próximos quatro anos, afinal, tivemos êxito nas urnas com os candidatos apoiados por mim e por Edivaldo. Então, certamente, teremos como resultado prático muitos avanços para a cidade, ao lado do governador Flávio Dino e dos senadores eleitos Weverton Rocha e Eliziane Gama”, destacou.

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior enfatizou a parceria com o Parlamento Estadual, por meio de ações e políticas públicas, junto, também, ao Governo do Estado. “Ele tem feito um grande trabalho como presidente à frente da Assembleia, assim como deputado pela nossa querida São Luís. E é a população quem ganha com esses nossos grandes parceiros, que é o Legislativo e o Governo do Maranhão”, disse.

Pedra no sapato de Flávio Dino:

Escândalos que aconteceram na gestão de Márcio Jerry poderão tirar a legitimidade do comunista em Brasília.

Durante quatro anos pipocaram vários escândalos, como nomeação de “amigas”, alugueis fantasmas para membros do PCdoB, teve até investigação da PF em esquema da Saúde. Vamos avante!

Eleito com folga para ocupar uma mandato de deputado federal em Brasília, o jornalista comunista, conhecido em todo o Maranhão como braço direito do governador, também pelos discursos contundentes nas defesas de seu grupo politico no Maranhão, poderá ter problemas nos embates federais.

Espera-se da nova bancada maranhense discursos fervorosos pelo povo, que defendam o Estado, não apenas uma bandeira partidária ou um campo ideológico. O novo escândalo deverá comprometer, inclusive, a indicação do comunista para ser líder da bancada maranhense no Congresso.

É bem aí que o ex-secretário de Estado da Comunicação do Maranhão poderá se complicar, caso as nomeações de figurões em cargos elevados, recebendo rios de dinheiros dum estado de gente pobre, pagos a marajás sejam confirmadas.

Neste caso recente, o filho de um ministro do governo do “golpista” Michel Temer, Raul Jungmann, com possíveis trânsitos de aliados do comunista em cargos federais, neste caso, no Ministério da Justiça, configurando nepotismo cruzado, como diz a reportagem de O Estado.

Aí, Jerry vai perder a moral por completo.

Confira abaixo trecho da reportagem:

 

 

 

Agência Assembleia

A Assembleia Legislativa aprovou, na sessão desta terça-feira (23), o projeto de lei 122/2018, de autoria do deputado Adriano Sarney (PV), que institui o Programa de Combate ao Assédio Sexual no Transporte Coletivo no âmbito do Estado do Maranhão.

Além de chamar a atenção para o alto índice de casos de assédio sexual nos veículos do transporte coletivo do Maranhão, a iniciativa do deputado tem por objetivo coibir o assédio e criar campanhas educativas para estimular denúncias, por parte das vítimas, desta prática criminosa.

Também visa conscientizar a população e os passageiros dos veículos de transporte coletivo sobre a importância do tema.

De acordo com o projeto, é considerado assédio sexual todo o comportamento indesejado de caráter sexual, sob forma verbal, não verbal ou física, com o objetivo ou o efeito de perturbar ou constranger a pessoa, afetar a sua dignidade ou criar um ambiente intimidativo, hostil, degradante, humilhante ou desestabilizador.

O projeto de Adriano Sarney prevê a criação de ouvidorias, dentro das empresas concessionárias de transporte público, a fim de receber denúncias de assédio sexual e encaminhá-las rápida e diretamente à autoridade policial competente.

Esta prevista, também, a capacitação de motoristas e cobradores de veículos do transporte coletivo para intervir nos casos de assédio sexual às mulheres e encaminhar as denúncias.

Outro importante mecanismo de prevenção, previsto no projeto, é a utilização do sistema de videomonitoramento pelas empresas e sistema de localização via satélite, com a tecnologia Global Positioning System (GPS), se existentes, para identificar os assediadores e o exato momento do assédio sexual.

OUTROS PROJETOS

Durante a sessão, também foram aprovados os projetos de lei 121, 123 e 124, de 2018, de autoria do deputado Adriano Sarney (PV). O primeiro institui o Programa de Incentivo à Música, no âmbito do Estado do Maranhão, alterado com a aprovação da emenda supressiva do artigo 7º.

Os demais projetos, aprovados na íntegra, tratam da instituição do Programa de Realização de Palestras e/ou Atividades Extracurriculares sobre o Código de Defesa do Consumidor e Educação Financeira e da Política Estadual de Prevenção e Combate às Doenças Associadas à Exposição Solar no Trabalho.

Os projetos seguem à sanção do governador Flávio Dino.

Durante a tarde desta terça-feira,22, o vereador Francisco Chaguinhas (PP), acompanhado da Ex- candidata ao governo Maura Jorge, ver. Antônio Garcez e do presidente Estadual do PSL/MA, Chico Carvalho, comandou a caminhada em apoio ao candidato a presidência Jair Bolsonaro.

A Caminhada percorreu as principais ruas dos bairros São Cristóvão, Jardim São Cristóvão e São Bernardo. Segundo o parlamentar, Bolsonaro trará dignidade aos brasileiros.

“Bolsonaro trará dignidade aos brasileiros. Teremos um presidente justo, honesto e que sabe das necessidades de nosso povo. Tenho certeza que dia 28 de outubro faremos a escolha certa. Vamos eleger Jair Bolsonaro”, disse.

A ex-candidata ao governo do Maranhão, Maura Jorge, falou da importância do engajamento de todas as pessoas na campanha do presidenciável. Ela também destacou a forte liderança do vereador Francisco Chaguinhas nas regiões por onde a caminhada percorreu.

Já o presidente do PSL/MA, ver. Chico Carvalho, agradeceu a população pela acolhida e apoio ao presidenciável. Chico também reforçou o empenho do partido na campanha de Bolsonaro no Maranhão.

1 2 3 4 5 12