Monthly Archives: outubro, 2018

¬†Quem n√£o deve n√£o teme, Fl√°vio Dino…

Pris√£o de Murad comprova seriedade da PF, diferente da afirma√ß√£o comunista, n√£o foi por “ordens” de Sarney, como se antecipou o chefe do comunismo maranhense, adiantando que seu staff governamental poder√° ter pela frente os mesmo desconfortos de Murad.

Corrup√ß√£o e roubo de dinheiro p√ļblico:

O blog Atual 7 trouxe revela√ß√Ķes sobre as investiga√ß√Ķes e dos desdobramentos das opera√ß√Ķes da Pol√≠cia Federal no Maranh√£o, na manh√£ desta¬† quinta-feira, 18, decretou a pris√£o tempor√°ria do ex-secret√°rio de Sa√ļde do Maranh√£o, Ricardo Murad. Segundo o Atual7, o governador comunista poder√° ter surpresas pela frente, uma vez que, o pr√≥prio governador Fl√°vio Dino, sempre bem informado das opera√ß√Ķes das pol√≠cias civil, militar e Federal, j√° teria se antecipado acusando o golpe.

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranh√£o, Othelino Neto (PCdoB), reuniu 35 deputados estaduais eleitos para um almo√ßo de boas-vindas em sua resid√™ncia nesta quinta-feira (18). Todos reafirmaram apoio √† reelei√ß√£o do parlamentar que segue firme nas ades√Ķes por sua perman√™ncia na Presid√™ncia da Casa.

‚ÄúAgrade√ßo a manifesta√ß√£o de apoio dos deputados eleitos que acreditam e reconhecem o nosso trabalho √† frente da Presid√™ncia da Assembleia Legislativa do Maranh√£o. Este momento √© de confraterniza√ß√£o para que comecemos a interagir com os colegas que estar√£o conosco nos pr√≥ximos anos neste novo mandato‚ÄĚ, ressaltou Othelino Neto.

Para a deputada Ana do G√°s (PCdoB), uma das parlamentares presentes no almo√ßo, Othelino tem feito um grande trabalho na Assembleia Legislativa do Maranh√£o e precisa dar continuidade a essa importante alian√ßa pol√≠tica com os colegas. ‚ÄúN√≥s nos sentimos seguros com Othelino, pois ele sempre defendeu os deputados, tanto de governo, quanto de oposi√ß√£o, sem fazer qualquer distin√ß√£o. Nada mais justo que reconduzi-lo novamente √† presid√™ncia da Casa‚ÄĚ, afirmou.

O deputado Glalbert Cutrim (PDT) ressaltou o posicionamento do PDT, que ter√° a maior bancada na Assembleia Legislativa do Maranh√£o a partir de 2019, e que decidiu, por unanimidade, apoiar a reelei√ß√£o de Othelino. ‚ÄúEle √© uma pessoa que sempre respeitou a todos na Casa e temos certeza de que ele continuar√° fazendo um grande trabalho na pr√≥xima gest√£o‚ÄĚ, frisou.

Novato na Assembleia Legislativa, a partir de 2019, o deputado eleito Leonardo S√° (PRTB) disse que o melhor nome para conduzir a Assembleia Legislativa √© o de Othelino Neto. Ele disse que tem uma rela√ß√£o pessoal muito forte de amizade com o futuro colega de parlamento, al√©m de j√° terem feito alian√ßas pol√≠ticas, como foi em Pinheiro nas elei√ß√Ķes municipais passadas. ‚ÄúJ√° estamos fechados. Ele √© meu candidato a presidente da Alema‚ÄĚ, refor√ßou.

Estiveram presentes Weverton Rocha, deputados federais Rubens Jr, M√°rcio Jerry e Andr√© Fufuca, o deputado federal eleito Gil Cutrim e o vice-prefeito J√ļlio Pinheiro.

