Alô, governador da “mudança”, Ministério Público aciona Caema por esgotos lançados nos rios…

0

Através do vídeo, a vergonhosa destruição de um importante rio que abastece várias cidades do Maranhão.  

Após denúncia do deputado Wellington do Curso, sobre o “rio de fezes” lançados no Rio Tocantins, o Ministério Público do Maranhão, que durante os três anos do governo da “mudança” de Flávio Dino, nada fez para impedir a destruição do Rio Tocantins, que abastece várias cidades, mas, hoje, encontra-se praticamente morto devido o descaso das autoridades.

No lugar do Rio Bacuri, em Imperatriz, apenas esgotos:

Três anos de “governo da mudança” Flávio Dino nada fez pelos rios.

Em três anos de “governo da mudança” Flávio Dino não tratou do Rio Tocantins, que está praticamente morto devido esgotos lançados in natura.

“Por meio do nosso projeto ‘Ouvindo o Maranhão’, recebemos inúmeras denúncias quanto ao lançamento de resíduos no Rio Tocantins. Recebemos a solicitação da visita e, por isso, antes da audiência pública em si, nós realizamos visitas de inspeções aos pontos de lançamento de resíduos líquidos no Rio Tocantins. Fomos ao Riacho do Meio e Bacuri, por exemplo; e constatamos o lançamento direto do esgoto sem qualquer tipo de tratamento. Visitamos também o ponto da Caema e percebemos a precariedade dos serviços ali ofertados. Tomamos ciência dos fatos e aproveitamos a audiência pública para cobrar um posicionamento do Ministério Público que, de forma mais ampla, é o responsável pela fiscalização. Ficamos felizes por saber que essa primeira etapa já foi cumprida. Agora, esperamos que tanto o município quanto o Governo do Estado, por meio da Caema, cumpra com as obrigações. O Rio Tocantins pede socorro”, disse o deputado.

Confira a denúncia:

Os comentários estão desativados.