Monthly Archives: Fevereiro, 2016

Monica Alves

Na tarde desta sexta-feira, 19, o Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de São Luís – SINFUSP/SL esteve reunido com os servidores – filiados – da Administração Municipal, em Assembleia Geral, com a finalidade de deliberarem à respeito da permanência ou não do Sindicato no quadro de filiados da Central Única dos Trabalhadores – CUT e Federação dos Trabalhadores da Administração e do Serviço Público Municipal do Estado do Maranhão – FETRAM.NOVA-GESTÃO

A Assembleia aconteceu na sede da FETIEMA ((Federação dos Trabalhadores na Indústria do Estado do Maranhão) e contou com a presença dos representantes da CUT – Valter César, da FETRAM – Osmar Aguiar e CONFETAM – Jociedson de Aguiar, convidados oficiais para participarem da discussão com a categoria.

Durante a realização da Assembleia, o Presidente do SINFUSP/SL, Francisco do Vale, iniciou a discussão acerca da convocação da Assembleia Geral para que os associados tomassem conhecimento e deliberassem sobre o processo de desfiliação da Central Sindical e Federação.

Segundo o Presidente, “foi uma decisão ocorrida em dezembro de 2015 pela Diretoria Executiva do SINFUSP/SL, pois não entendíamos por que não havia ações relacionadas aos avanços dessa vinculação do SINFUSP/SL à CUT que beneficiasse os associados. Havia uma inoperância por parte da CUT em não atuar solidariamente em prol dos associados do SINFUSP/SL, sempre deixando-os sem defesa perante os abusos e desrespeitos perpetrados pelos gestores Municipais em detrimento dos direitos dos servidores”, justificou.

De acordo com informações do SINFUSP/SL, a CUT recebia do Sindicato, aproximadamente, cerca de R$ 57.000,00 (Cinquenta e sete mil reais) por ano, somando aos percentuais da Contribuição Sindical Obrigatória. Levando em consideração que esses valores não se converteram em ações sindicais em prol dos associados e que durante o período de filiação, em parceria com as gestões anteriores do SINFUSP/SL, a CUT não promoveu ações judiciais importantes junto a instâncias superiores, seja STF, STJ ou TSE, em prol do reconhecimento de direitos dos servidores.

Diante disso, os servidores municipais de São Luís entenderam que havia falta de compromisso, ineficiência e ineficácia nessa parceria: CUT X SINFUSP/SL, desde sua celebração, uma vez que a luta pelos direitos dos trabalhadores é um enfrentamento árduo e diário e a Entidade acredita que não pode mais ficar sendo parceira de quem não defende a categoria. “Permitir a filiação na CUT sem benefícios para os associados significa manter os dirigentes de gestões passadas que insistem em lutar apenas para satisfazer seus interesses pessoais”, ressaltou o presidente Francisco do Vale.

No Brasil, mais de 41,3 milhões de trabalhadores brasileiros com carteira assinada descontam o valor de um dia de trabalho como contribuição sindical, ou seja, todo trabalhador com carteira assinada sustenta a CUT, pois o imposto sindical é obrigatório. A Central possui, em todo o Brasil, mais 2,7 mil sindicatos filiados. Em 2015, antes do fechamento do ano, a CUT abocanhou aproximadamente 51 milhões.

Para o servidor filiado ao SINFUSP/SL, José Guimarães dos Santos, “esta é a primeira vez que o sindicato prioriza a participação dos associados nas decisões importantes relacionadas à categoria”, alegou.

A decisão acertada em Assembleia Geral definiu, através da votação com crachás, 70 votos em favor da desfiliação da CUT e FETRAM, contra 12 votos pela manutenção do vínculo com as entidades. Ao final, o servidor municipal considerou a 1° de outras grandes vitórias já realizadas pela nova gestão, tendo como novo presidente Francisco do Vale.

Flávio Dino fechou contrato de 6 milhões em assessoria de imprensa e gestão de imagem – embora possua equipe própria de jornalistas no Palácio dos Leões. Diz a matéria da OUL.