Presente tamb√©m no almo√ßo, o deputado Neto Evangelista (DEM) destacou que Othelino Neto cumpriu, com √™xito, uma grande miss√£o quando foi vice-presidente da Assembleia. Como presidente, soube conduzir a Casa com sabedoria e instalou uma harmonia grande entre os poderes constitu√≠dos do estado. ‚ÄúEle tem condi√ß√Ķes de continuar tocando a Presid√™ncia da Assembleia, da forma como fez nesta sua gest√£o. √Č uma grande for√ßa pol√≠tica no estado, demonstrou isso nessas elei√ß√Ķes, portanto √© o meu candidato a presidente‚ÄĚ, frisou.

Nos √ļltimos dias, Othelino Neto recebeu apoio dos deputados eleitos Z√© In√°cio (PT), Helena Duailibe (Solidariedade), Welington do Curso (PSDB), Detinha (PR), Leonardo S√° (PRTB), Par√° Figueiredo (PSL), Neto Evangelista (DEM), Mical Damasceno (PTB), C√©sar Pires (PV), Pastor Cavalcante (PROS), Wendell Lages (PMN), Cleide Coutinho (PDT), Duarte Jr (PCdoB), Z√© Gentil (PRB), M√°rcio Honaiser (PDT), Dra Tha√≠za (PP), Adriano Sarney (PV), Carlinhos Flor√™ncio (PCdoB), Professor Marco Aur√©lio (PCdoB), Fernando Pessoa (Solidariedade), Andrea Rezende (DEM), Edson Ara√ļjo (PSB), Rafael Leitoa (PDT), Ana do G√°s (PCdoB), Adelmo Soares (PCdoB), Rigo Teles (PV), Glalbert Cutrim (PDT), Paulo Neto (DEM), Daniella Tema (DEM), Vin√≠cius Louro (PR), Ygl√©sio Mois√©s (PDT), H√©lio Soares (PR), Ant√īnio Pereira (DEM), Ciro Neto (PP), Roberto Costa (MDB), F√°bio Macedo (PDT), Rildo Amaral (Solidariedade) e Ricardo Rios (PDT).

Uma frase disponível no Tumblr, plataforma de blogging que permite aos usuários publicarem textos, diz que a foto e o vídeo são uma das poucas coisas que tem poder sobre o tempo: eles o paralisam. A citação do autor desconhecido tem muito a ver com um vídeo antigo disponível no perfil do Facebook do advogado Mozart Baldez, pré-candidato à presidência da seção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Maranhão. Nas imagens, o causídico aparece desmentindo boatos de ter fechado apoio a um dos grupos que concorreram na eleição da maior entidade de classe do país, em 2015.

Na grava√ß√£o intitulada ‚Äún√£o se mistura √°gua com √≥leo‚ÄĚ, Baldez aparece fazendo cr√≠ticas aos grupos do advogado Thiago Diaz e da advogada Val√©ria Lauande que, na √©poca, disputavam a presid√™ncia da OAB-MA.

‚ÄúAdvogadas e advogados, n√£o se mistura agua com √≥leo. As elei√ß√Ķes se aproximam, mas o que n√≥s pregamos hoje com rela√ß√£o a elei√ß√Ķes da OAB √© a defesa intransigente da advocacia, √© o combate √† morosidade, √© o combate √† falta de decis√Ķes e senten√ßas, √© o combate √† jornada TQQ e QQ, √© o combate aos ‚Äėsuperdesus‚Äô da justi√ßa maranhense e um combate contra a inercia que a seccional da OAB vem praticando‚ÄĚ, diz Baldez em trecho do coment√°rio que encerrou dizendo que por esses motivos n√£o iria coligar com ningu√©m. ‚ÄúSomos a √ļnica e verdadeira oposi√ß√£o‚ÄĚ, completou.

Poucas pessoas percebem, mas apesar de ter muita semelhança com a atual realidade em que vive a advocacia maranhense, o vídeo foi publicado no dia 30 de setembro de 2015. Tem exatos três anos e um mês. De lá para cá, pouca coisa mudou.

