Monthly Archives: agosto, 2016

No primeiro dia de programação da VIII Reunião Ampliada do Parlamento Amazônico, que acontece nesta quinta (25) e sexta (26) em Manaus (AM), o deputado estadual Júnior Verde (PRB) solicitou a integração econômica dos nove estados integrantes do colegiado. O parlamentar foi recebido na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas pelo presidente do Parlamento Amazônico, o deputado Sinésio Campos (PT).verde

A programação do encontro teve início na manhã desta quinta (25), quando os deputados que representam os nove estados debateram temas relevantes como a Zona Franca Verde, a praticagem na rota Manta/Manaus e as problemáticas ambientais envolvendo a seca na Amazônia para 2016.

“Defendi a integração econômica dos nove Estados da Amazônia, o que certamente irá ampliar a Zona Franca Verde. É necessária a união de forças e de esforços para o desenvolvimento da região. Essa integração se estende aos governos estaduais, parlamentos estaduais e governo federal”, defendeu Júnior Verde.

Fazem parte do Parlamento Amazônico os nove estados quem compõem a Amazônia Legal: Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

De repente, enxurrada de pesquisas aparecem dando vantagem para prefeito. Mas, essa história tem outro lado…

Observa-se nessa reta inicial das eleições que enxurradas de pesquisas tentam demostrar uma ampla vantagem dos candidatos forjados pelo Palácio dos Leões.

Tática do “já ganhou” demostra desespero do grupo político que domina a capital por vários anos e teme perder o espaço. O “consórcio comunista” , liderado pelo “governador da mudança”, Flávio Dino (PCdoB), continua jogando pesado para que seu grupo se mantenha no poder.

O problema é a rejeição altíssima de alguns de seus candidatos, como o prefeito Edivaldo Holanda, o principal representante do “consórcio”  elaborado pelos comunistas na capital do Maranhão. Edivaldo Holanda Júnior, que possui o apoio da máquina (ou máquinas públicas), apesar de aparecer em vantagem nas enxurradas que estão sendo jogadas ao público de São Luís, também não consegue esconder sua rejeição, que é altíssima.

O problema dessa tática do “já ganhou” é que pode trazer consequências graves aos donos do poder, que temem perder a mamata que dominam há vários anos. Abaixo, um trecho retirado de um blogue da capital que pode descrever a situação:

edi h

Palácio dos Leões e Prefeitura de São Luís, na praça Pedro II, Centro Histórico, são os locais que existem mais pokemons.

Não é brincadeira, devido ao grande número de assaltos e roubos de celulares, na região da Pedro II, nas localidades dos palácios do governo do estado e prefeitura de São Luís, que deverá ter um destacamento especial da PM destinada para proteger jogadores de Pokemon Go.

pokemom3

Taí uma boa coisa para o subprefeito que age no Centro Histórico mostrar que existe. O subprefeito do Centro de São Luís, Fábio Henrique Carvalho, que adora redes sociais, deveria mobilizar a segurança do Centro Histórico, pois o local vive abandonado. Tanto que o governo terá, a partir de agora, que providenciar segurança para o local, pois os assaltos estão fora de controle.

Jogadores explicam que no local, Praça Pedro II, existe uma grande concentração de Pokemons, em especial, nas proximidades do Palácio dos Leões. O lamentável disso tudo é que o pouco contingente que a PM possui, deverá  deixar de agir noutras áreas para protegerem caçadores de Pokemons.

pokemom4

Um alerta foi feito ao prefeito para evitar o acidente na Feira da Vicente Fialho ainda no primeiro ano de seu mandato, mas Edivaldo não teria dado atenção.

Nos bastidores, comenta-se que um relatório foi feito à SEMAPA (Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento) responsável pelas feiras da cidade, ainda no primeiro ano de seu mandato sugerindo uma reforma nos telhados para que o acidente fosse evitado, caso prefeito tomasse as devidas providencias.

Mas, o prefeito não deu atenção. O pior de tudo, esteve na semana passada no local pedindo votos aos feirantes. Graças a Deus ninguém se feriu na hora do acidente.

Abaixo, uma imagem retirada do blog do Neto Ferreira:

fialho

Para quem tinha dúvida sobre o candidato que o prefeito Gil Cutrim iria apoiar nesta eleição, não tem mais o que duvidar.

Após várias declarações de “namoro político” de correligionários de Julinho com o atual prefeito, a presença do vereador Negão (PDT) na caminhada do Julinho não deixa mais qualquer dúvida.1 Negão é o principal porta-voz da família Cutrim em São José de Ribamar, isso sem falar de outros candidatos a vereador, da base cupiniana, que a toda hora rasgam elogios a Julinho.

Na Câmara Municipal, Negão é o maior defensor e articulador político do desgastado prefeito. Desde a semana passada, o candidato a vice na chapa de Julinho, Edson Júnior, já não escondia de ninguém a boa relação da sua chapa com os Cutrins e o desejo de ter o apoio do prefeito e dos vereadores patrocinados pelo prefeito Gil Cutrim.

