Monthly Archives: janeiro, 2018

Lula √© ficha suja: Rede Globo mostra “gogozada” de Fl√°vio Dino.

Hora defende corruptos, hora est√° a favor deles!

De acordo com as convic√ß√Ķes do momento, o comunista pode ser contra, ou pode ser a favor. Abaixo, trecho do site independente¬†¬†O Antagonista, que diferente dos sites de not√≠cias nacionais que costumam “plantar” (noticiar releases) noticias elogiosas (nunca criticas) ao comunismo maranhense, fazendo compara√ß√Ķes do antes e depois da Lei de Ficha Limpa, mostrando como a opini√£o de Fl√°vio Dino pode mudar de acordo com as nuances pol√≠ticas.

Numa reportagem do Jornal Nacional, a Rede Globo mostrou ao Brasil inteiro, o ent√£o deputado federal Fl√°vio Dino, em sua constante “gogozada” exaltando a Lei de Ficha Limpa, a mesma que dever√° impedir Lula, condenado, de ser candidato em 2018. Eis a√≠ o contrassenso comunista em que o sem palavras Fl√°vio Dino e v√°rios petistas sendo pegos na mentira. Confira no v√≠deo:

O munic√≠pio de Raposa praticamente n√£o aparece no notici√°rio pol√≠tico, mas quando aparece √© s√≥ com pauta negativa envolvendo traquinagens et√≠licas do “assessor para segurar bolsa da prefeita”.

Localizado na Regi√£o Metropolitana de S√£o Luis, Raposa √© administrada como dizem nos bastidores do comunismo, pela “comunista nutela” Talita Lac√≠ (PCdoB), a loira fatal e, tamb√©m, “vi√ļva negra”.

Prevendo maus agouros na cidade que administra, Talita Laci resolveu torrar nada mais nada menos do que 170 mil reais com a compra de caix√Ķes de defunto certamente para fazer assistencialismo barato.

Al√©m de fazer esse “festival de caix√Ķes”, tudo indica que o processo licitat√≥rio ser√° direcionado, pois segundo o blog Maramais, quem vai lavar a burra com o dinheiro do povo da Raposa √© a Pax S√£o Lu√≠s Raposa, com sede na Avenida Principal da Cidade (veja abaixo).

A compra de tantas caix√Ķes de defunto pela prefeita Talita Laci j√° est√° lhe rendendo na cidade o apelido de “Vi√ļva Negra”.

Mais macabro, impossível!!

A Zona de Exportação do Maranhão (ZEMA) em fase de se concretizar: 

O projeto, que tramita na CCJ do Senado, deve ser votado no inicio desse ano. A ideia potencializa as condi√ß√Ķes portu√°rias no Porto do Itqui, que possui localiza√ß√£o estrat√©gica para o Brasil, pois liga o pa√≠s aos principais portos do mundo.

Abaixo, mat√©ria retirada do Jornal Pequeno sobre a import√Ęncia de um projeto que vai promover o desenvolvimento econ√īmico e social, incentivando as rela√ß√Ķes de com√©rcio exterior, por meio de isen√ß√Ķes e benef√≠cios.

A verdadeira valorização cultural de SJ de Ribamar 

Achei muito importante que cultura da cidade de São José de Ribamar vai estar sendo valorizada, pela primeira vez em sua história, sendo homenageada pela escola de samba da Tatuapé em SP.

Agora sim, Ribamar começa a viver outro tempo, são outros carnavais, sem as alegorias tristes e máscaras do atraso.

Cantar mal: apenas uma minoria ficou contrariada com a valoriza√ß√£o de Ribamar…

Ribamar vive um novo tempo, serão 170 países vendo o carnaval paulista através da transmissão da Globo. A ênfase que a escola vai dar na sua apresentação vai, com certeza, render frutos para o município, em termos de visibilidade, gerando assim mais turistas para o município e valorizando  os aspectos culturais e religiosos de São José de Ribamar.

Agora n√£o √© uma pessoa que ganha destaque por estar aparecendo em camarotes de carnavais espalhados pelo Brasil, como aconteceu nos √ļltimos seis anos com o prefeito Gil Cutrim. Agora √© o munic√≠pio que ganha destaque e vai colher bons frutos por isso.