‚ÄúA √ļnica coisa que mudou, nesse per√≠odo, foram os posicionamentos dos meus concorrentes. Alguns romperam com grupos que ajudaram a eleger; outros se aliaram a grupos que ajudaram a derrotar. E eu continuo defendendo a mesma coisa que defendia h√° tr√™s anos‚ÄĚ, refor√ßou Baldez, sustentando ainda que a realidade √© um conceito e a verdade uma percep√ß√£o.

‚ÄúA verdade n√£o se modifica nunca, ela √© sempre a mesma. H√° tr√™s anos defendo a mesma posi√ß√£o. Naquela √©poca n√£o tive condi√ß√£o de montar chapa, e embora tenha sido convidado, optei ficar fora da disputa, porque em outrora, assim como hoje, n√£o estou buscando coloca√ß√£o. Defendo a valoriza√ß√£o da advocacia. Ganhando ou perdendo vou morrer defendendo o que sempre defendi. √Āgua e √≥leo n√£o se misturam‚ÄĚ, ratificou Baldez.

Deputado da oposição mete o dedo na ferida comunista ao afirmar que Flávio Dino fez campanha em rádios compradas com dinheiro de corrupção.

O deputado de oposi√ß√£o, Adriano Sarney chamou os comunistas para debater compra ou alugueis (?) de rede de emissoras, usada para fazer campanha de Fl√°vio Dino e seu grupo. De posse da rede de emissoras desde o ano de 2016, quando usaram e abusaram das r√°dios e TVs para atacar, denegrir e perseguir advers√°rios do prefeito Edivaldo Holanda J√ļnior, que foi reeleito, l√≥gico.

Al√©m disso, o grande volume de derrames da maquina p√ļblica foi decisivo para o grupo comunista se perpetuasse, com divulga√ß√Ķes midi√°tica volumosas e obras do Programa Mais Asfalto, sem que a Justi√ßa Eleitoral visse o √≥bvio.

Confira abaixo suas palavras:

O comunista dando entrevista AGORA na rádio arrendada/comprada por Willer Tomaz, preso na Lava Jato, para que o PCdoB do Maranhão possa fazer política. Isso @Haddad_Fernando não quer debater.

No palanque revela seu projeto de poder:

Ex-juiz Fl√°vio Dino e governador reeleito comete abuso novamente ao usar estruturas p√ļblicas em campanha de aliado para prefeito de Bacabal. Essa n√£o foi a primeira vez que Fl√°vio Dino comete abusos. O pior √© que passa a ideia de um constante palanque.

Ainda no palanque, Fl√°vio Dino pede votos para presidente do Brasil, da Famem, da Assembleia, e para prefeito de Bacabal.

Tempo para resolver a vida do povo, tirar o Maranhão da pobreza, aliás, da extrema pobreza, que entrou a partir de 2015, justamente quando começou a gestão comunista.

Governador demostra que nunca desce de palanque eleitoral, faz campanha para o poste do presidiário Lula, o Fernando Haddad, faz campanha para prefeito em eleição no interior do Maranhão, para Othelino, presidente da Assembleia, faz palanque até para o PDT tomar a Famem.

Nos bastidores, dizem que jatinhos fretados cortam os céus do Nordeste do Brasil na vã tentativa de emplacar sua legenda na vaga de vice-presidente do Brasil.

O município de São José de Ribamar realiza nesta quinta-feira (18) e sexta-feira (19) o I Festival Ribamar Literário. O evento, promovido pela Prefeitura de São José de Ribamar, vai reunir grandes nomes da literatura, a exemplo da professora e escritora libanesa, radicada no Brasil, Dad Squarisi, além da jornalista e escritora, Maria Clara Arreguy e imortais maranhenses.

Ribamar liter√°rio

Dad Squarisi, que tamb√©m √© mestre na Teoria da Literatura, comanda a palestra de abertura juntamente com espet√°culo liter√°rio que acontece √†s 9h, no Sal√£o do Turismo. Na mesma ocasi√£o ser√° realizado o lan√ßamento do livro ‚ÄúRio das Balsas e das Paix√Ķes‚ÄĚ de Alexandra Machado. De acordo com o prefeito Luis Fernando Silva, o evento visa promover em elevado n√≠vel cultural a oferta do conhecimento por meio da leitura.