Na manhã desta segunda-feira, dia 29, ao comentar sobre a presença de Negão no primeiro evento de campanha de Julinho (que encontra-se impugnado, mas esta é outra história), Edson Júnior até negou que Gil já tenha declarado apoio, mas confirmou a presença de candidatos a vereador da ala dos cupins, na base de apoio do peemedebista.

O Negão está com Julinho, assim como o filho da Maiobinha, o Nestor, o Neildo, o Guilherme Mulato… Tá vindo muita gente boa… E se o prefeito desta cidade que AINDA não está com a gente quiser se aliar, quiser declarar o seu apoio à nossa coligação, eu, Edson Júnior, aceito de braços abertos o apoio do Gil Cutrim”, declarou Edson Júnior.

Com informações do site Ribamar Online

Em São José de Ribamar, musica de um vereador que promete acabar com o cupim que destruiu a cidade virou sucesso.

Essas eleições municipais vão ficar marcadas pela falta de dinheiro, também, pela originalidade que alguns candidatos estão usando para tocar suas candidaturas.

Abaixo, um jingle de campanha de um vereador da cidade de São José de Ribamar, que usou o apelido do prefeito, apelidado de “Gil Cupim”, que, segundo a musica de campanha, destruiu toda a cidade.

Abaixo, ouça jingle mais tocado do Maranhão…

Jornalistas analisam efeitos do Instituto DataM de Machadinho…

Foi descoberto que o instituto DataM mantém contrato de quase R$ 82 mil com a Prefeitura de São Luís, administrada pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior.consorcio comunista

Em análises feitas por jornalistas, o instituto DataM, favorece o prefeito Edivaldo Holanda em pesquisas, com quem mantem contrato de R$ 82 mil com a prefeitura.

O Jornalista Machadinho, que é dono da empresa DataM, teria ligação direta como o grupo do deputado Weverton Rocha, líder do PDT, partido do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, com quem está jogando todas as fichas na sua vitória ainda no segundo turno das eleições municipais da capital.

O DataM, segundo análises, tem sido denunciado por diversas irregularidades em pesquisas desde as eleições de 2010, deveria ser alvo não apenas do MP, mas, sobretudo, do TRE. (Informações blog do Marco Déça)

O candidato a prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), da coligação “Aliança Democrática Ribamarense”, que reúne 20 partidos, visitou na última semana mais de 20 bairros da cidade, na atividade de campanha denominada “Chegou Chegando”.fernando

Por onde passou, Luis Fernando recebeu o carinho dos moradores. Muitos seguiram nas caminhadas com o candidato majoritário, com o vice, Eudes Sampaio, com os candidatos a vereador e demais correligionários.

– Por onde passei, recebi declarações de apoio e reconhecimento pelo trabalho que fiz, não só referente aos seis anos que administrei o município, mas por tudo que consegui para São José de Ribamar desde que entrei na vida pública – disse o candidato.

Apesar do curto período de campanha, no máximo 40 dias, efetivamente, o objeto do candidato e da equipe de campanha é percorrer os mais de 130 bairros de São José de Ribamar.

De terça-feira (23) a domingo (28), Luis Fernando percorreu ruas dos bairros Juçatuba, Bom Jardim, Andiroba dos Gouveias, Vila Roseana Sarney, Mestre Antonio, Mangueirão, Parque Araçagy, Village Araçagy, São Benedito, Quinta, Cidade Alta, Sarney Filho II, Vila Marlene, Matinha, Nova Terra, Recanto da Paz, Santa Terezinha, Vilas Cafeteira, Karol, Kiane e Isabel, Maiobinha e J. Câmara.  fernando2

Nas conversas com os moradores, olhando no olho do cidadão, Luis Fernando reforçou o discurso que tem sido o tom da campanha, o de reconstruir São José de Ribamar.

– Recursos são sempre escassos para quem trabalha. Mas, mesmo assim é possível fazer muita coisa. É lógico que um prefeito não pode tudo, mas pode muito. E como já fizemos, vamos fazer de novo em prol do desenvolvimento da nossa cidade – enfatizou o tucano. (Marco Déça)

O jornal O Imparcial divulgou nesta segunda-feira (29), sua primeira pesquisa de intenção de votos. Realizada por um instituto próprio, os números apresentados são bem diferentes dos divulgados pelo Sistema Difusora, Sinduscon e DataM no último domingo (28).rejeicaoimpar

De acordo com o Impar Comunicação, Edivaldo Holanda Júnior (PDT) é o mais rejeitado pela população de São Luís, 37,5% diz votar de jeito nenhum no prefeito.

A rejeição de Edivaldo Holanda Júnior é bem superior a de todos os demais candidatos, ele está três vezes mais rejeitado que a deputada federal Eliziane Gama (PPS), que aparece com 15,01%. O vereador Fábio Câmara (PMDB) possui 5,67% de rejeição; o deputado estadual Wellington do Curso (PP) 5,15%; Rose Sales (PMB) 3,49%, já os demais possuem números inferiores a 2,5%.

A pesquisa foi registrada sob protocolo MA-02095/2016 e entrevistou 1100 pessoas entre os dias 18 e 25 de agosto. (Diego Emir)

1 2 3 4 17