Luis Fernando recebe guardas civis municipais e firma acordo para elaboração do PCCV

0

O prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando, acompanhado do secretário municipal de transporte coletivo, trânsito e defesa social, (SEMTRANS), Cel. Gonçalo, recebeu nesta quinta-feira (08), na sede da Prefeitura, representantes do Sindicato dos Guardas Municipais. Entre as demandas apresentadas pela comissão, o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos, PCCV, Diferença do 13º salário atrasado de 2016 de 38 guardas, da gestão anterior; fardamento além da Carteira Funcional de Identificação.

Durante o encontro, que também contou com a presença dos vereadores Juliano e Manoel do Nascimento, o prefeito reafirmou que seu gabinete sempre estará de portas abertas para receber a categoria, mantendo diálogo direto e transparente. O gestor lembrou ainda que foi durante sua gestão em 2005, a criação da Guarda que hoje responde pelo maior efetivo de segurança do município.

“Já estamos em processo de análise e formatação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos da categoria, e vamos seguir, não apenas porque entendemos que é um direito de cada um, e sim pelo respeito que temos com a categoria”, lembrou o gestor.

O prefeito lembrou ainda que é importante convocar a lei, para que processos não sejam atropelados e o que poderia representar ganho, se transforme em perdas graves, afetando não apenas os guardas municipais, mas a segurança da população.

“Uma comissão foi montada com toda a representatividade tanto do poder público quanto do sindicato, e isso exatamente pelo cuidado na construção do plano, e que o erário permaneça equilibrado, a exemplo do que constava do atual documento, e que já foi corrigido, que apontava a extinção de pelo menos 50% dos cargos”, alertou o gestor para o processo transparente, lembrando ainda que nenhum plano será aprovado sem a total anuência da categoria.

Sobre a aquisição dos fardamentos, identificação visual e o pagamento atrasado do 13º salário de 38 Guardas ainda de 2016, Luis Fernando, já determinou imediata resolução e denominou como mais uma “irresponsabilidade”, da antiga administração o não pagamento dos servidores.

“Já determinei o encaminhamento jurídico para o pagamento do 13º salário atrasado desde 2016 dos guardas, porque entendo que isso é desumano, esse é um direito dos servidores. Sobre o fardamento além das identificações, também serão igualmente sanados nos próximos dias”, completou.

Roberval Sousa, Fundador do Sindicato dos Guardas Municipais, avaliou como positiva a reunião parabenizando ainda o prefeito pela seriedade com que trata a categoria. “Nós percebemos um prefeito aberto ao diálogo, solícito, demonstrando que vai buscar soluções dentro do que for possível para as demandas apresentadas pela categoria”, avaliou.

O presidente da categoria, Ricardo Corrêa ressaltou a prontidão com que o prefeito atendeu a categoria, destacando inclusive que foi firmado entre as partes diálogo aberto e direto com a gestão municipal para a conquista

“Conseguimos hoje aqui eliminar toda e qualquer falha que vinha existindo. Compreendemos que o nosso tão sonhado PCCV e demais demandas estão recebendo a atenção do prefeito que com respeito e seriedade, revela uma grande estima pela Guarda de Ribamar”, finalizou.

Os comentários estão desativados.