Monthly Archives: dezembro, 2017

Tática comunista é acusar adversários daquilo que são: 

Com o apoio de aliados de Sarney, Flávio Dino diz que “vence” os “candidatos” de Sarney. Confira outra campanha mentirosa dos comunistas:

Atitude de Flávio Dino demostra desespero, demostra que faz o mesmo, ou até pior que Roseana e seu paí fizeram por décadas para se perpetuarem mandando no governo do Maranhão.

No palanque de Flávio Dino (que está em campanha eleitoral faz tempo) vários aliados de Sarney. Acredite, é com quem “destruiu o Maranhão por 40 anos” que Flávio Dino quer se reeleger em 2018”. Mudança pra melhor? Tem como acusar alguém de ser candidato do Sarney?

Exata-Mente?

Dino-Sarney:

Na cara de pau, mesmo usando as estruturas do governo para cooptar sarneysistas tarimbados como Gastão Vieira, Fufuca, Rogério Cafeteira, Pedro Lucas Fernandes, etc, Flávio Dino quer acusar adversários de serem “Sarney”. Pode?

Comunista vai repetir a tática manjada de acusar adversário de serem o problema, enquanto é ele o próprio comunista que repete as atitudes nada republicana das velhas oligarquias. Nas eleições passadas de 2016, as emissoras alugadas a preço de ouro usada pelo seu grupo fez a mesma coisa: acusa adversários dia e noite de serem “Sarney”, agindo eles próprios como “o Sarney”. Baixaria na  Difusora alugada por Weverton Rocha:

Flávio Dino imitando os oligarcas Vitorino Freire e José Sarney: De fachada se diz revolucionário, mas nas atitudes imita aquilo que há de pior na política: coopta aliados, usa estruturas públicas para se perpetuar no poder, vive acusando adversários daquilo que ele própria é e faz.

Loucura? Nada, veja abaixo as táticas do comunismo sendo desmentidas nos grupos de whstsapp:

“Nossos irmãos maranhenses estão indo embora para São Paulo em busca de oportunidades que estão sendo negadas em nosso rico, porém empobrecido estado do Maranhão”.

Estado grande, rico, porém continua explorando a pobreza, quando deveria explorar suas riquezas:

Doria em São Luís: força tucana em 2018…

Um pouco da passagem do prefeito tucano na capital maranhense.

O Maranhão da atualidade continua explorando as pobrezas, quando os gestores deveriam, se quisessem ou soubessem, desenvolver atividades para explorar suas riquezas.

Durante visita do prefeito tucano de São Paulo, João Doria, ao escritório político do senador Roberto Rocha, também do PSDB, o senador lamentou que milhares de conterrâneos continuam tendo que deixar suas cidades, casas, suas famílias, em busca de oportunidades em outros estados.

Em seu discurso, senador afirmou que vai usar seu mandato para fazer o Maranhão olhar para frente, destacando a criação da ZEMA, Zona de Exportação, que será uma realidade para tirar o Maranhão do atraso.  Também, os 15 % de royalties.

O senador Roberto Rocha garantiu que mais de 20 cidades por onde escoa a produção de minério vão passar a receber, a partir de agora, 15% de royalties segundo a Medida Provisória 789/2017, que aumenta para Estados e Municípios a receita proveniente dos royalties da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM).

Força tucana: Doria confirma que PSDB não quer aliança com PCdoB e que vai ter candidaturas a governador e presidente da Republica.

Em sua palavra, o  prefeito João Doria explicou sua vitória no chamado “cinturão vermelho”, vencendo a ala esquerdista liderada por partidos como PT, PCdoB, PSOL, PDT, saindo de 2%, passando por cima da ex-prefeita Luiza Erudina, e Fernando Hadade  (candidato de Lula) vencendo a eleição ainda no primeiro turno.

1 9 10 11