Monthly Archives: fevereiro, 2018

Aspecto de derrota mudou a feição do governador bolivariano.

Fotos enviadas de um evento governista ap√≥s o an√ļncio da sa√≠da do ex-governador Z√© Reinaldo, que esperou sentado pela “gratid√£o” e reconhecimento de Fl√°vio Dino, que nunca chegaram.

Abaixo, as fotos distribu√≠das por um aliado palaciano, que disse que Dino fez quest√£o de demostrar seu total “arraso”.

“Para trair e co√ßar √© s√≥ come√ßar”. Segura teu veneno, Dino…

Trai√ß√Ķes e ingratid√Ķes de Fl√°vio Dino:

Para quem n√£o respeitou o apoio do tucano A√©cio Neves, que deu total apoio a Fl√°vio Dino no primeiro turno das elei√ß√Ķes de 2014, quando Dilma Rousseff apoiou Edinho Lob√£o, e A√©cio Neves, que esperava o apoio de Fl√°vio Dino no segundo turno, mas, no segundo turno, Dino, virou as costas para o tucano. Fez isso depois com Roberto Rocha, por fim, ao seu criador, Z√© Reinaldo.

Altern√Ęncia de poder est√° garantida em 2018:

O ex-governador Zé Reinaldo, que foi o grande criador de Flávio Dino, acabou sendo jogado para escanteio pela dupla Dino & Jerry, que preferiram as candidaturas de Weverton Rocha e Eliziane Gama, todos sabem disso. Agora, o pior pesadelo dos comunistas terá inicio: Zé Reinaldo, assim como Roberto Rocha, vão impulsionar a terceira via, outras candidaturas além da esperada dicotomia Flávio Dino X Roseana Sarney.

Mudança, que é bom, nada:

Sabem aquela antiga m√°xima da pol√≠tica maranhense,¬† de que s√£o “os dois le√Ķes (famintos) da entrada do Pal√°cio que decidem elei√ß√£o”?

Apesar do deficit bilion√°rio que abateu o Maranh√£o nos √ļltimos 3 anos, o governador bolivariano dever√° investir tudo para sua reelei√ß√£o.

S√≠ndrome de Stalin…

Conspira√ß√£o comunista para impedir a candidatura de Z√© Reinaldo, que foi, at√© hoje, o maior bem feitor do comunismo, conhecido como “o criador” da carreira pol√≠tica do ex-juiz Fl√°vio Dino, est√° colhendo ingratid√£o por aqueles que tanto apoiou.

Confiando que j√° tem sua elei√ß√£o garantida com o aparelhamento da m√°quina p√ļblica, Jerry foi enquadrado pelos jornalistas da cena pol√≠tica como o maior conspirador contra Z√© Reinaldo.

Confira abaixo com as informa√ß√Ķes blog do Luis Cardoso:

 

‚ÄúCom toda sua fraqueza, Osmar Filho n√£o dar√° conta do recado‚ÄĚ.

N√£o ser√° novidade alguma que os pedetistas, que comandam boa parte das estruturas do governo municipal da capital, j√° estejam de olho gordo no comando do legislativo municipal, a C√Ęmara de Vereadores de SL.

Só tem um porém: Osmar Filho é visto como fraco.

O vereador Osmar Filho do PDT,¬† visto como um fraco, n√£o daria conta de comandar o √≠mpeto das 31 cabe√ßas das verean√ßas, conforme leitura pol√≠tica feita nos bastidores dos poderes locais, inclusive,¬† com aval de boa parte do staff governista no Pal√°cio dos Le√Ķes.

Uma boa leitura que se faz sobre as tratativas do comando do legislativo é que o vereador é pouco rodado, e portanto, não daria conta do recado. O Jornal Atos e Fatos fez uma boa análise da conjuntura local, trazendo um fato antigo que lembrou uma situação semelhante nos dias atuais:

Sobre as fraquezas de Osmar, fonte com livre tr√Ęnsito pelos corredores do Pal√°cio dos Le√Ķes informa que o governo do Estado j√° teria descartado apoio ao vereador como candidato de sua predile√ß√£o √† presid√™ncia da C√Ęmara Municipal de S√£o Luis, em substitui√ß√£o a Astro de Ogum.

O primeiro √© pelo fato das pr√≥prias lideran√ßas comunistas entenderem que apoiar Osmar Filho seria tentar estabelecer uma hegemonia de poder em todas as esferas, j√° que o PDT det√©m o comando da Prefeitura de S√£o Luis com o¬† prefeito Edivaldo Holanda J√ļnior (PDT).