Estou de alma lavada, mesmo ouvindo impropérios do secretário esculhambador, professor de jornalismo, que detesta imprensa “abelhuda”, que busca a verdade e detesta bajulações. Fico feliz pela verdade ser mostrada ao Brasil, após cobrar o governador Flávio Dino nas redes sociais (e ser bloqueado). Reveja:dINO

Há exatos 12 dias atrás, cobrei do governador que seu governo gastava milhões em publicidades, justamente na secretaria que tem mais funcionários e gasta milhões igual ou pior, que a “oligarquia Sarney” em verbas públicas.

Abaixo, fiquem com a vergonha maranhense estampada para todo o Brasil:

dINO

 

Nada de novo

Por José Reinaldo Tavares, ex-governador e deputado federal

O governo continua errando os seus alvos. E continua tentando domar o PMDB e vivendo de ilusões. É da natureza do PMDB essa divisão interna que muitos de dentro e também de fora do partido tentaram cooptar e não conseguiram. E acredito, não vai ser conseguido novamente. O governo jogou pesado pela eleição do deputado Leonardo Picciani do Rio de Janeiro para líder do partido na Câmara, mobilizou o seu pai, presidente da Assembleia do Rio que jogou tudo para eleger o filho, e fez com que nove deputados que estavam no ministério ou como secretários estaduais, reassumissem por um dia os seus mandatos e que acabada a votação voltaram aos cargos que ocupavam.Prefeitura de São Luís

Teve até promessas de ministério como o da Aviação Civil, destinado a bancada de Minas. Jogou pesado e ganhou por sete votos de diferença o que mostra a fragilidade do esforço. Sim, porque os suplentes já voltaram a ser deputados e feita as contas o governo só pode contar com o voto certo de apenas vinte e sete dos sessenta e sete deputados do PMDB.

Valeu a pena? Acho que não. Na verdade o governo nem consegue o apoio maciço do PT… Mas, se disser que Eduardo Cunha está do outro lado a presidente não resiste e parte para briga, sem avaliar muito bem os resultados. Pelo que vejo lá, nada mudou, o ambiente vai continuar hostil. Acredito que a presidente só conseguirá tirar o país da situação em que seu primeiro governo colocou o Brasil se partir para a conciliação, com o parlamento e com a sociedade.

Mas, para isso ela terá primeiro reconhecer o caos em que colocou a economia nacional. Reconhecer que gasta muito mais do que pode tanto com pessoal como em custeio, que isso precisa parar, porque senão a dívida pública vai continuar subindo junto com os juros e o dólar e o desemprego, procurando financiar a gastança sem sentido nenhum para o desenvolvimento da nação.

Ela precisa cortar o aparelhamento desenfreado do governo pelos militantes do PT. A começar da Presidência da República lotada de assessores nem sempre qualificados. Na revista Veja desta semana um petista que há mais de vinte anos trabalhava na Casa Civil e era subchefe, cansou de alertar sucessivos Ministros da Casa Civil, entre os quais a própria Dilma, que não “cabia mais nem uma pulga” ali, com o agravante é que era gente sem qualificação adequada e podiam ter problemas com isso no futuro. Centenas de DAS foram criados e a qualidade foi perdida.

Mas, ninguém acredita que ela fará isso temendo a reação do PT onde ela não tem controle nenhum. Isso chegou ao cerne do governo, ao Palácio do Planalto, imagina nos demais ministérios. Mas, para ter autoridade de propor sacrifícios à Nação é necessário que ela demonstre que os cortes começarão por ela. Como ninguém acredita que ela vai fazer isso fica muito difícil o apoio dos demais.

Estamos em um tremendo impasse, que só ela pode romper, mas dificilmente o fará. Essa é a realidade tenebrosa que ameaça a todos, com perda rápida da governabilidade e da credibilidade.