‚ÄúAl√©m da professora Dad, que √© fant√°stica e dispensa coment√°rios, vamos reunir em um s√≥ espa√ßo v√°rios nomes importantes do cen√°rio nacional, a exemplo da jornalista e tamb√©m escritora Maria Clara Arreguy, sem falar √© claro dos nossos imortais, s√≠mbolos da cultura do saber que precisa ser cada vez mais difundida‚ÄĚ, detalhou o prefeito.

Ainda segundo Luis Fernando, este √© um momento de grande import√Ęncia e que n√£o s√≥ contempla a cidade de Ribamar como todo o Maranh√£o. ‚ÄúO festival est√° sendo realizado com muito orgulho no munic√≠pio, por√©m alcan√ßa todo o Maranh√£o, afinal a terra do Santu√°rio de S√£o Jos√© de Ribamar tamb√©m vai se transformar em cidade liter√°ria,‚ÄĚ reiterou o gestor.

Al√©m do presidente da Academia Maranhense de Letras, Benedito Buzar, tamb√©m participam do evento os imortais Sebasti√£o Moreira Duarte, Joaquim Haickel, Laura Am√©lia Dumos, Luis Phelipe de Carvalho Andr√™s, Eliezer Moreira Filho, Ceres Costa Fernandes, Lourival Serejo e S√īnia Almeida.

Durante a programa√ß√£o, que ocorrer√° simultaneamente na Pra√ßa da Matriz, Col√©gio Patronato, Sal√£o do Turismo, Escolas Liceu Ribamarense I, (Vila Roseana Sarney), Liceu II, (Parque Jair), Escola Municipal Diomedes Pereira (bairro J. C√Ęmara), Escola Municipal Parque Vit√≥ria, CEM Vieira, CAIC e IFMA, ser√£o realizadas oficinas, corrida liter√°ria, roda de leitura e encontro com os v√°rios escritores convidados.

Boa pergunta: quem comprou a rede de emissoras que propagam o comunismo do Maranh√£o?

Provocado por governistas, neto de Sarney devolve a pergunta: quem pagou pela Difusora?

Provocado por governistas, neto de Sarney devolve a pergunta: quem pagou pela Difusora? A pergunta deveria ser quem paga, ou pagou os v√°rios milh√Ķes que, segundo se especula nos bastidores da Pedro II, sede do Pal√°cio de todos os comunistas, e nos bastidores do poder, pela compra da rede de emissoras de R√°dios e TVs espelhadas pelo Maranh√£o, que pertence a Edinho Lob√£o, filho do senador Lob√£o.

Sem transparência alguma, o Maranhão continua vivendo dias nebulosos. 

Quem pagou? Mist√©rio…

O governador reeleito Fl√°vio Dino, ao longo de duas importantes elei√ß√Ķes, foi notoriamente beneficiado pela rede de emissoras que hora ataca advers√°rios do comunismo, hora exalta e defende seus apoiadores.

Nem o governador, ou algu√©m de seu grupo nunca disse nada sobre quem banca (paga ou pagou) a dinheirama usada na negocia√ß√£o. Segundo consta, v√°rio milh√Ķes teriam sido derramados √† √©poca, para a rede de emissoras serem usadas pelo grupo de Fl√°vio Dino. Confira abaixo, a resposta do deputado Adriano Sarney.¬† Confira abaixo:

Provocado por governistas, neto de Sarney devolve a pergunta: quem pagou pela Difusora?

 

 

Logo ap√≥s as elei√ß√Ķes, o blog come√ßou a desmistificar as mentiras que aliados de Gil Cutrim espalhavam pelo Maranh√£o, alegando vit√≥rias nas urnas ribamarenses.

Aproveitando o embalo do deputado federal Weverton Rocha, senador eleito com apoio do governador (reeleito) Flavio Dino, os irmãos Cutrim organizaram uma visita de agradecimento à São José de Ribamar.