Outro, poderia ser pelo fato dele não exercer qualquer tipo de influência entre os próprios colegas, na condição de líder do governo Edivaldo Holanda naquela casa parlamentar, exercer uma atuação extremamente pífia, sem defender o chefe do Executivo Municipal nos momentos de crise.

‚Äú√Č ausente dos debates, n√£o tem lideran√ßa, n√£o tem carisma e seria um presidente marcado pela in√©rcia. Tudo isso faz parte de uma an√°lise que vem sendo feita pelas lideran√ßas governistas. √Č um aliado fiel, n√£o se pode negar, mas lhe faltam atributos que¬† lhe possibilite administrar uma casa com 31 pares‚ÄĚ, disparou o comunista.

Bastante calejado, o referido governista lembrou que, em 1987, o ent√£o governador Epit√°cio Cafeteira pressionou a C√Ęmara para eleger presidente o pr√≥prio sogro, o vereador Hilton Rodrigues. A C√Ęmara mostrou independ√™ncia e elegeu Raimundo Assub.

‚ÄúO governador Fl√°vio Dino n√£o vai pressionar ningu√©m, n√£o deve se intrometer nessa hist√≥ria de C√Ęmara, at√© mesmo como forma de n√£o passar vexame igual ao de Cafeteira‚ÄĚ, afirmou o aliado.

Enquanto isso, no ‚ÄúMaranh√£o da mudan√ßa‚ÄĚ, a explora√ß√£o est√° nas alturas‚Ķ

Um indignado internauta fez o registro do p√°tio da VIP Leil√Ķes,¬† que √© o local onde ficam os ve√≠culos apreendidos pelo batalh√£o rodovi√°rio criado pelo governador Fl√°vio Dino, o¬† BPRV, que est√° apreendendo todos os ve√≠culos da popula√ß√£o e depois leiloando.

Abaixo, uma imagem lan√ßada por um internauta durante um sobrevoo sobre a VIP leil√Ķes:

Sem posicionamentos definidos na pol√≠tica, a deputada Eliziane Gama, que hora est√° na Rede de Marina Silva/hora est√° no PPS do neo-tucano Roberto Freire, novamente complicou-se. Dessa vez, colocando-se em rota de colis√£o contra uma importante corrente interna do PT. Abaixo, nota da corrente “Construindo um Novo Brasil”:

Sobre as declara√ß√Ķes da Deputada Federal Eliziane Gama ao blog do Diego Emir, onde se posiciona a favor do ex-Presidente Lula e do PT, √© necess√°rio contrapor alguns pontos:

1. A Deputada Eliziane Gama, em 2016, se comportava como uma antipetista declarada, além de grande defensora do impeachment golpista contra a Presidenta eleita Dilma Rousseff.

2. Mesmo sabendo que o impeachment contra Dilma se tratava de um golpe arquitetado por Eduardo Cunha e Michel Temer, a Deputada Eliziane Gama votou a favor da destituição da Presidenta Dilma.

3. Em outras palavras, a Deputada Eliziane Gama contribuiu com a ascens√£o de Michel Temer √† Presid√™ncia da Rep√ļblica e, por consequ√™ncia, com todo esse caos pol√≠tico, econ√īmico e social que o Brasil vive hoje, causado pelo governo ileg√≠timo de Temer.

4. √Č no m√≠nimo contradit√≥rio que a Deputada Eliziane Gama, agora, tenha um posicionamento favor√°vel ao PT e ao Presidente Lula. Isso mais parece um discurso oportunista da parlamentar, com vistas √†s elei√ß√Ķes 2018, j√° que Lula e o PT t√™m ampla prefer√™ncia no Maranh√£o.

5. O povo maranhense jamais esquecer√° do posicionamento da Deputada Eliziane, aprovando o impeachment golpista contra Dilma. N√£o adianta, agora, certos pol√≠ticos posarem de “arrependidos”. O povo saber√° dar a resposta em 2018!

Coordenação Estadual da CNB РMaranhão
22/02/2018

Recado dado:

O ex-prefeito da segunda maior cidade do Maranhão, o tucano Sebastião Madeira, em entrevista ao jornalista Josué Moura de Imperatriz,   mandou se recado aos que se acham vencedores.