O munic√≠pio tem problemas? Sim, claro! Mas as solu√ß√Ķes est√£o acontecendo em todas as √°reas.

Suas escolas n√£o s√£o mais invadidas pela marginalidade, o hospital n√£o serve mais para a locupleta√ß√£o econ√īmica de certas figuras carimbadas, as ruas e avenidas est√£o recuperadas dentro do cronograma de trabalho poss√≠vel.

Enfim, s√≥ n√£o comemora essa homenagem que t√° saindo sem √īnus para o munic√≠pio quem n√£o tem compromisso com S√£o Jos√© de Ribamar.

O presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto (PC do B), participou, na manhã desta quarta-feira (24), no auditório do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ/MA), da solenidade de abertura do Ano Judiciário de 2018. A sessão especial foi conduzida pelo seu presidente, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos.

‚ÄúNosso desejo √© que, em 2018, seja como nos anos anteriores. Que mantenhamos essa rela√ß√£o pr√≥xima e saud√°vel. Cada um respeitando as prerrogativas dos outros poderes‚ÄĚ, disse o deputado Othelino.

JUDICI√ĀRIO MAIS PR√ďXIMO DO CIDAD√ÉO

Em seu pronunciamento, o desembargador Jos√© Joaquim Figueiredo disse que quer uma Justi√ßa mais pr√≥xima do cidad√£o, que se trabalhe no sentido de diminuir a judicializa√ß√£o e que se amplie, mais ainda, o instrumento da concilia√ß√£o. ‚ÄúO poder Judici√°rio evoluiu em todos os sentidos, mas ainda precisa julgar, de forma mais c√©lere, e, efetivamente, ser mais transparente em seus atos‚ÄĚ, ressaltou.

‚ÄúRenovamos a confian√ßa de que, em 2018, os servi√ßos prestados aos cidad√£os se viabilizem de forma satisfat√≥ria. A tarefa √© √°rdua e desafiadora, mas a depender da nossa vontade e compromisso, teremos um Ano Judici√°rio produtivo e de grande crescimento para a Justi√ßa Maranhense. Para isso, √© claro, todas as institui√ß√Ķes e √≥rg√£os do Sistema de Justi√ßa ter√£o que caminhar juntos, enfrentando os temas sociais a merecerem especial aten√ß√£o, interagindo com metas e projetos, certos da essencialidade que nos marca em rela√ß√£o √† fun√ß√£o jurisdicional‚ÄĚ, afirmou o presidente do Tribunal de Justi√ßa do Maranh√£o.

Compuseram tamb√©m a mesa de abertura da cerim√īnia, o Procurador Geral de Justi√ßa, Luiz Gonzaga Martins Coelho; o Defensor P√ļblico Geral do Estado do Maranh√£o, Werther de Moares Lima J√ļnior; o presidente da Associa√ß√£o dos Magistrados do Maranh√£o (AMMA), juiz Angelo Santos e o Procurador Geral do Estado, Rodrigo Maia Rocha.

O deputado estadual progressista Wellington do Curso (PP) encaminhou of√≠cio ao Governador Fl√°vio Dino (PC do B) solicitando que se posicione quanto a MA-006, rodovia estadual que interliga a Regi√£o Sul ao Norte do Maranh√£o, atendendo munic√≠pios como Graja√ļ, Fortaleza dos Nogueiras, Carolina, Formosa da Serra Negra, Tasso Fragoso e Alto Parna√≠ba.

Ao fundamentar a den√ļncia, Wellington destacou depoimentos de agricultores, motoristas e outros maranhenses que se sentem enganados com mais uma promessa n√£o cumprida do Governador.

‚Äú√Č pela MA-006 que passa boa parte da produ√ß√£o do agroneg√≥cio e outros pontos da economia maranhense. De acordo com relatos da popula√ß√£o, na √©poca da campanha eleitoral, o Governador prometeu que iria recuperar a estrada, caso fosse eleito. Fl√°vio Dino j√° est√° no √ļltimo ano do mandato e o que a popula√ß√£o encontra na MA-006 √© buraco pra todo canto. Governador, √© uma vergonha ter uma rodovia naquelas condi√ß√Ķes‚ÄĚ, disse Wellington.

