Monthly Archives: dezembro, 2017

Tática comunista é acusar adversários daquilo que são: 

Com o apoio de aliados de Sarney, Fl√°vio Dino diz que “vence” os “candidatos” de Sarney.¬†Confira outra campanha mentirosa dos comunistas:

Atitude de Flávio Dino demostra desespero, demostra que faz o mesmo, ou até pior que Roseana e seu paí fizeram por décadas para se perpetuarem mandando no governo do Maranhão.

No palanque de Fl√°vio Dino (que est√° em campanha eleitoral faz tempo) v√°rios aliados de Sarney. Acredite, √© com quem ‚Äúdestruiu o Maranh√£o por 40 anos‚ÄĚ que Fl√°vio Dino quer se reeleger em 2018‚ÄĚ. Mudan√ßa pra melhor? Tem como acusar algu√©m de ser candidato do Sarney?

Exata-Mente?

Dino-Sarney:

Na cara de pau, mesmo usando as estruturas do governo para cooptar sarneysistas tarimbados como Gast√£o Vieira, Fufuca, Rog√©rio Cafeteira, Pedro Lucas Fernandes, etc, Fl√°vio Dino quer acusar advers√°rios de serem “Sarney”. Pode?

Comunista vai repetir a t√°tica manjada de acusar advers√°rio de serem o problema, enquanto √© ele o pr√≥prio comunista que repete as atitudes nada republicana das velhas oligarquias. Nas elei√ß√Ķes passadas de 2016, as emissoras alugadas a pre√ßo de ouro usada pelo seu grupo fez a mesma coisa: acusa advers√°rios dia e noite de serem ‚ÄúSarney‚ÄĚ, agindo eles pr√≥prios como ‚Äúo Sarney‚ÄĚ. Baixaria na¬†¬†Difusora alugada por Weverton Rocha:

Fl√°vio Dino imitando os oligarcas Vitorino Freire e Jos√© Sarney: De fachada se diz revolucion√°rio, mas nas atitudes imita aquilo que h√° de pior na pol√≠tica: coopta aliados, usa estruturas p√ļblicas para se perpetuar no poder, vive acusando advers√°rios daquilo que ele pr√≥pria √© e faz.

Loucura? Nada, veja abaixo as t√°ticas do comunismo sendo desmentidas nos grupos de whstsapp:

“Nossos irm√£os maranhenses est√£o indo embora para S√£o Paulo em busca de oportunidades que est√£o sendo negadas em nosso rico, por√©m empobrecido estado do Maranh√£o”.

Estado grande, rico, porém continua explorando a pobreza, quando deveria explorar suas riquezas:

Doria em S√£o Lu√≠s: for√ßa tucana em 2018…

Um pouco da passagem do prefeito tucano na capital maranhense.

O Maranh√£o da atualidade continua explorando as pobrezas, quando os gestores deveriam, se quisessem ou soubessem, desenvolver atividades para explorar suas riquezas.

Durante visita do prefeito tucano de S√£o Paulo, Jo√£o Doria, ao escrit√≥rio pol√≠tico do senador Roberto Rocha, tamb√©m do PSDB, o senador lamentou que milhares de conterr√Ęneos continuam tendo que deixar suas cidades, casas, suas fam√≠lias, em busca de oportunidades em outros estados.

Em seu discurso, senador afirmou que vai usar seu mandato para fazer o Maranhão olhar para frente, destacando a criação da ZEMA, Zona de Exportação, que será uma realidade para tirar o Maranhão do atraso.  Também, os 15 % de royalties.

O senador Roberto Rocha garantiu que mais de 20 cidades por onde escoa a produção de minério vão passar a receber, a partir de agora, 15% de royalties segundo a Medida Provisória 789/2017, que aumenta para Estados e Municípios a receita proveniente dos royalties da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM).

Força tucana: Doria confirma que PSDB não quer aliança com PCdoB e que vai ter candidaturas a governador e presidente da Republica.

Em sua palavra, o¬† prefeito Jo√£o Doria explicou sua vit√≥ria no chamado “cintur√£o vermelho”, vencendo a ala esquerdista liderada por partidos como PT, PCdoB, PSOL, PDT, saindo de 2%, passando por cima da ex-prefeita Luiza Erudina, e Fernando Hadade¬† (candidato de Lula) vencendo a elei√ß√£o ainda no primeiro turno.

1 9 10 11