A eleição não está ganha. Abaixo, trecho da entrevista:

ELEI√á√ēES 2018: PR√Č-CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL, EX-PREFEITO SEBASTI√ÉO MADEIRA ANALISA A CONJUNTURA POL√ćTICA

“N√£o s√≥ acredito, como tenho certeza que ter√° segundo turno no Maranh√£o‚ÄĚ diz Madeira”.¬†Sebasti√£o Madeira

Sul do Maranh√£o

Ao analisar a conjuntura pol√≠tica do Maranh√£o o ex-prefeito de Imperatriz Sebasti√£o Madeira (PSDB) disse ontem n√£o s√≥ acreditar, mas ter certeza que ter√° segundo turno no Maranh√£o. A provoca√ß√£o foi feita por um jornalista ao question√°-lo sobre as pesquisas que p√Ķe o atual governador em vantagem em rela√ß√£o aos demais pretendentes a governar o Maranh√£o.

Para o ex-prefeito as pesquisas, quando encomendadas por um ou outro grupo, s√£o controversas. ‚Äú Quando tem pesquisa feita pelo grupo do governador ele aparece com mais de 60%, mas pesquisas feitas por fontes independentes apresentam ele pr√≥ximo de 40%; e como ter√£o muitos candidatos, e considerando o fato de que a campanha ainda nem come√ßou a certeza de um segundo turno √© patente‚ÄĚ comentou Madeira.

O ex-prefeito de Imperatriz é o atual secretário geral do PSDB do Maranhão que tem como pré-candidato a governador o senador Roberto Rocha.

Além de Rocha querem governar o Maranhão a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) , a ex-prefeita de Lago da Pedra Maura Jorge (Podemos) e o deputado estadual Eduardo Braide (PMN). A campanha deve contar ainda com os tradicionais candidatos dos outros partidos mais à esquerda, como o PSTU e PSol que sempre participam do processo.

Sobre a posi√ß√£o de Roberto Rocha nas pesquisas de inten√ß√£o de voto Madeira comentou que ele {Roberto} tem se destacado como um grande senador. Destacou o empenho do parlamentar para ajudar os munic√≠pios. Lembrou que s√≥ para Imperatriz no, apagar das luzes de 2017, empenhou cerca de nove milh√Ķes de reais ent√£o ‚Äú naturalmente quando a campanha come√ßar os maranhenses ter√£o uma maior amplitude do seu trabalho e avaliar√£o melhor sua capacidade para governar o Maranh√£o‚ÄĚ

Ao ser perguntado sobre a posi√ß√£o do PSDB num eventual segundo turno sem Roberto Rocha, Madeira foi metaf√≥rico. ‚Äú S√≥ atravessamos a ponte do Araguaia quando atravessamos a ponte do Tocantins. N√≥s vamos ter primeiro a elei√ß√£o com meu candidato Roberto Rocha , que √© a ponte do Tocantins, ao atraversarmos essa ponte, ai atravessaremos a ponte do Araguaia. Primeiro, vamos lutar para estarmos no segundo turno, se n√£o for poss√≠vel ai vamos avaliar. O Roberto tem as ideias dele, tem projetos… Se ele for para o segundo turno o candidato que estiver mais proximo de nossas ide√°is, √© com ele que vamos.

Candidato a federal- Na mesma entrevista Sebasti√£o Madeira confirmou que vai ser candidato a deputado federal e vem se articulando para isso. O ex-prefeito ressalta que hoje se sente mais experiente e preparado para representar Imperatriz e a regi√£o na C√Ęmara dos Deputados. ‚ÄúNossa regi√£o est√° absolutamente √≥rf√£ de representatividade. Sinto-me mais preparado para preenche ressa lacuna.

Como deputado vou poder continuar a ajudar Imperatriz e as outras cidades da regi√£o como sempre fiz‚ÄĚ concluiu.

Deputado petista conclama o partido para lan√ßar candidatura pr√≥pria ao Governo do Maranh√£o nas elei√ß√Ķes de 2018.

Petistas brigam pela valoriza√ß√£o do partido de Lula no Maranh√£o…

Z√© Carlos destacou a falta de di√°logos do governador Fl√°vio Dino (PCdoB), que n√£o valorizou um importante apoio, inclusive, expulsando do seu governo um petista hist√≥rico, trocando M√°rcio Jardim, que √© pr√©-candidato a senador, por um aliado de Roseana Sarney, Andr√© Fufuca (PP), que √© aliado dos “golpistas” Michel Temer e Eduardo Cunha.