Mudando de assunto vamos atabalhoadamente e sem estrutura combatendo o Aedes aegypti. Luta inglória segundo o infectologista Artur Timerman, presidente da Sociedade Brasileira de Dengues e Arboviroses dada a capacidade de adaptação do mosquito e das condições brasileiras de país tropical de clima quente e úmido, com as cidades cercadas de lixões que são depositados sem nenhum critério, sem sistemas adequados de drenagem urbana, sem tratamento e sistemas de coleta de esgoto, com imensas deficiências no fornecimento de água potável, principalmente no Nordeste que por isso mesmo é a região onde são registrados o maior número de casos, de dengues, microcefalia e demais doenças correlatas.

Para ele só teremos proteção efetiva com a vacina, mas se queixava de que não conseguia e obter do governo o material e nem a verba necessária para a pesquisa. No nordeste os cientistas tem que pegar reagentes emprestados para trabalhar, e identificar os anticorpos no sangue produzidos pela infecção. Sem isso não será possível desenvolver a vacina.

Ir atrás do mosquito como o governo está fazendo pode minorar o problema em certas áreas urbanas pode ter algum efeito local, mas não resolverá o problema pois até para a notificação não existe um padrão e cada estado faz de um jeito, o que cientificamente não tem valor por falta de credibilidade. Como já temos muitos casos de pessoas infectadas, depois de visitar o Brasil, no exterior é possível que eles em breve desenvolvam a vacina.

É a nossa esperança! O Brasil desorganizado desse jeito dificilmente terá sucesso a curto prazo, embora tenhamos excelentes cientistas, mas não tem apoio do governo.

Greve de ônibus é motivada pela falta de pagamento de salários, mas os motoristas e cobradores reclamam da violência e constantes assaltos.

Ainda ontem houve uma pequena paralisação, que serviu para mostrar que o movimento encabeçado pelos Rodoviários estava falando sério, mas, os donos de empresas e a Prefeitura de São Luís, pelo jeito não deu créditos, e hoje, a cidade está parada, sem ônibus circulando.

Abaixo, nota enviada pelo Sindicato dos Rodoviários:

COMUNICADO: Rodoviários deflagram greve na capital por tempo indeterminado.

DON´T BLOCK ME 5

Em entrevista, deputado Edivaldo Holanda retorna a São Luís para articular os bastidores das eleições de 2016… 

Momento importantes da conversa com o deputado Edivaldo Holanda PTC, que falou sobre a interrupção de seu tratamento de saúde em São Pulo, para estar presente na cena política da capital do Maranhão, tudo indica para acudir seu filho, que vai tentar sua reeleição a prefeito da capital.

Na imagem abaixo, Edivaldo Holanda abraçando o novo coordenador da bancada maranhense na Câmara dos Deputados, André Fufuca, que visitou a Assembleia:edh

Em resposta às perguntas elaboradas pela imprensa, o deputado que retornou nesta segunda-feira, 22, duma licença médica que o afastou por 3 meses.

Perguntei sobre as eleições, pois seu retorno a São Luís implica no fortalecimento da reeleição de seu filho, o prefeito de São Luís.

Abaixo, as declarações do deputado, pai coruja:

  • PSB deverá ser parceiro nas eleições municipais com aval de Roberto Rocha e Zé Reinaldo.
  • A indicação do vice-prefeito, que fará composição da chapa do prefeito será feita pelo PCdoB (Palácio dos Leões).
  • Bira do Pindaré é um grande deputado, um bom secretário, um bom nome, mas não traz preocupação…
  • Sobre a eleição da Mesa Diretora, Edivaldo Holanda não demostrou interesse, foi evasivo ao dizer que “ainda vai dialogar com o presidente sobre a questão”, e muito menos “ficar preso” em comissões. Ou seja, seu maior empenho será os bastidores das eleições.

Confira no áudio abaixo:

 

 

Faz favor, Flávio Dino: obras não são favores…

Infelizmente ainda fazem obras como no método da oligarquia. Obras não são favores, são obrigações.

