O discurso dos Sarneys: Léo Cunha, enfim, abriu a boca para falar de Flávio Dino…

0

Sintonia entre Capital e Imperatriz…

Roseana Sarney, Lobão, Zequinha, Ricardo Murad, o próprio Sarney, que é o líder do grupo, estiveram presentes para mostrar que não precisam esconder caras e nomes. Já o deputado Léo Cunha, irmão do ungido vice-governador, Ribinha Cunha de Imperatriz, apareceu depois de quatro anos calado para, enfim, dizer o que pensa de Flávio Dino.

No sentido amplo, Roseana Sarney demostrou que é boa de articulação política, que sua popularidade está em alta, mesmo sob ataques diários de um governador pífio que se escora nas estruturas públicas. A ex-governadora mostrou que tem coragem e está disposta a enfrentar todo poderia bélico dos comunistas.

A classe política foi representada por alguns ex-secretários que foram perseguidos nestes quatro anos mas até agora a “Transparência” comunista nada conseguiu provar. Estiveram presentes alguns prefeitos, vereadores, lideranças comunitárias, até a cantora Alcione com seu vozeirão, mas o principal foi a presença do povo. Neste quesito, os outros pré-candidatos deverão se movimentar para demostrar a mesma empolgação popular, já que a classe política está impedida pelos “Dois Leões do Palácio” de mostrarem as caras em eventos que não sejam do Palácio.

Foi justamente esse o principal discurso dos políticos que se apresentaram no palanque de Roseana: a maioria foi unânime  em reclamar de perseguição, destacando os representantes da cidade de Imperatriz, o prefeito Assis Ramos e Léo Cunha, como representante do Legislativo estadual, que falaram sobre Flávio Dino.

Abaixo, imagem da convenção de Roseana Sarney:

No detalhe da foto, o deputado Léo Cunha de camisa verde

 

 

 

 

Os comentários estão desativados.