O que mais chama atenção nesse estranho movimento cupiniano é que Glalbert Cutrim teve pouco mais de 900 votos na cidade, muito abaixo do que ele esperava e do que ele teve em 2014, quando foi eleito a primeira vez, mas não mandou um centavo para Ribamar.

Segundo uma fonte pr√≥xima ao ex-prefeito, a visita √© para provar que os irm√£os n√£o est√£o brigados por causa da ‚Äúpassada de perna‚ÄĚ que Gil deu em Glalbert, quando pediu para as pessoas votarem somente nele em Ribamar, porque sua elei√ß√£o era prioridade.

Nem o santo padroeiro vai escapar! Eles pretendem ir à Igreja Matriz de São José de Ribamar para realizar o ato. O blog, parafraseando Roberto Carlos, aconselha: não adianta ir à Igreja rezar e fazer tudo errado.

O que o blog n√£o entendeu ainda √© o porqu√™ de eles usarem o termo ‚Äúagradecimento‚ÄĚ, quando poderiam usar ‚Äúdecep√ß√£o‚ÄĚ, uma vez que n√£o h√° um ribamarense sequer grato aos irm√£os Cutrim e eles, por sua vez, detestam nossa gente.

√Č s√≥ lembrar-se de como S√£o Jos√© de Ribamar era na √©poca da gest√£o de Gil Cutrim: inseguran√ßa, sa√ļde na UTI, educa√ß√£o de p√©ssima qualidade, infraestrutura em caos, ou seja, muita destrui√ß√£o.

A visita deles mais parece uma despedida.

Quando Gil era prefeito vivia viajando pela Europa, postando foto nos estádios de futebol, foto com Neymar e muito ostentação e o que menos se via era sua cara na cidade, imaginem agora que ele não terá a obrigação de permanecer um dia sequer em São José de Ribamar.

Tudo indica que o plano de destruir Ribamar ainda n√£o terminou.

Os Cutrim tentar√£o prejudicar os ribamarenses todos os dias a partir de 01 de janeiro de 2019, mas, certamente, n√£o conseguir√£o impedir o novo momento da cidade.

(Do Blog do Seu Riba)

Bolsonaro é maior que o mimimi dos comunistas.

√Č bem verdade que existe uma luta pelo comando do partido de Bolsonaro no Maranh√£o, pelo controle do PSL. O partido que fez a segunda maior bancada do Brasil no Congresso federal, em Brasilia, l√≥gico que deveria estar sendo disputado pela candidata ao governo, √ļnica mulher do Brasil a formar uma chapa com o candidato apelidado de “machista” por comunistas.

Inauguração de comitê Bolsonaro 17

A luta entre Maura Jorge e Chico Carvalho pelo controle do PSL √© normal, acontece nas outras legendas (algumas de forma ditatoriais), a maioria tem donos, n√£o existem elei√ß√Ķes, nem processos democr√≠ticos para controlar o partido.

Essa disputa nada interfere na vit√≥ria de Bolsonaro, pois √© maior, e vai ganhar as elei√ß√Ķes do Brasil no segundo turno, ponto final!

Estive ontem na inauguração do Comitê Central do Bolsonaro-17, na Beira Mar, no Centro.  Apesar de pouca gente, devido o horário, 16h, aconteceu um importante ato onde várias lideranças, sobretudo municipais, estiveram ao lado do vereador Francisco Carvalho para inauguração do comitê.

Questionei ao presidente da legenda sobre a quest√£o do apoio de outras for√ßas, que, no caso devem focar para fora do partido, n√£o para dentro, afinal o foco √© eleger Bolsonaro, os esfor√ßos de todos ser√£o de grande import√Ęncia no processo. O que importa √© saber administrar a vantagem, que no caso de Bolsonaro, cada vez mais cresce.

N√ļmeros da¬†Tracking BTG apontam vantagem de Bolsonaro 63%; sobre Haddad 37%.

1 2 3 4 8