Pontos positivos estão sendo engolidos pelos pontos negativos…

No segundo ano do mandato do governo comunista, ainda se vê amadorismo na condução política. Os acertos de sua equipe, que luta contra o tempo para mostrar diferença, mudanças, parecem ser destruídos pela condução política. Existem mudanças, existem acertos, mas os vícios políticos parecem estragar todos esforços de quem realmente tem interesse de mudar a triste realidade do Maranhão, de pobreza, de abandono, de politicagens.

Abaixo, duas demonstrações dessa infeliz prática que os comunistas fazem questão de mostrar que não mudou…

Ponto positivo: Flávio Dino anunciando obras. Mas…

Da forma como está sendo feito seu anúncio, acaba estraga tudo. O pior que a Comunicação estatal segue no mesmo rumo passando a ideia que o governo está fazendo favores à população.

OBS: Se nosso governador deixasse de ouvir elogios de seus súditos, e desbloqueasse os jornalistas de seu TUÍTER, para ouvir críticas, sugestões, talvez seu segundo ano de governo rendesse mais. Mas…

Faz favor, governador...

Faz favor, governador…

Politicalha e politiquices, o PCdoB, partido de Jerry e Dino, conseguiu entrar noutra disputa eleitoral. 

Abaixo, uma noticia que ganhou proporção gigantesca nas redes sociais, o Palácio dos Leões, como  nos governos de Roseana Sarney, se entrometendo, demais, nas questões políticas. Em Santa Inês, município de interesse governista, já estava nas mãos do PSDB, governo, mas, sabe como é vício de mandar, o gosto do poder…

Palácio dos Leões querendo “comer as carnes” dos eleitores de Santa Inês…

Erro governista

Erro governista

 

Na capital do Maranhão, parceria entre Prefeitura de São Luís com Governo do Estado falha, e vereador é obrigado fazer tapa-buracos com recursos próprios. 

Após incansáveis tentativas de trazer o programa estadual “Mais Asfalto” para o Turu, vereador posta foto nas redes sociais, assumindo obra da Prefeitura e do Governo….

Na área do Turu-Planalto, a buraqueira incomodou tanto, que os eleitores foram obrigados a bater nas portas de dois vereadores. Ivaldo Rodrigues (PDT) e  Marquinhos (DEM), que brigam acirradamente pela base política naquela comunidade, pelo jeito, terão que “se virar nos 30”, agindo por conta própria, se quiserem se reeleger nas eleições que se aproximam.

Confira abaixo, as imagens retiradas das redes sociais:

MARQ

Na manhã desta quinta-feira (18), o deputado estadual Wellington do Curso  (PPS), utilizou a tribuna da Casa Parlamentar para cobrar do secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, celeridade nas investigações do crime ocorrido na noite da última quarta-feira (17), em Coroatá, contra um jovem professor de Matemática, que foi assassinado dentro de casa.517af5a9245a84a67bb3c190609d0d59

Ao relatar o fato, o parlamentar externou sua preocupação com a Segurança Pública no Estado devido aos constantes crimes que vêm acontecendo e não foram solucionados, o que, segundo ele, favorece a impunidade e estimula o aumento da violência.

“Hoje é um dia de luto para a Educação do Maranhão, especificamente na cidade de Coroatá. Ontem, por volta das 22h30min, no bairro Trizidela, localizado na cidade de Coroatá, o jovem professor, Leonel Pereira, foi atingido com um tiro no peito, após reagir a um assalto por dois suspeitos dentro de sua casa. Em defesa da vida e da justiça, solicitamos ao secretário Jefferson Portela celeridade e atenção ao caso, e que cobre do delegado de Coroatá, empenho nas investigações para que possa colocar na cadeia, o mais rápido possível, o assassino do jovem Leonel. Pedimos o empenho do secretário de Segurança Pública para averiguação e investigação dessa morte, pois, caso não ocorra, isso favorecerá a impunidade e, consequentemente, aumentará os atos de violência”, argumentou o parlamentar, ao fazer referência ao assassinato do jovem blogueiro, Ítalo Diniz, que completou três meses e ainda não foi solucionado, no município de Governador Nunes Freire.