Escola de Samba de São Paulo homenageará São José de Ribamar.

A cidade balneária de São José de Ribamar, conhecida nacionalmente pelos atrativos  culturais e religiosos, será homenageada pela escola de samba campeã do carnaval de 2017, Acadêmicos do Tatuapé.

Na manhã desta quarta-feira, 24, o prefeito da cidade, Luís Fernando Silva (PSDB), deu uma coletiva de imprensa para anunciar o evento e dar detalhes do desfile, que entrará na passarela na noite de sexta-feira, 09 de fevereiro de 2018.

 

 

Eclipse da estrela vermelha…

O Brasil est√° piorado por culpa da politicagem dos esquerdistas.

Duas imagens colhidas das redes sociais demostram a polariza√ß√£o que tomou conta do Brasil: de um lado a popula√ß√£o que aplaude as a√ß√Ķes da Pol√≠cia Federal, que tenta punir os corruptos investigados pela Lava Jato. Do outro lado, os seguimentos da esquerda, que t√™m no Lula seu patrono, que foi o fundador do Foro de S√£o Paulo, uma especie de “doutrina” comunista nas Am√©ricas.

√Č inconceb√≠vel que um pol√≠tico eleito para governar se torne um defensor de “ideologias” e use as estruturas p√ļblicas para doutrinar a popula√ß√£o. Essa √© minha principal critica, de acordo com minhas observa√ß√Ķes na atualidade.

Em tempo: na minha concep√ß√£o e an√°lise, o Lula tem crimes piores que o “triplex”. Que seja punido pelos seus crimes verdadeiros.

Bom que se diga que o Lula investiu muito nessa “doutrina√ß√£o”, deixou de governar para tentar criar um bloco continental de esquerda. Esse mesmo erro aconteceu no Maranh√£o dos comunistas. Que l√°stima.

Corrup√ß√£o generalizada em nome da “causa”:

No Brasil atual, juntos, MST, sindicalistas, at√© as FARCS (for√ßas armadas da Col√īmbia que agem nas fronteiras da Amaz√īnia Ilegal), fazem parte desse mundo (ou submundo) mantido durante v√°rios anos, que culminou com o fortalecimento da bandidagem dentro e fora das estruturas p√ļblicas.

 

O deputado estadual progressista Wellington do Curso utilizou sua redes sociais para convidar a popula√ß√£o para participar de uma Audi√™ncia P√ļblica que discutir√° a convoca√ß√£o de aprovados no concurso da Prefeitura de S√£o Lu√≠s. Devem estar presentes membros da Promotoria da Educa√ß√£o, do Judici√°rio, Prefeitura de S√£o Lu√≠s, al√©m de professores e aprovados em v√°rias √°reas no concurso p√ļblico.

Wellington tem destacado a necessidade de se nomear os professores e outros profissionais, diante das demandas sociais.

‚ÄúRealizaremos, hoje, ter√ßa-feira (23), audi√™ncia p√ļblica para discutir sobre a convoca√ß√£o dos aprovados no concurso p√ļblico que foi realizado pela Prefeitura de S√£o Lu√≠s. At√© o presente momento, nem todos os aprovados foram convocados, ainda que haja a necessidade, como √© o caso dos professores, assistentes sociais, entre outros. J√° h√° uma a√ß√£o tramitando e, por isso, estamos nessa discuss√£o, tendo por objetivo garantir o que √© de direito de quem √© aprovado em um concurso p√ļblico. E aproveitamos a oportunidade para convidar a popula√ß√£o e todos candidatos aprovados no √ļltimo concurso realizado pela Prefeitura de S√£o Lu√≠s,‚ÄĚ, pontuou o professor e deputado Wellington do Curso.

A audiência ocorrerá no auditório da OAB, a partir das 14 horas, desta terça-feira, dia 23 de janeiro.

1 2 3 4 5 10