No programa Espa√ßo Capital da R√°dio Difusora AM, o jornalista Diego Emir, juntamente comigo, Ricardo Santos, debatemos sobre as declara√ß√Ķes do deputado federal Z√© Carlos da Caixa (PT), dadas durante entrevista nesta quinta-feira (22), onde defendeu que o partido do ex-presidente Lula tenha uma rea√ß√£o e deixe de ser uma sub-legenda do PCdoB no Maranh√£o.

Do Blog do Joceílton Gomes

No desespero de atingir a qualquer custo o prefeito Luis Fernando e sofrendo de uma dor de cotovelo incur√°vel s√≥ porque o munic√≠pio de S√£o Jos√© de Ribamar voltou a aparecer na m√≠dia nacional e internacional de forma positiva, um ex-secret√°rio adjunto da era cupiniana, e candidato a vereador derrotado na √ļltima elei√ß√£o, assumiu publicamente o desastre a que o munic√≠pio foi submetido nos seis anos do per√≠odo do cupim.

‚ÄúO nosso munic√≠pio est√° destru√≠do‚ÄĚ, disse o ex-candidato a vereador derrotado, mais conhecido pelas alcunhas de ‚ÄúMula‚ÄĚ e ‚ÄúPin√≥quio da Ch√°cara Brasil‚ÄĚ, bairro onde reside.

Ningu√©m l√ļcido vai interpretar que o munic√≠pio foi destru√≠do em apenas um ano do atual governo. Pelo contr√°rio: quem visita S√£o Jos√© de Ribamar v√™ a diferen√ßa em pouco mais de um ano da gest√£o do prefeito Luis Fernando, que trabalha diuturnamente para reconstruir o munic√≠pio.

Mas sim, pelo menos numa coisa ele tem raz√£o: h√° muito o que fazer ap√≥s a avalanche cupiniana. √Č not√≥ria a destrui√ß√£o do munic√≠pio de Ribamar nos seis anos da √©poca do cupim, quando ruas, sem manuten√ß√£o, foram destru√≠das, escolas invadidas pela marginalidade, administra√ß√£o endividada assustadoramente e o sistema de √°gua e esgoto entregue para a famigerada Odebrecht, decis√£o que inclusive resultou numa a√ß√£o do Minist√©rio P√ļblico de quase meio R$ bilh√£o de reais na qual o ex-prefeito Gil Cutrim e seu comparsa Josemar Sobreiro, de Pa√ßo do Lumiar, s√£o os principais r√©us.

Outra orquestração de Maragatuno?

Na tentativa de tirar Ze Reinaldo da disputa, emissora “maragatuna” foi ao rid√≠culo de juntar no mesmo palanquep o neto de ACM com Fl√°vio Dino. Uma Loucura.

Emissoras de Edinho Lob√£o, alugadas aos comunistas expurgaram Z√© Reinado durante “entrevista ao vivo” com lideran√ßas do DEM nacional.

No cen√°rio pol√≠tico, Weverton Rocha continua se articulando com o secret√°rio “todo poderoso” do governador Fl√°vio Dino para limpar seu caminho rumo √† candidatura ao senado federal, em Bras√≠lia.

Desta feita, lideranças nacionais disseram o óbvio, segundo direcionamento da emissora comunista: que Zé Reinaldo não terá a legenda para disputar ao senado.

Abaixo, a notícia propagada pelos aliados de Weverton nas redes sociais:

Terceira Via e união das candidaturas. 

Ainda ontem, republiquei a postagem do blogueiro Marco Déça sobre a confirmação da candidatura de Eduardo Braide na disputa de 2018 ao governo. A regra é clara, Leda: quanto mais candidatos, melhor.

A oposição aos comunistas só terá exito em 2018 se houverem vários candidatos, e não atropelos entre eles. Nesse sentido, todo esforço deverá ser concentrado na união das vias contra a polarização sugestionada pelos comunistas, que desejam duas vias apenas.

Com a vinda do ex-presidente Jos√© Sarney para o Maranh√£o, que demostrou que vai encarar de frente todo o poder econ√īmico dos dois Le√Ķes de Fl√°vio Dino, apenas o grupo comunista animou-se.

Resta aos atores da cena política entender que quanto mais candidatos, menos chances Flávio Dino terá exito em seu plano, que é ganhar no primeiro turno.

Todos n√≥s desejamos ao Eduardo Braide (E-36), que amplie sua boa performance na Grande Ilha, durante as elei√ß√Ķes de 2016, al√©m do Estreito dos Mosquitos.

1 2 3 4 8