O deputado estadual, Zé Inácio (PT), participou, na manhã desta quinta-feira (18), do ato de posse do prefeito de Santa Inês, Ednaldo Alves Lima (PT), popularmente conhecido como “Dino”, que assumirá interinamente o município. A solenidade aconteceu na Câmara de vereadores do município e contou com a presença de 13 dos 17 vereadores, diversas autoridades, dirigentes partidários do PT, lideranças políticas e membros da sociedade civil, que declararam total apoio ao novo prefeito.inac

Na oportunidade, Zé Inácio parabenizou o juiz da 1ª Vara de Justiça da Comarca de Santa Inês pelo deferimento da liminar que levou Dino ao executivo municipal, e, destacou, também, aimportância de um mandato com participação popular e controle social, além de reafirmar o seu compromisso, enquanto deputado estadual, com o município.

“A justiça assegurou a vontade da população santainesense, que anseia por uma cidade mais feliz e desenvolvida. É de fundamental importância que se tenha, em Santa Inês, uma gestão compartilhada, um mandato com participação popular e controle social, e o apoio dos governos federal e estadual. Enquanto deputado estadual, reafirmo o nosso compromisso em somar esforços junto ao governo do Estado e à Prefeitura de Santa Inês para encaminhar recursos à cidade, possibilitando, desta forma, melhores condições para o novo prefeito gerir o município e contribuir, assim, para o desenvolvimento desta promissora cidade”, ressaltou o deputado.

Entenda o caso:

A 1ª Vara da Comarca de Santa Inês acolheu, nesta quarta-feira (17), o pedido para que Dino ocupasse imediatamente a cadeira de prefeito, enquanto Ribamar Alves (PSB) permanece afastado da cidade por motivos de irregularidades com a Justiça.

São Luis 2016: “O partido tem uma candidata à prefeitura de São Luís e chama-se Eliziane Gama”, diz porta-voz da Rede em recado expresso a Bira

Robert Lobato – A Rede Sustentabilidade não trabalha com outra hipótese quando o assunto é eleição para a Prefeitura de São Luis.gledson

Segundo o porta-vez estadual do partido, professor Gledson Brito, apenas a deputada federal Eliziane Gama faz parte do projeto político-eleitoral da Rede na eleição majoritária de 2016 na capital. Brito descartou qualquer possibilidade dos “marineiros” trocarem a irmã pelo secretário de Ciência e Tecnologia, Bira do Pindaré (ainda no PSB).

“A Rede no Maranhão tem uma candidata a prefeitura de São Luís e chama-se Eliziane Gama. Não há e nunca houve a menor e mais vaga possibilidade de ser diferente, pois Eliziane faz parte do nosso projeto desde a construção do partido e não há nada sendo feito ou tratado na Rede que nós, do Maranhão, não estejamos sendo protagonistas das conversas, Se alguém, dentro ou fora da Rede Sustentabilidade, fez qualquer gesto ou aceno para o secretário Bira do Pindaré e este nome vier a público, certamente sofrerá sanções partidárias e até expulsão por fazer gesto eleitoral que contradiz a orientação do partido”, assegurou.

Gledson Brito disse ainda que a Rede aprovou, no ano passado, uma moção que deixou claro que os redistas marcharão com Eliziane Gama em qualquer hipótese, mesmo que ela eventualmente tenha que deixar a legenda por questões táticas/estratégicas.

“Aprovamos ano passado uma moção de apoio à Eliziane Gama na plenária da Rede e ela estava no PPS. O documento dizia ‘em qualquer hipótese apoiamos Eliziane’. E o nosso partido tem por princípio respeitar as decisões das instância partidárias, não somos um organismo verticalizado”, afirmou.

As declarações do dirigente redista chegam no momento em que setores da imprensa, notadamente na blogosfera, noticiam que o deputado estadual licenciado Bira do Pindaré pode concorrer a prefeito de São Luis pela Rede.

E assim vai se fechando mais uma possibilidade partidária para o deputado Bira do Pindaré, que acabará tendo que se abrigar no Solidariedade.

1 2 3 4 5 9